O que é Constelação Sistêmica

Constelação Sistêmica Saiba o que é Constelação Sistêmica

 

Para quem acha que, ao vir ao mundo, herdamos apenas os traços e patrimônios genéticos, é preciso reavaliar esta convicção, uma vez que há, também, os sistemas de crença e esquemas comportamentais. Basicamente, a nossa família é um campo de energia. E cada um de nós evoluí dentro deles. Dessa forma, cada indivíduo (incluindo nós mesmos) ocupa um lugar único, desde o nascimento.

Assim, somos mantidos em nosso campo familiar e pessoal em determinado nível, de modo a ficarmos estagnados ou crescermos em direção à felicidade, além de influenciar em nossas livres escolhas, no êxito ou fracasso daquilo que empreendemos, nos nossos relacionamentos, para que sejam duráveis, agradáveis ou não, e mais que isso, esse campo de energia também é capaz de influenciar na nossa saúde, bem-estar e, até, nas doenças.

Explicação da razão para que essas situações aconteçam, é o fato de que experimentamos o sentimento de termos sido mantidos nos esquemas problemáticos desde tempos imemoriais. Consequentemente, as constelações familiares nos dão a oportunidade de entender, compreender, os esquemas em seu mais profundo nível.

Convido você a me acompanhar nesta poderosa leitura e conhecer um pouco mais sobre o conceito de constelação sistêmica, bem como a sua influência sobre a nossa vida como um todo.

Preencha AGORA o formulário para descobrir!

O que é Constelação Sistêmica?

Constelação Sistêmica é um método psicoterápico, desenvolvido pelo psicoterapeuta alemão Bert Hellinger. Ela estuda as emoções e energias que, consciente e inconscientemente, acumulamos. Este aprofundamento possibilita compreender como esses fatores influenciam em nossa tomada de decisão, de forma a reverter os aspectos negativos que desequilibram nossa vida.

Em seus estudos, e com base em sua ampla atuação como terapeuta familiar, Hellinger, que também é filósofo e teólogo, pôde perceber como inúmeras experiências, especialmente as vividas no ambiente familiar, são decisivas para a nossa saúde emocional. Neste sentido, podemos concluir que essas experiências, acumuladas desde a infância, nos tornam parte de vários sistemas, e impactam diretamente em nossos comportamentos e nos resultados que alcançamos na vida que levamos atualmente.

Deste modo, as heranças emocionais que herdamos de nossa família, como perdas, brigas, doenças, separações traumáticas, tragédias, entre outras, podem ser âncoras negativas em nosso processo de evolução, não só pessoal, como profissional também.

Os tipos de constelações

A abordagem via Constelação Sistêmica, permite aplicações ainda, no que tange os seguintes aspectos:

1 – Constelação Sistêmica Empresarial

Aqui são abordadas questões que dizem respeito ao ambiente empresarial. Cabe ao responsável pela sessão da Constelação Sistêmica Empresarial abordar situações ligadas à liderança, hierarquia e até mesmo ao sentimento de pertencimento das pessoas que fazem parte da empresa.

O objetivo desta abordagem é promover a melhoria nas relações entre colaboradores e gestores, bem como entre líderes e stakeholders.  

2 – Constelação Sistêmica Profissional  

Neste segmento da Constelação Sistêmica são abordadas questões que interferem no campo profissional. Podem ser traumas, medos ou ainda relações que impedem os profissionais de descobrirem os seus verdadeiros dons e talentos. Com a Constelação Sistêmica Profissional é possível identificar quais são as habilidades profissionais dos colaboradores de maneira clara e autêntica.

3 – Constelação Sistêmica Pessoal

Assim como na constelação familiar, no momento de constelar sistemicamente a situação apresentada pelo indivíduo/cliente/paciente, outras pessoas são convidadas para esta dramatização, e são inseridas no processo para representar os personagens, do contexto do protagonista, que fazem parte de um problema específico, que este deseja e precisa superar em sua vida, para que assim, tenha a oportunidade de evoluir.

Quem conduz uma constelação geralmente é um psicoterapeuta, ou um constelador sistêmico, que a realiza através de uma dramatização em grupo. Assim, mesmo não tendo todas as informações sobre a vida do cliente, ou quem são as pessoas que participam do processo com ele, o terapeuta, aos poucos, vai localizando, por ordem de relevância, as pessoas que estão sendo representadas e identificando seu peso emocional na vida do paciente.

