Os reflexos de um líder autoritário na organização

Líder autoritário

Reflexos de um líder autoritário nas organizações

 

Na maioria das vezes, um líder autoritário exibe características como egocêntrica, individualista, centralizadora e egoísta. Todas essas peculiaridades de tom negativo podem ser expressas por meio de palavras e termos grosseiros, comportamentos desrespeitosos e indiferença com o outro. Infelizmente, ainda é possível encontrar em empresas lideranças com perfis similares a esse.

Este tipo de liderança é remanescente da época em que se acreditava que, para alcançar grandes resultados, era preciso ter pulso firme e pressionar os colaboradores à exaustão. Com um perfil extremamente arrogante, o líder autoritário considera que apenas sua opinião é importante, o que torna a convivência insustentável em longo prazo e causa grandes prejuízos para a empresa. Continue lendo para saber mais sobre o assunto!

Como funciona o dia a dia

Na prática, um líder autoritário pode até trazer resultados positivos para os indicadores da organização, mas com um alto custo. Digo isso, pois é preciso analisar o cenário como um todo. Os colaboradores do time dele estão felizes com o trabalho entregue? Estes mesmos funcionários estão trabalhando em harmonia? Como será que a equipe dele se sente em relação às atitudes dele? É interessante fazer esse tipo de questionamento, pois ele dá uma ideia de como os outros estão se sentindo diante do comportamento do chefe.

Ainda pensando no dia a dia, é mais comum ver situações incômodas relacionadas a líderes autoritários. São cenas como o líder gritando com os próprios colaboradores, dando feedback sem argumentos construtivos e em momentos constrangedores, não ouvindo a opinião de outras pessoas, acabando com relacionamento interpessoais e por aí vai.

Por acreditar que está acima de todos e que sabe mais do que as outras pessoas, este gestor trata seus liderados como meros funcionários, eliminando qualquer oportunidade de que eles se destaquem. Para piorar, é comum que este líder tenha pouco controle emocional e crie situações em que agride verbalmente seus profissionais e os expõe ao ridículo.

Ainda que tenha bastante experiência e conhecimento sobre o trabalho, a empresa e a área de atuação, este líder não é do tipo que está disponível para ensinar ou orientar um colaborador. Para ele, o profissional deve cuidar sozinho de suas funções e entregar o que ele pede, da maneira que ele pede e quando ele pede.

Percepção de futuro

Em longo prazo, uma liderança autoritária tem dificuldade de reter talentos, não revisa processos antigos, desestimula o debate de ideias, não incentiva inovações, dificulta a comunicação entre as áreas e os próprios participantes do grupo não cooperam para um ambiente de trabalho saudável ou um clima organizacional positivo, não desenvolve a capacidade técnica e intelectual dos colaboradores e ainda pode bloquear entregas de atividades que poderiam ser mais criativas e inteligentes.

Autoavaliação da liderança

Não entre em pânico se você é um líder ou gestor e está preocupado com o tipo de trabalho que exerce ao ler esse artigo. Que tal fazer um teste de autoavaliação para refletir sobre o assunto? Responda usando “sim” ou “não” a cada uma das afirmativas abaixo. Por mais simples que pareçam, suas respostas podem revelar muito sobre sua gestão e trazer poderosas reflexões. Confira:

Afirmativas:

  • Sou centralizador e a minha opinião é sempre a mais correta.
  • Sou um bom ouvinte e sempre levo em conta as opiniões dos meus colaboradores.
  • Quando algo de errado acontece, a culpa nunca é minha.
  • Interesso-me pelo bem-estar dos meus liderados.
  • Gosto de tomar minhas decisões sozinho.
  • Comunico-me claramente com a equipe.
  • Gosto de motivar e orientar os meus profissionais.
  • Assumo os meus erros e reconheço o mérito da equipe.
  • Crio soluções sempre éticas, inteligentes e responsáveis.
  • Sou um líder paciente, flexível, humano e respeitador.

