Gestão de Equipes com Coaching

As melhores empresas são aquelas que investem nos valores das pessoas e nas capacidades individuais de cada colaborador. A administração de patrimônios abstratos exige atenção e sensibilidade. O cuidado com as questões psicológicas e com os problemas sentimentais é essencial para o gerenciamento de times de vendas e times operacionais. O equilíbrio emocional acompanha todos aqueles que investem em projetos rentáveis e lucrativos. Atitudes impulsivas e explosivas prejudicam o andamento de atividades de negócios. O conservadorismo e o tradicionalismo também podem impactar uma companhia de forma negativa. Departamentos de recursos humanos já estão investindo em técnicas que exaltam a inteligência sentimental. O método de coaching está em alta e já é visto como uma tendência por institutos de pesquisas internacionais. A gestão de equipes com coaching explora ferramentas internas de conhecimento. A receptividade, a positividade, o poder de comunicação, o poder de oratória e a flexibilidade são alguns dos pontos explorados ao longo das aulas. As sessões podem ser ministradas por executivos de diversas áreas: psicólogos, médicos, advogados e publicitários oferecem seus skills para que estes possam contribuir com a rotina dos alunos. As aulas acontecem de forma presencial ou via internet, por meio de softwares de conferência e de vídeo. Administrações duras e ditatoriais desmotivam colaboradores. O ambiente de trabalho deve ser um ambiente criativo, que promova os desafios e a criatividade. A apatia e a frustração não devem reinar entre as equipes. Todos precisam estar alinhados com as diretrizes das altas classes hierárquicas para que os objetivos sejam conquistados. Os que fazem parte da ponta do processo devem se lembrar de que o bem comum é favorável para todos. Variáveis externas, como problemas amorosos e familiares, são comuns. Este tipo de questão pode interferir na produtividade de grandes corporações. Marcas conectadas com o universo contemporâneo buscam soluções para as insatisfações de seu corpo operacional. Com a internet e com as redes sociais, crises podem se alastrar rapidamente. O compartilhamento de dados e de informações pode arranhar a reputação que foi conquistada com muito esforço e trabalho. O planejamento de ações digitais também precisa englobar os internos, os parceiros e os fornecedores ativos.

Gostou do artigo?

Esses e outros aspectos da liderança são abordados com mais intensidade na nossa formação PSC - Professional & Self Coaching. Preencha o formulário abaixo e fale agora com um consultor especializado. Desenvolva sua
vida pessoal e sua carreira com a metodologia mais transformadora do mercado.


*Esse conteúdo não é fonte para veículos jornalísticos ou matérias para imprensa, para utilização ou referência por favor entre em contato conosco.

Deixe seu Comentário

IBC - Instituto Brasileiro de Coaching: Av. Prof. Venerando Freitas Borges, 561 - Setor Jaó - Goiânia/ GO - CEP: 74.673-010