Como surgiu o Just In Time (JIT)?

Just In Time Conheça os benefícios do Just In Time

 

A todo momento as empresas e os profissionais que delas fazem parte estão atrás de formas melhores de executarem suas demandas, com o intuito de entregarem produtos, serviços e um atendimento de qualidade a seus clientes. Esta busca pela melhoria contínua deve ser constante, uma vez que a competitividade entre as empresas no mercado está cada vez mais acirrada, o que faz com que o consumidor tenha ainda mais opções na hora de escolher o que vai adquirir. 

Neste sentido, é papel das empresas encontrarem mecanismos e elaborarem estratégias para atender com eficiência seus clientes, contando sempre com conhecimentos, técnicas, ferramentas e conceitos capazes de lhes ajudarem a organizar com assertividade seus processos internos, para que assim seus profissionais tenham a oportunidade de desenvolverem um trabalho de excelência, alcançando, com isso, resultados extraordinários para os negócios.

Um destes conceitos, que pode auxiliar neste processo de melhoria contínua e de busca pela entrega de excelência, é o Just in Time (JIT), que vou falar um pouco mais no artigo de hoje. Acompanhe-me nesta leitura poderosa e confira!

Torne sua gestão cada vez mais eficaz!
Baixe meu eBook “Ferramentas de Gestão”!

O que é Just in Time ( JIT)?

Just in Time é o nome de uma filosofia administrativa criada pela empresa japonesa Toyota Motor Corp, que buscava um sistema de administração capaz de coordenar sua produção, levando em consideração o menor tempo possível de fabricação e as demandas específicas da empresa.

Com foco no cliente, o Just in Time determina que a produção deve ser realizada na quantidade certa e no tempo certo, eliminando desperdícios e processos desnecessários, garantindo eficiência e qualidade. 

Para isso, o conceito estabelece que as empresas que o colocarem em prática devem realizar a sua produção por demanda, ou seja, primeiramente os produtos são vendidos, para depois serem produzidos. Assim a matéria-prima para este processo somente é solicitada e chega à organização apenas na hora exata de ser utilizada, o que faz com que não exista estoque parado. 

É importante lembrar que para que seja verdadeiramente eficiente e traga os resultados esperados pelas empresas que utilizam o Just in Time os fornecedores devem ser bem escolhidos e treinados para realizarem as entregas que a empresa necessita na frequência exata que ela precisa, sendo que esta quantidade de fornecedores deve ser reduzida, pois só assim é possível obter os potenciais benefícios que o conceito traz. 

Essa filosofia é um contraponto ao Just in Case, que é a produção em grande escala, o que demanda grandes estoques e alta produtividade.

Principais vantagens do Just in Time

O termo Just in Time em português significa “na hora certa” ou “no momento certo”. A seguir, vamos descobrir as principais razões que fazem com que a sua utilização seja vantajosa para as empresas que o praticam. Confira:

Minimização de estoque

Como pudemos observar ao longo de todo o texto, um dos grandes benefícios desta metodologia é a sua capacidade de reduzir de forma significativa os estoque existentes dentro das empresas, o que faz com que seja diminuída a necessidade de alocar espaços maiores para receber mercadorias, bem como profissionais responsáveis somente para esta finalidade, como acontece em muitas empresas. 

Redução de custos

Com esta redução de estoque ocorre, automaticamente, redução de custos, uma vez que uma quantidade elevada de mercadorias e matéria-prima em estoque geram um gasto e um desperdício muitas vezes desnecessário para os negócios. Isso porque, além de ocupar um espaço que pode ser melhor utilizado dentro da empresa, um estoque alto faz com que a organização corra o risco de armazenar produtos e materiais obsoletos que, com o passar do tempo, podem se tornar completamente obsoletos. 