Reflita sinceramente sobre suas respostas e avalie como estas afirmações ilustram sua forma de gestão. Caso seu perfil esteja mais para líder autoritário, este pode ser o momento ideal para rever comportamentos e evoluir sua liderança.

Coaching de liderança

Um dos modos de contribuir positivamente e efetivamente para o seu desenvolvimento da sua liderança é investir na sua educação continuada com o coaching. Uma pesquisa realizada pela Pontifícia Universidade Católica (PUC) de Campinas com 10 executivos que passaram por processo de Coaching mostra que todos os eles desenvolveram a capacidade de ouvir; mais de 80% foi capaz de melhorar o ambiente de trabalho e são mais flexíveis; e mais de 90% otimizou a produtividade.

O Instituto Brasileiro de Coaching (IBC) tem a formação Leader Coach Training (LCT) que é especialmente criada com conteúdo de qualidade para incentivar a evolução profissional e pessoal de líderes de alto desempenho.

São 20 horas de curso divididas em 2 dias que irão transformar sua vida. Por meio de atividades teóricas e práticas e com um rico material, O LCT proporciona o aprendizado sobre os quadrantes da liderança, construirá uma nova filosofia de obtenção de resultados humanizados, irá ganhar mais habilidade nas atividades relacionadas à comunicação, fortalecerá sua capacidade de desenvolver seus funcionários e de reter talentos. Além disso, aprenderá a importância do exercício do autoconhecimento e do autodesenvolvimento diário.

Parece muita mudança, não é mesmo? E é! Por isso, que o coaching é tão fundamental e transformador na vida de uma pessoa. O melhor de tudo é que os resultados não aparecem somente em longo prazo, mas em curto e médio prazo também! E, além de você mesmo, quem convive com você no ambiente de trabalho ou fora dele também sentirá que você mudou positivamente.

Após criar e sustentar tais habilidades, será mais fácil alcançar bons índices de satisfação e qualidade de vida no trabalho por parte da sua equipe. Mais do que isso: o time começará a entregar trabalhos mais criativos e que vão além do que estava sendo requisitado!

Ao completar a formação você terá o certificado de dois importantes reconhecimentos internacionais: do Behavioral Coaching Institute (BCI) e do Global Coaching Community (GCC). Então, além de todo o conhecimento que você irá aprender, da evolução que irá passar, ainda receberá certificados estrangeiros que serão de muita valia para o seu currículo e processos seletivos.

Não perca tempo se você ficou interessado na proposta do coaching! Investir na evolução profissional e pessoal é essencial para progredir de maneira mais harmoniosa em todos os âmbitos da vida.

Escreva o que achou desse artigo nos comentários! Depois, compartilhe nas suas redes sociais.

E aí, curtiu esse conteúdo?

Saiba que ele é apenas a pontinha do iceberg e você pode desenvolver suas habilidades de liderança muito mais. Baixe agora o ebook Leader Coach e aprenda como extrair o máximo resultado da sua equipe.
Preencha o formulário, é de graça.

Copyright:  530404444 – https://www.shutterstock.com/pt/g/fizkes

José Roberto Marques

Sobre o autor: José Roberto Marques é referência em Desenvolvimento Humano. Dedicou mais de 30 anos a fim de um propósito, o de fazer com que o ser humano seja capaz de atingir o seu Potencial Infinito! Para isso ele fundou o IBC, Instituto que é reconhecido internacionalmente. Professor convidado pela Universidade de Ohio e Palestrante da Brazil Conference, na Universidade de Harvard, JRM é responsável pela formação de mais de 50 mil Coaches através do PSC - Professional And Self Coaching, cujo os métodos são comprovados cientificamente através de estudo publicado pela UERJ . Além disso, é autor de mais de 50 livros publicados.



*Esse conteúdo não é fonte para veículos jornalísticos ou matérias para imprensa, para utilização ou referência por favor entre em contato conosco.

Deixe seu Comentário

IBC - Instituto Brasileiro de Coaching: Av. Prof. Venerando Freitas Borges, 561 - Setor Jaó - Goiânia/ GO - CEP: 74.673-010