Conheça o conceito de planejamento tributário e sua importância para uma empresa

Planejamento Tributário Conheça o Planejamento Tributário e suas vantagens

 

As cargas tributárias no Brasil são uma verdadeira dor de cabeça para os empreendedores. Mas não precisa ser para você. Por mais que o regime tributário seja cheio de burocracias, obrigações fiscais, fazer um planejamento pode mudar completamente sua forma de lidar com esses problemas sem sofrimento.

Fazer um planejamento tributário vai te ajudar a não sofrer multas nem outras penalidades. Dessa forma, além de contar com a assessoria de um contador é muito importante que entenda, pelo menos, o básico do assunto.

Convido você a continuar a leitura para conhecer um pouco mais o conceito de planejamento tributário, bem como a sua importância para os negócios como um todo.

Comece a ter o

Destaque

que você merece!

Preencha os campos abaixo para receber o e-book.

O que é planejamento tributário?

O planejamento tributário é a maneira que uma empresa encontra, dentro dos meios legais, de obter um menor tributo fiscal em cima dos produtos e serviços oferecidos no mercado. Para que um planejamento tributário seja eficiente, é preciso haver dados e informações confiáveis para que a contabilidade faça o seu trabalho de forma correta e segura.

Com o planejamento tributário, a empresa é capaz de gerir e estudar as maneiras de reduzir, de forma legal, a carga tributária que incide sobre ela mesma. Pense bem, do mesmo jeito que um administrador faz a gestão do estoque, das vendas, dos recursos humanos e tantas outras áreas, cumprir suas obrigações fiscais também deve ser realizada de maneira organizada.

A contabilidade é a responsável

A contabilidade é um dos setores responsáveis por colocar em prática o planejamento tributário de uma empresa. Afinal, esta é a área responsável por cuidar de todas as operações internas, manter o controle dos impostos, pagamentos de funcionários, dos lucros, e de tudo o que envolva valores dentro da organização.

O planejamento tributário é muito importante para as empresas, pois permite que a organização encontre uma forma de economizar no pagamento de tributos e reduzir a carga de gastos da empresa. Além disso, ele tem como objetivo verificar também as propostas da gestão tributária, cortando gastos desnecessários e gerando economia para os negócios de forma geral.

Planejamento tributário operacional

É a parte mais simples e básica. São os procedimentos estabelecidos em sua empresa, para que sejam cumpridas todas as exigências que as leis exigem. Isso quer dizer que, para cumprir de maneira correta a escrituração das operações e o pagamento dos impostos nos prazos previstos, é preciso que você inclua essas tarefas no dia a dia, na sua rotina de trabalho, além de alinhá-la com sua equipe de contabilidade.

Planejamento tributário estratégico

Antes de realizar o planejamento tributário operacional, é preciso realizar o estratégico. Porque é a partir dele que você vai conseguir fazer o enquadramento da empresa no regime tributário mais conveniente. Assim como ter o conhecimento de outras particularidades fiscais, que vão variar de acordo com o nicho em que atua, estrutura de capital, localização, modelo de contratação de recursos humanos e tantas outras.

Deu para perceber que o planejamento tributário é muito mais do que apenas cumprir obrigações em dia e anotar as lucros e dividendos em planilhas. O próprio nome já diz, é preciso planejar. Para fazer isso, é necessário conhecer, analisar, estudar e conferir todas as formas existentes de tributação que envolvem o seu negócio.

Mas, planejar para quê?

Bom, o principal objetivo do planejamento tributário é reduzir as despesas de uma empresa. Entenda, esses valores que incidem sobre o negócio ao serem reduzidos, recebem o nome de elisão fiscal.

Provavelmente você já deve ter percebido que ao comparar preços de produtos dentro e fora do Brasil, muitas vezes, existe uma diferença quase absurda. E isso se dá por causa do preço dos impostos.

Isso quer dizer que, para que você possa oferecer um produto ou serviço o mais barato possível, é preciso reduzir a quantidade de impostos que você paga. E é para isso que o planejamento tributário serve.

O que fazer para diminuir as cargas tributárias

Conheça algumas práticas que podem ser adotadas em seu negócios, para que, dessa maneira, você possa economizar e torná-lo o mais sustentável possível.

1 – Evitar incidência do imposto

É quando você adota procedimentos que impedem o que causa o fato gerador do tributo. Para fazer isso, você tem alguns caminhos como: aproveitar uma regra de isenção de impostos da sua cidade, se ela existir, adequando a sua empresa às exigências, ou adotar medidas estratégicas, a exemplo de abrir mão do pró-labore, para que não seja necessário pagar imposto de renda e INSS sobre ele, entre outros. Assim você fica só com a retirada dos lucros.

