O que é Psicologia Cognitiva

Avatar

Por IBC

12/04/16

Conquiste mais! Seja Coach!

O que é Psicologia Cognitiva
Cognição / Copyright: Pixabay

Cognição, segundo definições, é o ato ou processo de conhecer, que envolve atenção, percepção, memória, raciocínio, juízo, imaginação, pensamento e linguagem. Inconscientemente, desde crianças, vamos construindo nossas percepções, aprendizados, recordações e pensamentos, com base nas experiências que vivenciamos, e isso segue por toda a vida.

Dando sentido à vida

Para entendermos melhor como esse processo mental funciona, é preciso compreender primeiramente o que é Psicologia Cognitiva, campo da psicologia que estuda como construímos e estruturamos nossas percepções, comportamentos, ações e visões de mundo a partir da realidade, e das influências do meio em que estamos inseridos.

A Psicologia Cognitiva se baseia em uma perspectiva evolucionista, pois trabalha com a teoria de que todos os nossos processos mentais foram desenvolvidos para interagirmos melhor com o ambiente ao nosso redor e ter maior chance de sobrevivência. São os nossos sentidos que fazem a mediação entre o indivíduo e o ambiente que o cerca, por isso, o estudo do processos de percepções e sensações é tão importante para entendermos melhor como a mente funciona.

Para desenvolver esse maior entendimento, a Psicologia Cognitiva estuda diversos processos mentais, como: percepção, criatividade, tomada de decisão, resolução de problemas, representação, raciocínio, atenção e atribuição de significado. Um processo de Coaching tem em comum com a Psicologia Cognitiva o fato de buscar levar o cliente a confrontar os dados referentes à sua realidade, buscando reforçar os aspectos positivos, ressignificar eventos ruins, e sempre focar nos pontos favoráveis ao desenvolvimento do cliente.

Como é realizado o processo cognitivo

O nosso corpo recebe um elevado número de estímulos a cada segundo, entretanto, não percebemos a maioria deles. Por exemplo, nesse exato momento em que lê, através do sentido do tato, sua pele recebe informações provocadas pelo toque da sua camisa as suas costas. No entanto, até que chamasse a atenção para esse fato, você, provavelmente, não estava “sentindo” a camisa.

Para que o nosso processo mental funcione, o cérebro precisa “fazer uma triagem” e definir o que precisamos focar em cada momento. Dessa forma, nossa mente funciona como um grande radar, que apesar de estar ligado o tempo todo, só vai mostrar na tela os elementos realmente relevantes para que o controle do tráfego aéreo aconteça.

Ao dissecarmos esse processo, chegamos ao modelo apresentado por Thomas Reid, em que, embora de forma simplista e rudimentar, ele serve como um mapa que ilustra o nosso fluxo de pensamento.

Sensação

Essa é a primeira etapa do processo mental, na qual, toda informação conseguida por meio da interação com o ambiente é transformada em sinais elétricos. Esses estímulos irão viajar através dos neurônios até a área sensorial do córtex, produzindo o que entendemos como sensações.

Percepção

É nesse momento que acontece a triagem de toda a informação captada pelos sentidos. A percepção é formada pela seleção, organização e interpretação dessas informações (sensações).

Cognição

Última etapa do processo mental, é quando acontece a manipulação das percepções, formando o pensamento em si.

Psicologia Cognitiva

A Psicologia Cognitiva defende que a partir desse processamento das informações recebidas e dos registros delas, pautamos nossas ações. Assim, entender a forma como cada um percebe e interage com o seu meio é fundamental para o sucesso de um processo de Coaching, no qual o profissional coach precisa conhecer como funciona a visão de mundo do cliente, como seu meio influencia em seus comportamentos, para poder entendê-lo e aplicar as ferramentas e técnicas com assertividade e efetividade em seu contexto, seja este pessoal ou profissional.

Coaching Cognitivo

Na formação Professional & Self Coaching - PSC, além de outras abordagens da psicologia, também são usados elementos do modelo cognitivista, para que o Coach possa oferecer ao seu coachee (cliente) a reflexão sobre seus comportamentos e ações, fazendo com que ele enxergue seu papel transformador, suas necessidades e objetivos, de forma clara, e consiga focar nos seus pontos fortes.

Dessa maneira, é possível potencializar ainda mais os resultados do cliente, uma vez que esse autoconhecimento proposto pelo Coaching permite que o coachee amplie a visão de seus comportamentos, tenha motivação para desenvolver suas capacidades, evoluir de forma contínua e tecer novas percepções a respeito de sua vida como um todo.

Assim, ele pode definir com clareza os seus pontos fortes e de melhoria, e agir efetivamente para alcançar os seus resultados desejados.

Compartilhe esse post

Avatar

Por IBC

Conquiste mais, seja um coach!

  • Novas Possibilidades na Carreira

    Novas Possibilidades na Carreira

  • Mais Qualidade na Vida

    Mais Qualidade na Vida

  • Resultados Extraordinários

    Resultados Extraordinários

permita-se ir além! Chegou o momento de uma nova etapa da sua história