Com isso, ele pode aplicar suas técnicas, para que o cliente alcance o perdão e ressignifique aspectos negativos de suas experiências (enxergar o lado positivo da questão abordada), e imprimir no cliente uma nova dimensão do problema, buscando a superação e o alcance dos seus objetivos, e da qualidade da vida, que este empecilho impossibilitava.

4 – A natureza do nosso campo de energia

Resumidamente: é a nossa família, mais precisamente a história da nossa família. Em especial sua religião, crenças, país de origem – fortes exemplos de como somos influenciados ao longo da vida. Desse modo, a natureza do nosso campo de energia sistêmica é moldada por acontecimentos marcantes, como a história dos relacionamentos dos nossos pais e dos nossos avós.

Pode ser também influenciada pela morte de uma criança muito nova, aborto, parto prematura, adoção, suicídio, guerra, exílio forçado, troca de religião, incesto, antepassado agressor ou vítima. Bem como traição ou, até mesmo, a confiança.

As ações generosas e altruístas dos nossos pais e antepassados são altamente saudáveis para nós. Em contrapartida, as más ações deles modificam fortemente o campo energético familiar, obrigando as gerações posteriores (no caso, nós) a arcar com as consequências.

Entre as más ações podemos citar exemplos como: adquirir bens de forma duvidosa, trapacear ou roubar, pertencer a uma corporação cuja função envolve matar (a exemplo do exército), as diferentes formas de violência, a internação psiquiátrica ou a prisão de membros da família, os acidentes que terminam em trágicas mortes, renegar a sua religião ou seu país.

5 – Pertencimento

Todos nós, enquanto indivíduos, temos o direito ao pertencimento. Essa é uma ligação que não pode ser cedida ou negada a ninguém. Nós pertencemos a um grupo, independentemente de nossas ações. Trata-se de um vínculo que transcende a moral e o merecimento. Posso citar duas consequências deste princípio, sendo elas:

– Exclusão:  nos casos em que esquecemos, ou preferimos esquecer, aquele tio alcoólatra, a avó internada em um asilo, o parente criminoso, ou quem quer que seja e, independentemente do motivo, essas são ações de exclusão. Quando excluímos uma pessoa da nossa constelação sistêmica, os vínculos familiares e sistêmicos atuam nos membros atuais, provocando uma compensação. Por exemplo, algum familiar poderá ter a tendência ao alcoolismo de forma “inexplicada”, “inconsciente”.

No vídeo abaixo eu falo um pouco mais sobre a Lei do Pertencimento no Sistema Familiar. Assista e confira:

– Consciência: Outro exemplo do princípio de pertencimento está na consciência. Assim como na torcida. Quando fazemos alguma piadinha maldosa sobre outros times, ficando tudo bem depois, porque estamos apenas defendendo o nosso time do coração. Dessa forma, o nosso coração fica “leve”. Não é comum que elogiemos uma jogada do adversário, porque não faz parte do nosso sistema.

Ainda no princípio de pertencimento sobre a consciência, é o que acontece com os soldados de uma guerra. Moralmente e em outras situações como na mesa de um café, aqueles homens jamais atirariam uns contra os outros. Porém, no contexto de guerra, matar e morrer pelo seu país é o certo a se fazer.

Benefícios da Constelação Sistêmica

O processo que os mais diversos tipos de constelações sistêmicas desenvolvem são tão poderosos, que a sua aplicação já está sendo realizada em ambientes e situações variadas, como em mediações de conflitos no Poder Judiciário, em escolas e também no Sistema Único de Saúde – SUS, adotada como uma de suas práticas integrativas.

A partir disso, e de tudo o que lemos até aqui, conseguimos perceber que trata-se de um processo de que oferece muitos benefícios a quem dele se utiliza. Confira, a seguir, quais são estes benefícios.

Uma vida com mais significado e leveza

A partir do momento que temos a oportunidade de entender melhor os motivos que nos levam a agir de determinada forma e não de outra, bem como de compreender porque algumas situações acontecem e se repetem com frequência em nossa existência, conseguimos levar uma vida com muito mais significado e leveza.

Isso porque passamos a ampliar a nossa consciência sobre estas situações de desajuste, seja em nossa família ou em nosso ambiente profissional, para que assim tenhamos a oportunidade de implementar as ações necessárias, para que as mudanças se tornem verdadeiramente efetivas e consigamos seguir em frente de forma plena, harmoniosa e tranquila.