2 – Redução dos valores totais a serem recolhidos

Depois de fazer uma criteriosa análise das regras de cada imposto pago, planeje medidas para a redução de taxas. Um bom exemplo disso é reduzir a contribuição para o Seguro de Acidentes de Trabalho (SAT) ao reduzir o Fator Acidentário de Prevenção (FAP). Ou, até mesmo, aproveitando políticas de incentivo que possibilitem a redução de alíquotas.

A felicidade é imprescindível para o bom desempenho profissional!
Clique aqui, faça nosso “TESTE” e descubra como anda sua felicidade!

3 – Retardar pagamentos

Algumas ações permitem postergar os pagamentos de tributos sem que haja multas. Essa pode ser uma boa estratégia em épocas que a empresa está com baixo capital de giro e necessita de alguns dias a mais para ter um respiro no caixa.

Fazendo o planejamento

Sabendo de tudo isso que acabamos de conversar acima, o que você acredita que pode ser mudado de imediato na sua empresa? Com certeza existe, ao menos, uma coisinha aqui ou outra ali.

Para começar a realizar o planejamento tributário da sua empresa, o mais indicado é contratar um profissional especializado. Lembrando que, quanto maior for a sua empresa e quanto mais serviços ou produtos você oferecer, maior será o trabalho do contador.

Por isso, analise a necessidade de ter mais de um profissional dedicado a essa área. Agora, no caso de microempresas, o mais indicado é terceirizar esse tipo de serviço a um escritório de contabilidade. Geralmente, é suficiente.

Se você optar por terceirizar o serviço, não vá achando que é só deixar tudo nas mãos do contador! Crie um canal direto entre você e ele! Alinhe bem os objetivos e, claro, escolha alguém que seja de sua confiança, ou seja, que ao mesmo tempo, seja ético e responsável.

Depois de definir quem será o profissional responsável por cuidar do seu planejamento tributário, converse com ele. Conte tudo o que está acontecendo na sua empresa. Quais são seus objetivos, onde você quer chegar, entre outros pontos, que serão essenciais para pautar a sua ação.

A prática

No primeiro momento, o contador vai te ajudar a identificar se sua empresa está dentro do regime tributário correto e ideal. Depois disso, você poderá enumerar o que é mais importante e colocar no papel.

Isso servirá para que vocês possam ter uma visão mais clara da situação atual da empresa. E, a partir de então, quais atitudes precisarão ser tomadas para que o seu negócio possa crescer mais ainda.

Lembre-se sempre de se lembrar de nunca esquecer que todas as medidas tomadas devem estar de acordo com a legislação vigente em nosso país. Assim você evita futuras dores de cabeça, tanto para você, quanto para seus colaboradores.

Agora me conte, Ser de Luz: conseguiu tirar suas dúvidas sobre este assunto? O que falta para você começar agora mesmo a colocar em prática o seu planejamento tributário? Deixe o seu comentário, no espaço abaixo e lembre-se de compartilhar o conteúdo, com seus amigos, em suas redes sociais.  

E aí, curtiu esse conteúdo?

Saiba que ele é apenas a pontinha do iceberg e você pode desenvolver suas habilidades de liderança muito mais. Baixe agora o ebook Leader Coach e aprenda como extrair o máximo resultado da sua equipe.
Preencha o formulário, é de graça.

Imagem: Di Studio / Shutterstock

José Roberto Marques

Sobre o autor: José Roberto Marques é referência em Desenvolvimento Humano. Dedicou mais de 30 anos a fim de um propósito, o de fazer com que o ser humano seja capaz de atingir o seu Potencial Infinito! Para isso ele fundou o IBC, Instituto que é reconhecido internacionalmente. Professor convidado pela Universidade de Ohio e Palestrante da Brazil Conference, na Universidade de Harvard, JRM é responsável pela formação de mais de 50 mil Coaches através do PSC - Professional And Self Coaching, cujo os métodos são comprovados cientificamente através de estudo publicado pela UERJ . Além disso, é autor de mais de 50 livros publicados.



*Esse conteúdo não é fonte para veículos jornalísticos ou matérias para imprensa, para utilização ou referência por favor entre em contato conosco.

Deixe seu Comentário

IBC - Instituto Brasileiro de Coaching: Av. Prof. Venerando Freitas Borges, 561 - Setor Jaó - Goiânia/ GO - CEP: 74.673-010
CNPJ: 31.328.744/0001-63