Mania de perseguição – Por que pode estar ocorrendo?

mania de perseguição Cuidado com a mania de perseguição

Frequentemente você acredita que as pessoas ao seu redor estão observando cada passo que você dá e estão sempre atentas e prontas para apontar o dedo para você caso você dê qualquer tipo de deslize? Você costuma ter a impressão de que ao chegar nos lugares, seja no trabalho ou fora dele, todos ficam te olhando, comentando tudo o que você está fazendo e até mesmo rindo de suas atitudes e comportamentos?

O coaching pode te ajudar com padrões negativos de comportamento! Você sabe o que é? Baixe nosso ebook gratuito e descubra tudo sobre coaching!

Se a sua resposta foi sim para estas perguntas, é importante que você passe a observar melhor esta situação, pois você pode estar sofrendo de mania de perseguição, que trata-se de um transtorno, que traz consequências capazes de transformar, de forma negativa, a vida de uma pessoa.

Convido você a me acompanhar neste leitura e entender um pouco mais do que se trata a mania de perseguição, os motivos que fazem com que ela surja e o que você pode fazer em seu dia a dia para afastá-la de sua vida de forma definitiva.

Mania de perseguição, o que é?

Como eu disse no início deste artigo, a mania de perseguição é considerado um transtorno psicológico, que faz com que a pessoa que dela sofre acredite que todos ao seu redor estão sempre lhe observando, falando sobre cada passo que ela dá e rindo de seus comportamentos e atitudes, o que tem como principal consequência o isolamento social, entre outros fatores que mexem significativamente com a vida deste indivíduo.

Assim como diversos tipos de transtornos, a mania de perseguição tem alguns graus de intensidade, sendo considerada leve quando se apresenta em forma de timidez excessiva e moderada ou grave a partir do momento que se torna um sintoma de transtornos psicológicos como a síndrome do pânico, a depressão ou a esquizofrenia, que tem como uma de suas principais características a alterações consideráveis no funcionamento da mente da pessoa que sofre deste problema.

Principais características

Já citei aqui algumas características que envolvem a personalidade de quem sofre de mania de perseguição. Vou compartilhar mais algumas para que você consiga identificar se passa por este problema ou se conhece alguém que convive com esta situação diariamente. Confira:

  • São pessoas geralmente isoladas dos demais;
  • Evitam ao máximo a convivência e interação com outras pessoas;
  • Têm medo do que as pessoas ao seu redor pensam e falam sobre seus comportamentos e atitudes;
  • Acreditam que são constantemente observadas por todos e que estes fazem comentários e riem de suas ações;
  • Por serem extremamente desconfiadas de tudo e de todos, acabam não se abrindo para novos relacionamentos e nem deixando que haja um aprofundamento dos relacionamentos antigos, independentemente de serem amorosos ou não;
  • São pessoas com baixa autoestima e autoconfiança, o que as leva a serem altamente inseguras também;
  • Sentem-se bastante culpadas por tudo o que lhes acontece e também por tudo o que acontece ao seu redor, mesmo que não tenham relação direta com o fato ocorrido;
  • Sentem-se também bastante angustiadas e com mal-estar frequentes, em decorrência deste excesso de culpa;
  • Têm uma autocrítica exagerada, o que faz com que acabem se comparando com os demais que lhes rodeiam o tempo todo.

Estas são as principais características relacionadas a este distúrbio. Entretanto, se tratar-se de casos verdadeiramente intensos do transtorno, o indivíduo que sofre deste problema pode também sentir um medo considerado incontrolável, passar a tremer bastante, a produzir suor de maneira excessiva, ter alucinações, visão ou audição alterada, sendo estes últimos sintomas diretamente ligados a casos em que esta pessoa tem diagnóstico de esquizofrenia.

É preciso ficar atento, para que assim seja possível buscar ajuda ou ajudar quem está enfrentando esta situação sem contar com o apoio de ninguém ao redor.

Por que pode estar ocorrendo?

De acordo com especialistas a mania de perseguição se manifesta em decorrência, principalmente, de baixa autoestima e falta de autoconfiança. Além disso, como eu disse nos parágrafos anteriores, ela pode ocorrer como o sintoma de determinadas doenças psicológicas, como a síndrome do pânico, a depressão e, a que ela surge com mais frequência, que é a esquizofrenia.

Como estamos em um mundo cada vez mais competitivo, que abre espaço para o surgimento dos mais diversos tipos de problemas sociais, isso acaba aumentando, de forma significativa, os níveis de desconfiança e insegurança das pessoas de maneira geral, o que acarreta em um impacto justamente na autoestima e autoconfiança de qualquer pessoa.

É importante destacar que desconfiar é saudável quando ocorre na medida certa, uma vez que serve para que nos mantenhamos alerta para os perigos reais que nos rodeiam. Entretanto, a partir do momento que esta desconfiança se torna excessiva, sendo capaz de deixar o indivíduo completamente paranóico com o universo ao seu redor, é necessário que este problema seja observado mais de perto, pois esta pessoa pode estar sofrendo de mania de perseguição.

O que fazer para lidar com a mania de perseguição?

Como pudemos perceber até aqui, viver com mania de perseguição não é nada fácil. São diversas situações a serem enfrentadas e em muitos momentos, a pessoa que sofre com este transtorno psicológico, acaba acreditando que as sensações que citei mais acima nunca vão passar e que ela está verdadeiramente só neste processo.

