Como implantar o conceito de meritocracia nas empresas?

A meritocracia visa avaliar os seus colaboradores pelas empresas em que trabalharam, e por suas aptidões profissionais.

 

A alta competitividade do mercado, clientes cada vez mais exigentes quanto aos produtos e serviços que as empresas oferecem e a instabilidade financeira e econômica que o país enfrenta, demandam cada vez mais organizações que entreguem excelentes resultados e que sejam compostas por bons colaboradores que tornem isso viável.

Inúmeros são os métodos utilizados em diferentes empresas para avaliar seus colaboradores e alcançar os objetivos traçados. Um exemplo é a implementação da meritocracia nas organizações. Mas você sabe o que é meritocracia?

Meritocracia é um modelo no qual os colaboradores são avaliados pelas empresas em que trabalham, e aquele com melhor aptidão profissional e que cumpre as metas e os resultados esperados é contemplado com posições hierárquicas e/ou outras recompensas, que vão desde brindes e folgas, até bolsas de estudos, aumento de salário, promoção ou participação nos lucros.

Através do método é possível que os gestores acompanhem sempre a evolução de quem trabalha em sua organização e mostrem o que esperam de cada um. O objetivo da meritocracia é valorizar e manter os colaboradores que estejam de fato empenhados em agregar valor ao negócio em que trabalham, garantindo o crescimento constante da empresa.

Diversos estudos já mostraram que a meritocracia é uma das formas preferidas dos gestores para avaliar e ajustar as posições em suas empresas. Alguns entendem que esse é o formato mais justo, por privilegiar justamente quem está trabalhando com afinco, interesse e, claro, entrega os resultados pedidos pelo seu superior, beneficiando a organização.

É importante destacar que a meritocracia não é um plano de carreira. Muitas pessoas acabam confundindo os conceitos. O plano tradicional, que mostra quais os caminhos um colaborador irá percorrer dentro da companhia está em desuso, uma vez que é cada vez mais difícil ver pessoas fazendo uma longa caminhada em apenas um emprego. Na meritocracia, no entanto, não é preciso trabalhar a longo prazo. É possível criar metas menores, curtas, para que os funcionários se sintam motivados a corresponder para atingir os objetivos para eles e para a empresa.

Vantagens da meritocracia

Conheça a seguir as vantagens da aplicação da meritocracia para a sua empresa:

  • Valoriza e estimula o desenvolvimento e melhoria dos colaboradores, assim como a produtividade.
  • A remuneração pode ser alinhada ao trabalho do colaborador.
  • Com o método, as responsabilidades dentro da empresa são melhor definidas.
  • Permite o desenvolvimento de feedbacks assertivos para que o colaborador possa trabalhar seus pontos de melhoria.
  • Posições e planos de carreira bem elaborados.
  • Possibilita que todas as operações da empresa possam ser registradas e posteriormente consultadas.
  • Instiga o trabalhar em equipe.
  • A aplicação da meritocracia permite que as vagas em aberto sejam preenchidas por profissionais já inseridos na empresa.
  • Oportuniza aos gestores a identificação de talentos dentro da empresa.
  • Motiva os colaboradores a continuarem trabalhando cada vez melhor.
  • Possibilita a queda no número de reclamações referentes ao trabalho e remuneração por parte dos colaboradores beneficiados pelo método.
  • Com o colaborador satisfeito com o trabalho na empresa, o negócio passa a ser bem visto pelos clientes e futuros colaboradores.

Por mais que a implementação do conceito de meritocracia gere tantas vantagens para a empresa e para o colaborador, para que ela seja efetiva é necessário que o RH das organizações estabeleça um planejamento das ações que envolvam o modelo, bem como suas consequências (sejam elas boas ou ruins), para que não haja ruído por nenhuma das partes. A meritocracia também pode gerar expectativas inatingíveis, frustrações e comparações, além da possibilidade de estimular o individualismo e competição negativa. Sendo assim, se faz totalmente necessário um plano alinhado às políticas da empresa, bem como seu valores e metas futuras.  

O processo de avaliação deve ser formal. O gestor que o aplica deve apontar ao colaborador seus pontos de melhoria e se manter informado sobre o desenvolvimento de todas as equipes da sua empresa. Para os colaboradores que recebem feedbacks negativos, também é indispensável oferecer treinamento.

Quanto ao colaborador, para que a meritocracia seja algo que agregue valor ao seu trabalho, esclareça toda e qualquer dúvida com o seu gestor, para que você entenda exatamente o que a empresa deseja de você. Tenha em mente que trabalhar com outras pessoas não é sinônimo de competitividade, mas sim de aprendizado e troca de experiências. Ser avaliado através do método é uma oportunidade de mostrar o seu esforço e aumentar a sua produtividade. Não perca a chance de tentar evoluir, realinhar suas metas pessoais e sobressair na empresa em que você trabalha.

Se você ainda tem dúvidas se a meritocracia é um método capaz de agregar valor à sua empresa, ou se você, colaborador, ainda não se vê totalmente confortável em ser avaliado pelo método, o Coaching através de um conjunto de ferramentas, é capaz de proporcionar gestão empresarial e diretrizes para que você desenvolva sua alta performance e possa tornar a meritocracia uma aliada ao seu trabalho.

Além disso, o Coaching torna-se importante para quem está em um ambiente de trabalho onde a meritocracia é o modelo de avaliação. Para que você corresponda, é preciso estar pronto, determinado e motivado para buscar os resultados. Quando encontramos pessoas sem esse perfil, podemos intervir e ajudar a encontrar os pontos fortes e a motivação necessária para sair da inércia, conquistar os objetivos e, consequentemente, subir os degraus pelo mérito do trabalho.

Nesse sentido, o Coaching torna-se imprescindível para colaboradores e gestores. Vale a pena buscar essa ajuda para lidar com a meritocracia, independente da situação em que se encontram.

Se você gostou desse conteúdo, não deixe de compartilhar em suas redes sociais. Deixe também a sua opinião sobre o modelo de meritocracia nos comentários abaixo. Você acredita nessa forma de avaliação? Qual o conselho daria para o gestor e para o colaborador na hora de conviver com esse tipo de método? Participe do nosso debate!

E aí, curtiu esse conteúdo?

Saiba que ele é apenas a pontinha do iceberg e você pode desenvolver suas habilidades de liderança muito mais. Baixe agora o ebook Leader Coach e aprenda como extrair o máximo resultado da sua equipe.
Preencha o formulário, é de graça.

Copyright: Nando Machado / Shutterstock

Deixe seu Comentário

IBC - Instituto Brasileiro de Coaching: Av. Prof. Venerando Freitas Borges, 561 - Setor Jaó - Goiânia/ GO - CEP: 74.673-010