Desenvolve o autoconhecimento

Algo que nos ajuda a evoluir enquanto indivíduos e profissionais é desenvolver plenamente o nosso autoconhecimento. Sendo assim, quando investimos e passamos pelo processo de constelação sistêmica temos a oportunidade de conhecer a nós mesmo melhor, de entender nossos sentimentos, as emoções que regem nossas ações e comportamentos, entre outros aspectos de nosso ser, que nos a ajudam a compreender o que precisamos potencializar em nossa personalidade e o que precisamos modificar, para que assim alcancemos a realização pessoal e profissional.

Melhoria nos relacionamentos

Outro grande benefício que a aplicação das constelações sistêmicas traz para a vida de todo e qualquer tipo de pessoa é a melhoria em seus relacionamentos. Isso porque, a partir deste processo, conseguimos compreender melhor a nossa própria história, assim como a história das pessoas que nos cercam.

Com isso, desenvolvemos um respeito por nós mesmos, por tudo aquilo que passamos, e também pelas pessoas com as quais nos relacionamos, respeitando suas ações e comportamentos e tendo cada vez mais empatia por cada uma delas.

Traz resultados para diversas profissões

No que diz respeito ao aspecto profissional da vida de uma pessoa, podemos dizer que o processo de constelação sistêmica traz benefícios para diversos tipos de profissões. Assim, médicos, advogados, profissionais da área de administração, recursos humanos, professores, assistentes sociais, entre muitos outros, se beneficiam desta aplicação, pois o seu conhecimento melhora os relacionamentos, já que traz consciência sobre o papel que cada um deve ocupar em determinado sistema.

Neste sentido, conseguimos entender que em todo e qualquer tipo de ambiente onde haja interação humana, a aplicação da constelação sistêmica trará resultados satisfatórios a todos os envolvidos.

Identifique e aprimore seus pontos fracos. Pratique o Autoconhecimento!
Clique aqui neste link, separei um presente incrível para você.

Conheça as Constelação Sistêmica Integrativa

Além dos benefícios que mostrei a você até aqui existem diversos outros que podem te ajudar a ter uma vida mais plena e realizada. Para que você descubra cada um deles, te convido a conhecer o curso desenvolvido por mim, em conjunto com a minha MEGA POWER equipe do Instituto Brasileiro de Coaching – IBC: Constelação Sistêmica Integrativa – CSI.

Trata-se de uma formação que te mostrará uma nova abordagem para que você consiga resolver os conflitos existentes em sua vida, de forma muito mais efetiva, sendo capaz de transformar positivamente a sua história.

Ao se permitir ir além e realizar este poderoso curso, você estará imediatamente apto a ter maior compreensão sobre os mais diversos contextos familiares e de equipes, fazer mediação e resolução de conflitos, tornar-se um facilitador e aplicar as técnicas, conhecimentos e ferramentas da constelação, tanto em sua vida quanto na vida das pessoas ao seu redor, entre muitos outros benefícios. Além disso, você terá plenas condições de aplicar todo o seu aprendizado em na área pessoal, familiar, profissional e organizacional, proporcionando transformações ainda mais poderosas em todos estes contextos.

Lembre-se sempre de se lembrar de nunca esquecer de ousar ir além a todo momento, pois somente assim o poder lhe será dado.

E você, conhece a Constelação Sistêmica? O que achou deste conteúdo? Use o espaço abaixo para me contar a sua experiência e a sua opinião sobre o assunto e, se este artigo te ajudou de forma positiva, curta e compartilhe em suas redes sociais, para que ajude também os seus amigos em seu processo de evolução contínua.

Copyright: Rawpixel.com 565936849 https://www.shutterstock.com/pt/g/Rawpixel.com

O artigo é bom, né?

No IBC é assim, não custa nada evoluir e alcançar resultados extraordinários. Se você quer seguir por esse caminho de evolução é só baixar o nosso e-book gratuito,
Tudo sobre Coaching. Preencha o formulário abaixo com seus dados para ler.
Deixe seu Comentário

IBC - Instituto Brasileiro de Coaching: Av. Prof. Venerando Freitas Borges, 561 - Setor Jaó - Goiânia/ GO - CEP: 74.673-010