Entenda seus comportamentos na essência com o coaching! Baixe gratuitamente nosso ebook completo sobre o assunto

Se você se encaixa nesse perfil, saiba que é possível sim lidar com este problema de forma saudável e superar este grande desafio, contando com ajuda especializada e incluindo algumas atividades no dia a dia. Veja quais são elas a seguir:

Procurar ajuda especializada

Para aqueles que acreditam ter mania de perseguição, o primeiro e mais importante passo para lidar com o problema é procurar ajuda especializada de psicólogos e psiquiatras, que serão capazes de identificar as características e sintomas que a pessoa apresenta e, a partir disso, indicar o melhor tratamento a ser seguido deste momento em diante.

Trabalhar a autoestima e autoconfiança

Quando falo em trabalhar a autoestima e autoconfiança, estou falando sobre a necessidade de iniciar e desenvolver o processo de autoconhecimento. Será através dele que a pessoa com mania de perseguição vai saber o quanto é dotada de boas habilidades, competências e recursos internos, verdadeiramente capazes de fazer com que ela sinta-se fortalecida e pronta para superar este grande desafio em sua jornada.

Desenvolvendo o seu autoconhecimento, este indivíduo vai poder focar mais neste lado positivo, ou seja, nos melhores aspectos de sua personalidade e, quando sentir-se insegura, com a autoestima e autoconfiança em baixa, vai se lembrar de cada um deles e sair deste ciclo que acaba por prejudicar a sua saúde mental e até mesmo física.

Praticar atividades físicas

Algo que também ajuda neste processo de melhora da autoestima e autoconfiança é a prática de atividades físicas. Isso acontece devido à grande sensação de bem-estar causada ao final de cada exercício, que faz com que o indivíduo sinta-se mais fortalecido internamente e capaz de superar quaisquer tipos de problemas que venham a surgir em seu caminho.

Ter relações saudáveis

Todos nós sabemos que, independentemente de termos ou não mania de perseguição, existem pessoas tóxicas, que, infelizmente têm o poder de nos deixar para baixo em alguns momentos.

Neste sentido, é essencial afastar-se destas pessoas e procurar cultivar relacionamentos que façam com que o indivíduo se lembre o quão especial é, que levantem o seu astral, deixando-o animado, ao invés de fazer o contrário, pois isso vai ajudar, e muito, também neste processo de melhora da autoestima e autoconfiança, trazendo mais segurança para a sua vida.

Visitar bons ambientes

O que quero dizer com bons ambientes é que a pessoa com mania de perseguição deve procurar estar sempre em locais que lhe tragam bons pensamentos e sentimentos, evitando, ao máximo, estar em ambientes com os quais não se identifique, nem com o local e nem com as pessoas que o frequentam.

Pode parecer simples e sem efeito, mas fazer isso ajuda bastante, pois faz com este indivíduo sinta-se acolhido, sinta que tem um lugar no mundo e que não está, em momento algum, sozinho para superar seus problemas.

Conte com o apoio do Coaching

Por se tratar de um processo de trabalha, de forma intensa, o autoconhecimento do indivíduo, bem como desenvolve, progressivamente, a sua inteligência emocional, o Coaching é uma grande apoio e auxílio na superação da mania de perseguição.

Através de técnicas e ferramentas, que são aprendidas ao longo de formações como o Professional & Self Coaching – PSC, a pessoa que se permite conhecer e passar por este processo, começa a se conhecer cada vez melhor, compreendendo seus pontos fortes, seus melhores recursos internos, algo que vai lhe ajudar a se sentir cada vez mais fortalecida para enfrentar este grande problema.

Além disso, será possível também conhecer melhor a próprias emoções, identificando de onde e os motivos que fazem com que elas surjam, para que assim se tenha a oportunidade de controlar os sentimentos negativos e dar cada vez mais espaço para que os sentimentos positivos tomem conta de forma definitiva.

Tudo isso é verdadeiramente efetivo na prática, pois, conforme o tempo vai passando e a pessoa vai aplicando as técnicas e ferramentas do Coaching em sua vida, que aprende no PSC, ela vai sentindo que a sua autoestima e autoconfiança vão melhorando de forma significativa, o que afasta qualquer insegurança decorrente da mania de perseguição.

Permita-se superar os desafios que lhe impedem de se tornar uma pessoa mais feliz, plena e realizada.

Entre em contato com um de nossos consultores coaches e inscreva-se agora mesmo para a próxima turma do PSC em sua cidade!

Ser de Luz, gostou deste conteúdo? O que você achou de saber um pouco mais sobre a mania de perseguição? Convido você a deixar o seu comentário e compartilhar este artigo com seus amigos, em suas redes sociais, para que eles também tenham a oportunidade de ampliar o seu leque de conhecimentos.

Créditos da Imagem: Por Nestor Rizhniak – ID da foto stock livre de direitos: 573107023

O artigo é bom, né?

No IBC é assim, não custa nada evoluir e alcançar resultados extraordinários. Se você quer seguir por esse caminho de evolução é só baixar o nosso e-book gratuito,
Tudo sobre Coaching. Preencha o formulário abaixo com seus dados para ler.
Deixe seu Comentário

IBC - Instituto Brasileiro de Coaching: Av. Prof. Venerando Freitas Borges, 561 - Setor Jaó - Goiânia/ GO - CEP: 74.673-010