O que é Marketing – Conheça a história e as principais estratégias

Conheça a história por trás do setor de Marketing e qual a sua importância para o desenvolvimento de uma empresa.

Marketing é o nome dado a um conjunto de estratégias realizadas com o objetivo de chamar a atenção do cliente através de produtos e serviços que possam ser úteis para ele. Podemos compará-lo a uma ponte que une a empresa que deseja vender ao indivíduo que deseja consumir determinado item, tornando possível firmar uma relação em que ambos são beneficiados.

Existem várias formas de se fazer marketing e é exatamente sobre elas que falaremos ao longo do artigo. Siga a leitura para saber mais.

História do Marketing

Se formos analisar a história, o marketing já estava presente na vida das pessoas há muitos séculos, através das estratégias usadas pelos comerciantes para atrair fregueses. Contudo, na forma como conhecemos hoje, podemos dizer que o marketing surgiu durante a revolução industrial, entre os séculos XVIII e XIX, que foi um período de grandes mudanças sociais por conta das inovações tecnológicas e científicas.

Pela primeira vez, a produção de bens foi separada de seu consumo. A produção em larga escala, o desenvolvimento de infraestruturas para transporte e o crescimento da mídia de massa fizeram com que os produtores tivessem a necessidade de buscar maneiras mais sofisticadas de gerenciar e distribuir suas mercadorias.

Durante grande parte da revolução industrial, os bens eram escassos e os produtores conseguiam vender praticamente tudo o que produziam. Seu foco era, portanto, a produção e distribuição com o menor custo possível, através de medidas como a redução de custos de distribuição ou abertura de novos mercados, que são estratégias de marketing.

Do início do século XX até o período que se seguiu à Segunda Guerra Mundial (embora o desenvolvimento tenha sido interrompido pelas guerras), a competição cresceu e o foco do marketing se voltou para as vendas. Comunicação, publicidade e branding começaram a se tornar mais importantes à medida em que as empresas precisavam vender a crescente produção em um mercado que se tornava cada vez mais competitivo.

Nessa época, o marketing ainda era um aliado da produção, mas focava na distribuição, na comunicação e na intenção de persuadir os clientes, mostrando que os produtos oferecidos por um fabricante eram melhores do que os de outro. Assim continuou até a década de 1960, quando grande parte dos mercados se saturou e as empresas passaram a competir intensamente pela preferência dos consumidores.

Dessa maneira, o marketing evoluiu para o que conhecemos hoje, em que os profissionais da área possuem cargos estratégicos dentro de uma organização, orientando sobre o que deve ser produzido, onde deve ser vendido, quanto deve ser cobrado pelos itens e como isso deve ser comunicado aos consumidores.

Os profissionais de marketing da atualidade pesquisam mercados e consumidores. Eles tentam entender as necessidades do consumidor (e necessidades potenciais, ou seja, aquelas que eles ainda não sabem que possuem) e destinar recursos de forma adequada para atender a essas demandas.

Comece a ter o

Destaque

que você merece!

Preencha os campos abaixo para receber o e-book.

Principais estratégias de marketing da atualidade

Depois de conhecer brevemente a história do marketing, veja quais são as principais estratégias utilizadas na atualidade pelas empresas para conquistar a preferência do consumidor.

1 – Marketing de conteúdo

O marketing de conteúdo é uma das principais estratégias de marketing digital da atualidade. Consiste em oferecer conteúdo relevante ao consumidor através de posts em um blog ou das redes sociais, que tenham relação com o produto ou serviço oferecido.

Uma marca de alimentos, por exemplo, pode apresentar dicas de como prepará-los, receitas e outras informações pertinentes, o que pode ser feito por meio de textos, vídeos e imagens. Isso ajuda a fortalecer o nome de uma marca e até encaminhar o usuário para um site de compras, no caso de e-commerces.