Diminui os desperdícios

Outro grande benefício do sistema Just in Time é que ele permite às empresas rezudirem também desperdícios. Isso é possível, pois as peças e materiais são adquiridos na quantidade necessária para produzir e atender à demanda solicitada pelos clientes e nada mais além disso. Sendo assim, ao adotar esta política a organização não conta com excessos armazenados em seu estoque, o que contribui para evitar desperdício e, consequentemente, custos elevados e desnecessários. 

Processo de fabricação controlado

Como a produção é feita a partir da demanda do cliente, o método Just in Time permite às empresas que o utilizam ter maior controle sobre o seu processo de fabricação. Com isso, a sua resposta às mudanças que ocorrem no mercado, bem como às necessidades de seus consumidores são muitos mais rápidas. 

Além disso, a partir do momento que se tem este controle, há também a possibilidade de aumentar a produção de produtos que estejam saindo mais no mercado e diminuir aqueles que não estão com tanta demanda, tudo isso de forma imediata. 

Aumento da satisfação do cliente

A adoção do processo Just in Time aumenta consideravelmente a satisfação do cliente. Isso acontece, pois as solicitações e necessidades destes são atendidas com muito mais rapidez, uma vez que há uma diminuição entre o início, execução e entrega de um produto, que pode até chegar às mãos do consumidor por um preço menor. 

Além destes benefícios existem alguns outros também, como:

  • Implantação de processos com produção mais eficientes, com prazos mais curtos e tempo de produção minimizado;
  • Transformação da cultura organizacional, uma vez que a implantação do Just in Time exige novos valores, comportamentos e habilidades dos profissionais.

Conheça as melhores ferramentas de Gestão e acelere seus processos!
Baixe gratuitamente meu eBook e torne-se um gestor de excelência!

O Just in Time e suas desvantagens

As vantagens existentes na adoção do Just in Time são verdadeiramente capazes de trazer melhorias para os processos organizacionais de diversas empresas. Entretanto, antes de implementá-lo em seus negócios, é preciso tomar cuidado, pois existem também algumas desvantagens que precisam ser observadas. 

Por exemplo: se a sua empresa apresenta uma demanda de produtos pouco previsível, que também passa por grandes oscilações, a possibilidade de que sofra ao adotar esta metodologia aumenta de maneira considerável, visto que o Just in Time se aplica com maior assertividade em organizações que tenham uma demanda de mercado melhor controlada, para que assim seja possível abastecer o estoque com os materiais que realmente se necessita naquele momento. 

Além deste, outro ponto que merece atenção é quanto ao fato de que a produtividade dos colaboradores pode ser comprometida caso ocorram atrasos na entrega de materiais, principalmente por parte dos fornecedores, sejam eles externos ou internos. 

Neste sentido, ao passo que há uma redução nos custos com estoque, aumentam-se os investimentos em treinamentos e capacitações para todos os profissionais que fazem parte deste processo. O objetivo é enfatizar a necessidade de toda a cadeia de suprimentos estar comprometida e alinhada para uma entrega rápida e de qualidade na produção. 

Assim, antes de adotar o Just in Time em sua empresa, a minha recomendação é que você faça uma análise de seu negócio como um todo, revendo cada um de seus processos organizacionais, para que assim você tenha a oportunidade de fazer uma escolha consciente, assertiva e que vá beneficiar verdadeiramente a sua organização. 

Gostou deste artigo? Quer contribuir com mais alguma informação? Deixe seu comentário, me dizendo o que achou e lembre-se sempre de curtir e compartilhar o conteúdo em suas redes sociais, para que seus amigos também obtenham conhecimentos sobre o assunto.

 

O artigo é bom, né?

No IBC é assim, não custa nada evoluir e alcançar resultados extraordinários. Se você quer seguir por esse caminho de evolução é só baixar o nosso e-book gratuito,
Tudo sobre Coaching. Preencha o formulário abaixo com seus dados para ler.

Copyright: Gustavo Frazao / Shutterstock

Deixe seu Comentário

IBC - Instituto Brasileiro de Coaching: Av. Prof. Venerando Freitas Borges, 561 - Setor Jaó - Goiânia/ GO - CEP: 74.673-010