A Liderança e a Gestão de Pessoas

Apesar do ser humano viver em sociedade, lidar com pessoas ainda é um desafio. Não à toa, as relações sociais foram e ainda são temas de diversos debates e estudos datados de diferentes períodos. Toda essa complexidade pode ser visualizada no ambiente corporativo, formado por profissionais de diferentes personalidades, cujo o confronto de valores e opiniões comumente resulta em conflitos e outros problemas que prejudicam o trabalho em equipe.

Os líderes exercem papel fundamental na manutenção de um ótimo ambiente de trabalho, em que o convívio satisfaça todos os colaboradores. Muito mais além que somente gerir uma equipe, é seu dever compreender os desdobramentos que envolvem o relacionamento interpessoal. Para isso, esses cargos devem ser ocupados por profissionais devidamente treinados e capazes de valorizar e compreender o ser humano.

Por esse motivo, ao contrário do que muitos pensam, a gestão de pessoas é uma das funções da área de liderança nas organizações, não do RH. Essa ideia é pautada na teoria de que o líder conhece bem cada membro de sua equipe, o que o torna mais capacitado para administrar e integrar seus valores, desejos, opiniões, etc.

O exercício da liderança nas organizações deve zelar por cada um dos colaboradores, de forma que eles fiquem satisfeitos e motivados constantemente. Gerir pessoas constitui, sobretudo, em saber identificar corretamente como cada um reage nas diferentes situações e mudanças impostas por fatores internos e externos que fazem parte do expediente de qualquer corporação. As lideranças precisam entender bem as capacidades e exigências de seus liderados para relacioná-las ao contexto atual e tomar as decisões mais assertivas, de forma que todos saiam beneficiados. Somente dessa forma, serão capazes de direcionar um bom trabalho em equipe, viabilizando o sucesso da organização de forma sustentável.

Uma gestão de pessoas eficaz requer acompanhamento constante do trabalho desempenhado pela equipe, bem como a realização de feedbacks que permitam visualizar possíveis problemas e frustrações que envolvam outros colegas de equipe. Delegar tarefas com sabedoria e equilíbrio, valorizando o talento e ajudando cada um dos colaboradores a aprimorar suas habilidades, também é uma estratégia muito eficiente para construir um ambiente de trabalho em que todos visualizem com clareza a importância de sua função. Ninguém melhor para elaborar essas e outras ações do tipo que não o próprio líder.

Como garantir a gestão de pessoas no ambiente de trabalho

A liderança nas organizações, portanto, tem papel muito mais além do que as obrigações hierárquicas tradicionais. Saber gerir pessoas é uma tarefa muito complexa, que exige muita paciência, discernimento e compreensão. Por isso, precisam fazer parte das habilidades de um bom líder.

As empresas devem treinar adequadamente a sua área de recrutamento e seleção para ocupar os cargos de liderança com perfis ideais. Além da boa capacitação técnica, esse tipo de processo seletivo deve considerar o grau de motivação e a forma como essas pessoas encaram o desempenho da função de líder.

A entrevista de emprego é o momento mais adequado para realizar essa análise, porque muitos profissionais com esse tipo de experiência no currículo geralmente permaneceram um longo período no mesmo cargo e já têm hábitos que serão difíceis de mudar. Nesse caso, implementar novas políticas de trabalho relacionadas aos valores da empresa contratante poderá soar como algo chato e desnecessário.

Para evitar que isso aconteça, é preciso que as características e comportamentos empreendedores sejam identificados no momento da entrevista. Falar que é líder é fácil. Difícil é comprovar as habilidades necessárias para esse tipo de cargo durante um teste prático. Deixe claro que a liderança é uma característica importante para sua empresa e que faz parte da sua cultura corporativa.

Tentar modificar a estrutura organizacional e despertar a liderança em colaboradores mais antigos custa caro e nem sempre é bem aceito por todos. Serão necessárias várias campanhas de Marketing interno, palestras, envolvimento, cursos, manuais e bastante dinheiro investido. Se quiser manter um alto nível de identificação entre os valores da empresa e o dos seus colaboradores, jogue limpo e mostre desde o início o que a empresa deseja de seus funcionários. Mudar as regras do jogo no meio da partida pode parecer algo desagradável.

Quer desenvolver as suas habilidades como líder? O Instituto Brasileiro de Coaching possui uma formação completa que foca na liderança e gestão de pessoas: o Professional & Self Coaching. Essa ferramenta é considerada altamente eficaz para oxigenar as estruturas organizacionais e despertar o líder que há dentro de você. Não hesite, faça Coaching com o IBC!

Compartilhe esse post

Conquiste mais, seja um coach!

  • Novas Possibilidades na Carreira

    Novas Possibilidades na Carreira

  • Mais Qualidade na Vida

    Mais Qualidade na Vida

  • Resultados Extraordinários

    Resultados Extraordinários

permita-se ir além! Chegou o momento de uma nova etapa da sua história

Concordo com a Politica de PrivacidadeAo concordar com a politica e privacidade você aceita receber e-mails do IBC com conteúdos gratuitos de Coaching, informativos de palestras e cursos do IBC