Como solucionar um conflito interpessoal dentro de uma empresa?

Conflito Interpessoal Conflito Interpessoal dentro de uma empresa – Como solucionar?

 

É comum que apareçam problemas no ambiente corporativo. Uma empresa é composta por seres humanos que pensam de formas diferentes, por isso, é natural que discordem e que isso se torne algo maior e mais difícil de resolver. Porém, é possível evitar, amenizar e resolver todo e qualquer problema de maneira civilizada, sempre usando o diálogo como ferramenta. Continue a ler o artigo para entender mais sobre o tema.

Comece a ter o

Destaque

que você merece!

Preencha os campos abaixo para receber o e-book.

Identifique a causa do problema

Antes de mergulhar no problema, é fundamental entender qual é a causa do problema. Algumas dos motivos mais comuns são: pressão, imposições de gestores, qualidade de vida no trabalho abaixo do aceitável, expectativas não cumpridas, não aderência à cultura organizacional, falta de clareza na comunicação, ambiente que permite preconceitos.

Existem outras causas que podem ocasionar situações desconfortáveis e até brigas em ambiente corporativo. Por isso, é importante que você fique atento a esses pontos, pois, se eles surgirem, você já pode dialogar a respeito e evitar a evolução de um problema. Na prática, antes de discutir com os envolvidos na situação, faça o que funciona melhor para você não agir de forma impulsiva. Pode ser que contar até 10 ou respirar fundo, por exemplo. Não importa como você sustenta o bom senso, basta tê-lo para conseguir se comportar e discutir de maneira respeitosa com todos.

Como tirar o obstáculo no caminho

Após encontrar a causa do problema, o ideal é conversar civilizadamente com os envolvidos no tema para identificar onde está o problema e quais são os melhores caminhos para solucioná-lo. A falta de diálogo e de planejamento coletivo pode trazer consequências sérias. Uma delas é o problema que, um dia foi pequeno, se tornar uma grande bola de neve.

Quando um time trabalha junto, pensando no bem coletivo e nos objetivos gerais da empresa, é mais provável que as ações sejam bem-sucedidas. Um bom exemplo dos resultados positivos de um bom fluxo de comunicação é a animação “A Fuga das Galinhas”, de 2000. O filme conta a história de um grupo de galinhas que, para fugir da matança, organizam-se e planejam escapar do local em que vivem.

É relevante lembrar que cada cenário se desenvolve de formas diferentes. Portanto, é fácil encontrar casos em que você tem tempo para refletir e encontrar a melhor saída. Porém, também é comum se deparar com situações em que é preciso agir com rapidez.

Independentemente da velocidade que a dificuldade precisa ser eliminada, é preciso pensar de forma estratégica, sem deixar de administrar os sentimentos, ou seja, usando a inteligência emocional. Os profissionais que possuem a característica da inteligência emocional são muito requisitados no mercado, pois são capazes de lidar com cenários de pouca ou muita pressão sem perder as habilidades técnicas. Se você acredita que ainda precisa desenvolver esse ponto, pode contar com o coaching. O método tem exercícios e técnicas efetivas que ajudam você a evoluir nesse sentido.  

Quem é gestor deve se prevenir

Os líderes e gestores devem ficar atentos ao surgimento de conflitos dentro do time. Para evitar a evolução de problemas, é interessante criar um sistema de feedback, em que, regularmente, os funcionários devem apresentar os seus pontos de vista em relação a diversos pontos do trabalho. Do mesmo modo, o gestor apresenta quais são os pensamentos dele. Esse compartilhamento de informações é essencial para o progresso da relação interpessoal entre líder e liderado, além de identificar possíveis dificuldades logo no início.

Outra ação interessante é conversar com os funcionários logo que surgir o primeiro sinal de situação conflituosa. O debate de problema de maneira respeitosa é uma ótima saída para evitar que as pequenas coisas se tornem grandes mais tarde. Dependendo do caso, uma conversa apenas pode resolver, mas existem alguns cenários em que é preciso falar mais de uma vez. Esse é o momento de usar a persuasão para convencer o grupo de que todos são capazes de realizar um bom trabalho se pensarem de forma coletiva.

Se você quiser se aprofundar em algumas técnicas de persuasão para lidar com mais de uma pessoa ao mesmo tempo, pode conferir o filme “Doze Homens e Uma Sentença”, de 1957, em que um homem se propõe a convencer 11 pessoas a mudarem de opinião em relação a sentença de um crime. O personagem constrói seus argumentos de maneira inteligente e com importantes palavras de persuasão para que os 11 jurados revertam suas decisões.

Faz parte do dia a dia de um bom gestor ou líder ser capaz de lidar com problemas externos e internos e conseguir desatar os nós que eles causam o quanto antes. Mais do que isso, esse profissional deve estar preparado para lidar com os impactos que esses cenários podem trazer após a sua finalização.

Claro que essa não é uma competência que se adquire do dia para a noite. Um líder deve estar focado em evoluir essa e outras características todos os dias para alcançar a excelência do cargo. Um bom modo de desenvolver esse ponto do lado profissional é participar de sessões de coaching. O método tem instrumentos que podem ajudar você a se tornar um líder com visão sistêmica, empático, inovador e com perspectiva de futuro.

O primeiro passo para evolução na comunicação é identificar seu nível de felicidade!
Faça o nosso teste e descubra qual o seu nível de felicidade!

Seja a favor do diálogo

Infelizmente, não existe fórmula mágica para solucionar conflitos interpessoais dentro de empresas. Porém, existe uma verdade: discussões desrespeitosas nunca levaram ninguém a lugar nenhum. Portanto, sempre prefira o caminho do diálogo civilizado e com argumentos bem construídos e verdadeiros. Ah, e é claro, sem perder o controle dos sentimentos, que você consegue por meio dos exercícios de inteligência emocional.

Não adianta querer vencer um debate sem ter argumentos convincentes e honestos. Por isso, esteja preparado intelectualmente se quiser entrar em uma conversa de resolução de problemas. Do contrário, deixe que profissionais mais preparados cuidem da situação. De qualquer forma, mesmo sem poder participar do debate, você pode sugerir que os envolvidos conversem entre si, no lugar de brigar ou até fazer fofocas.

Gostou do artigo? Se você quiser acrescentar algo é só escrever nos comentários abaixo!

E aí, curtiu esse conteúdo?

Saiba que ele é apenas a pontinha do iceberg e você pode desenvolver suas habilidades de liderança muito mais. Baixe agora o ebook Leader Coach e aprenda como extrair o máximo resultado da sua equipe.
Preencha o formulário, é de graça.

 

Copyright: 1085354165 – https://www.shutterstock.com/pt/g/fizkes

*Esse conteúdo não é fonte para veículos jornalísticos ou matérias para imprensa, para utilização ou referência por favor entre em contato conosco.

Deixe seu Comentário

IBC - Instituto Brasileiro de Coaching: Av. Prof. Venerando Freitas Borges, 561 - Setor Jaó - Goiânia/ GO - CEP: 74.673-010