Fechar
Para trilhar seu caminho você precisa dar o primeiro passo
Valor do curso: Gratuito
Preencha o formulário e aproveite esta oportunidade incrível
Qual sua profissão atual/área de atuação?*
Administrador / Gestor / Líder
Psicólogo / Psicanalista / Terapeuta
Empresário / Empreendedor / Dono de Empresa
Consultor / Vendedor
Professor / Pedagogo / Treinador / Palestrante
Outros
O que você procura com o coaching?*
Quero multiplicar o Coaching dentro da empresa onde trabalho.
Sou psicólogo ou psicanalista e quero ampliar as possibilidades de trabalho.
Quero usar as técnicas para aplicar na minha carreira e me destacar no mercado.
Busco o autoconhecimento e minha evolução pessoal.
Quero melhorar minha liderança e a performance da minha equipe.
Quero me tornar um Coach e viver disso.

Como planejar melhor o "ciclo de vida" da minha empresa?

09/11/17
ciclo de vida de uma empresa
Planejando o ciclo de vida da minha empresa

Todo bom empreendedor, antes de iniciar o planejamento de um novo negócio até chegar o momento da inauguração, procura estudar e fazer pesquisas que possam amenizar ou diminuir ao máximo o risco de erro. Toda essa cautela é fundamental para o ciclo de vida de uma empresa, continue lendo esse artigo e entenda por quê.

Você já ouviu falar que existe ciclo de vida de uma empresa? Sim, isso existe! Para que fique fácil a sua compreensão sobre esse assunto, entenda que as empresas passam por fases, ou seja, elas nascem, evoluem e crescem, com o tempo, se não houver um certo cuidado e muito trabalho estratégico, elas podem morrer.

Assim como os serem humanos, as empresas possuem um ciclo de vida, e esse ciclo é marcado por fases que são: Introdução, Crescimento, Maturidade e Declínio. É através do planejamento que um empreendedor consegue descobrir, o que cada uma dessas fases significa, contudo, separei algumas dicas do que é cada uma dessas fases para você compreender melhor sobre o ciclo de vida de uma empresa.

Introdução

A fase da introdução é basicamente organizar as instalações da empresa, contratar e treinar os colaboradores, abastecer todo o estoque, elaborar um planejamento estratégico e divulgar a data da inauguração em diversos veículos de comunicação.

Crescimento

É nessa fase que as ações da empresa começam a dar um resultado financeiro positivo. É interessante que os empreendedores de primeira viagem entendam que esta fase leva de dois a quatro anos para começar a surgir. Esse período é quando a empresa começa a ser conhecida pelo mercado e também pelos consumidores que se tornam clientes.

Maturidade

Na fase da maturidade, a empresa consegue se pagar ou se sustentar, como muitos dizem. Os clientes já são fiéis e conseguem deter uma boa fatia do mercado. Nessa fase da empresa, quando é comparada com a concorrência, sabe do seu destaque perante o mercado e supera a concorrência com facilidade. É importante saber que essa fase pode durar longas décadas, mas também pode durar apenas alguns anos. Toda atenção é sempre bem-vinda.

Declínio

De alguma forma, em algum momento, todas as empresas entram na fase de declínio, muitas vezes, isso acontece quando seus produtos e serviços se tornam ultrapassados pela concorrência. Nessa fase, a inovação do concorrente é lançada antes da inovação da sua empresa, a dica é, reaja! Se a sua empresa não reagir a essa concorrência, ela pode morrer, ou seja, falir.

No livro “Os ciclos de Vida das Organizações”, diz que para administrar bem uma empresa em todas as fases citadas anteriormente, é preciso se concentrar nos desafios mais pertinentes ao estágio atual da organização no ciclo de vida. Ou seja, é preciso saber superar as dificuldades e sair da fase de declínio o quanto antes para que a empresa não dê o decreto de falência.

É imprescindível que a empresa consiga passar ao estágio seguinte, além de conseguir sair mais forte e mais segura de si depois do aprendizado e da superação dos desafios que foram enfrentados.

No livro citado, diz que “crescer significa a capacidade de lidar com problemas maiores e mais complexos”. Portanto, pode-se concluir que ao superar obstáculos, uma empresa começa um novo ciclo de vida, onde poderá colher bons frutos e aumentar sua rentabilidade, lembrando que o planejamento é sempre indispensável para que uma empresa inicie um novo ciclo de vida, por tanto, planejar de maneira que seja possível “imaginar” todas as dificuldades para evitar um possível declínio, é a forma mais assertiva de planejar o ciclo de vida de uma empresa.

E você empreendedor, como anda o planejamento do ciclo de vida da sua empresa? Use o espaço abaixo para deixar seu comentário, compartilhe suas experiências conosco. E se fizer sentido para você, curta e compartilhe esse conteúdo nas redes sociais.

Copyright: 215383969 - https://www.shutterstock.com/pt/g/ismagilov

Compartilhe esse post

Sobre o autor

Autor

José Roberto Marques

Deixe seu comentário

Seja um Coach!

Concordo com a Politica de Privacidade Ao concordar com a politica e privacidade você aceita receber e-mails do IBC com conteúdos gratuitos de Coaching, informativos de palestras e cursos do IBC

Redes sociais