2 – Redes sociais

As redes sociais oferecem uma ampla gama de possibilidades para se fazer marketing, como através do conteúdo, como mencionado no tópico anterior, e, também, por meio de ações realizadas com os chamados influenciadores digitais. Ter uma pessoa com a qual os clientes se identificam mostrando o produto e utilizando-o, gera desejo e pode resultar em muitas vendas, além do fortalecimento da marca.

3 – Co-marketing

O Co-Marketing é uma estratégia bastante interessante que envolve a parceria com uma empresa que tenha o mesmo público-alvo, mas que não seja concorrente. Um bom exemplo disso seria uma ação entre Spotify e Netflix, que atendem a um mesmo público, mas que não concorrem, já que a primeira oferece o serviço de streaming de música e a segunda de filmes e séries.

4 – Marketing social

O marketing social é uma estratégia voltada para contribuir com alguma causa social relevante, como combater a violência doméstica, o racismo, os maus tratos contra animais, entre outras. Entretanto, é essencial que as ações realizadas sejam realmente efetivas, o consumidor está cada vez mais atento e se for percebida qualquer tentativa de oportunismo, os resultados podem ser desastrosos.

5 – Storytelling

Storytelling envolve contar uma história para o consumidor, a fim de tornar um produto ou serviço mais atrativo. Contudo, é preciso que se tenha uma base de verdade para que ninguém se sinta enganado.

Uma empresa que fabrica sucos naturais orgânicos, por exemplo, pode criar um personagem que seria o produtor das frutas utilizadas e contar uma história relacionada ao cultivo. Mas, nesse caso, o produto deve realmente ser orgânico e ter todas as características apresentadas na embalagem e nos anúncios.

6 – SEO

SEO é a sigla para Search Engine Optimization, em português, otimização para motores de busca. Envolve uma série de estratégias para fazer com que determinado site apareça nos primeiros lugares dos resultados de busca do Google. Isso é muito importante para que o consumidor, ao procurar por determinado produto ou serviço na internet, encontre facilmente uma empresa.

7 – Remarketing

O remarketing inclui atrair de volta aquele cliente que quase consumiu o produto, mas acabou desistindo de última hora. Sabe quando você pesquisa um item, mas não compra, e ele fica aparecendo para você em anúncios nas redes sociais e em sites diversos que visita? Isso é remarketing, um recado que a empresa está te dando de que deveria voltar e efetuar a compra.

Viu só como o marketing oferece uma ampla gama de possibilidades para chegar diretamente ao seu cliente? Se você tem uma empresa, independentemente do porte e do segmento, investir em marketing é fundamental.

Aproveite para deixar seu comentário abaixo e compartilhar este conteúdo através das suas redes sociais!

E aí, curtiu esse conteúdo?

Saiba que ele é apenas a pontinha do iceberg e você pode desenvolver suas habilidades de liderança muito mais. Baixe agora o ebook Leader Coach e aprenda como extrair o máximo resultado da sua equipe.
Preencha o formulário, é de graça.
José Roberto Marques

Sobre o autor: José Roberto Marques é referência em Desenvolvimento Humano. Dedicou mais de 30 anos a fim de um propósito, o de fazer com que o ser humano seja capaz de atingir o seu Potencial Infinito! Para isso ele fundou o IBC, Instituto que é reconhecido internacionalmente. Professor convidado pela Universidade de Ohio e Palestrante da Brazil Conference, na Universidade de Harvard, JRM é responsável pela formação de mais de 50 mil Coaches através do PSC - Professional And Self Coaching, cujo os métodos são comprovados cientificamente através de estudo publicado pela UERJ . Além disso, é autor de mais de 50 livros publicados.



*Esse conteúdo não é fonte para veículos jornalísticos ou matérias para imprensa, para utilização ou referência por favor entre em contato conosco.

Deixe seu Comentário

IBC - Instituto Brasileiro de Coaching: Av. Prof. Venerando Freitas Borges, 561 - Setor Jaó - Goiânia/ GO - CEP: 74.673-010
CNPJ: 31.328.744/0001-63