Aprenda a lidar com as críticas construtivas e destrutivas

 Críticas Construtivas e Destrutivas

Veja as dicas de como lidar com Críticas Construtivas e Destrutivas

 

Ser criticado faz parte do nosso dia-a-dia, principalmente quando estamos no ambiente profissional. Algumas críticas podem ser construtivas e nos ajudam a crescer. Outras podem ser destrutivas e acabam nos desanimando ou fazendo com que percamos o controle de nossos sentimentos e emoções. Como as duas eventualmente acontecem nos demais pontos da vida, devemos estar sempre preparados para lidar com elas nas mais adversas situações.

Veja, neste artigo, como você pode lidar, da melhor maneira possível, tanto com as críticas construtivas, quanto com as destrutivas.

O que são as críticas construtivas?

As críticas construtivas são aquelas que são apontadas com o objetivo de que analisemos e modifiquemos comportamentos, que podem estar prejudicando o nosso desempenho e das pessoas ao nosso redor de uma forma geral.

Geralmente, tomamos consciência deste tipo de crítica nos feedbacks que recebemos em nosso ambiente profissional, ou naquele famoso “toque” que alguém próximo nos dá, devido a uma situação adversa. Ela pode ser apontada tanto com relação à execução de uma tarefa específica, quanto a um comportamento nosso que não foi tão agradável.

Esse tipo de crítica é altamente positiva, pois temos a oportunidade de reconhecer erros, trabalhando nisso, e, consequentemente, de crescer como pessoas e profissionais. Ao recebê-las, podemos ter uma certa preocupação no primeiro momento, porém, elas nos motivam e fazem com que tenhamos o desejo de sermos mais qualificados, bem como vontade de progredir.

Como lidar com a crítica construtiva?

Por mais que esteja sendo transmitida com o objetivo de nos ajudar em nosso desempenho, muitas pessoas têm dificuldade de receber e assimilar este tipo de crítica, o que faz com que não surta o efeito desejado por aquele que teve apenas a intenção de colaborar.

Se você se encaixa neste perfil e não sabe como agir ao receber uma crítica construtiva, veja, a seguir, as dicas que eu tenho para que você aprenda a lidar com elas.

Agradeça

Um dos primeiros passos para lidar com a crítica de uma forma mais receptiva é ser grato à pessoa que está tentando ajudá-lo. Mostre que você compreendeu o que ela quis lhe dizer, sem que isso tenho lhe ofendido ou magoado de alguma maneira, e agradeça, para que assim ela entenda que pode continuar lhe ajudando sempre que for necessário.

Reflita

Depois que já estiver em um momento sozinho, em um ambiente que lhe ofereça paz e tranquilidade, de preferência sem sofrer a interferência de nada ou ninguém, faça uma pausa para repassar os pontos que foram apontados,a analisando quais fazem sentido para você e quais você realmente acredita que não precisam ser levados tanto em consideração assim.

O que você pode fazer para mudar?

Passado o momento de reflexão, é chegada a hora de levantar os pontos que verdadeiramente precisam ser melhorados, para que você elabore formas de melhorar ou de mudar este comportamento que teve e não foi bem aceito, seja no ambiente pessoal ou profissional.

De uma forma geral, acredito que estes sejam os passos iniciais a serem seguidos. Além disso, o que você pode fazer também ao receber uma crítica construtiva é entusiasmar-se, sentir-se acolhido, pois alguém teve a preocupação de despender parte de seu tempo para ajudá-lo em seu processo de melhoria contínua, e aceitá-la como uma oportunidade de crescimento e amadurecimento.

Ao final, como eu disse, agradeça à pessoa que a fez e coloque-se sempre à disposição para futuros feedbacks.

O que são as críticas destrutivas?

As críticas destrutivas são aquelas feitas da maneira incorreta e indelicada, com ofensas, acusações sem fundamento e sem qualquer contribuição para nosso crescimento e amadurecimento. Elas são feitas por pessoas despreparadas, que não têm habilidade de oferecer um feedback assertivo e não possuem tato algum para lidar com outras pessoas.

O problema é que, além de serem desnecessárias, elas nos causam sentimento de raiva, culpa e desmotivação, pois, por mais que façam algum sentido, em determinados pontos, a forma como acontecem não nos ajudam a produzir, verdadeiramente, mudanças para que possamos melhorar e mudar nossas ações e comportamentos no dia a dia.

Sendo assim, tanto quanto a crítica construtiva, é essencial aprender a lidar também e, principalmente, com a destrutiva, que serve apenas para nos atingir de forma negativa.

Como lidar com a crítica destrutiva?

Por mais que despertem em você sentimentos negativos, é essencial que você não os utilize para responder ou dar o troco à pessoa que está tentando lhe atingir de forma tão covarde.

Veja o que você pode fazer para também lidar da melhor maneira possível com a crítica destrutiva:

Utilize a sua inteligência emocional

Caso receba uma crítica destrutiva, utilize a sua inteligência e controle emocional para não cair na armadilha de revidar, já que elas vêm tão carregadas de informações negativas e que podem comprometer seu comportamento e até afetar a autoestima e produtividade.

Utilize a resiliência e mantenha a calma, deixando que a pessoa fale o que tem para falar ou que simplesmente peça licença para se retirar, informando-lhe que realmente não há espaço para que vocês desenvolvam um diálogo que seja produtivo para ambos.

Não retribua

Como eu disse acima e repito mais uma vez, é de fundamental importância que você não retribua a crítica ou responda de forma ríspida o que ela está lhe dizendo naquele momento, uma vez que, ao fazer isso, você poderá se prejudicar, mais do que tentar prejudicá-la.

Ao invés disso, retire-se, e, se achar pertinente, em outro momento, dê um feedback construtivo a essa pessoa, relatando o quanto ela foi infeliz na forma como realizou a crítica a você.

Qual a lição positiva disso?

Outra forma inteligente de lidar com a crítica destrutiva é refletir sobre o fato e pensar nas lição positiva que você pode extrair de tal situação. Analise se realmente é possível tirar algum proveito de tudo o que foi dito, pensando em formas de mudar, ou se você simplesmente deve seguir com a sua vida adiante, sem se deixar abalar por questões como estas.

Como dar um feedback de forma eficiente?

Se em momentos específicos da vida você acredita que é necessário contribuir com alguém, lhe oferecendo feedbacks assertivos, fazendo com que o outro sinta-se confortável e grato por estar recebendo este tipo de ajuda, veja como você pode fazer para dar uma crítica construtiva sem ofender quem quer que seja.

Primeiramente, pense se a crítica é, de fato, necessária. Pondere muito como vai falar e busque não só apontar um erro, como questioná-lo e entender o motivo de tal pessoa ter agido dessa maneira específica, ao invés de outra que fosse mais eficiente.

Feito isso, seja o mais gentil e profissional que puder e lembre-se sempre de se lembrar de nunca esquecer de se colocar no lugar da outra pessoa, mostrando-lhe, com sensibilidade e delicadeza, o que foi feito de errado e, sempre que possível, dando sugestões do que pode ser feito para que o mesmo erro não ocorra novamente.

Ofereça-lhe também a oportunidade de falar, se retratar ou de também sugerir o que pode ser melhorado. Dessa maneira, você conseguirá fazer uma crítica construtiva, contribuindo assim com o crescimento de alguém ao invés de deixar essa pessoa desmotivada, triste e irritada.

Este é um momento em que precisamos entender, mais do que em qualquer outro, o quanto as palavras têm poder e podem ajudar e levantar o astral de alguém ou podem lhe derrubar de uma vez. Sendo assim, pensar na forma de abordagem, garantindo que esta ocorra com assertividade e que transmita a mensagem correta, é o melhor que se tem a fazer, para que todos saiam beneficiados desse processo.

Agora, Ser de Luz, chegou a sua vez de escrever. Aproveite o espaço abaixo e diga-me o que você achou deste conteúdo. Lembre-se de falar sobre suas experiências e o que você faz quando recebe críticas como estas, e compartilhe com seus amigos, em suas redes sociais, este artigo, para que eles também saibam como se sair em situações como estas.

Copyright: 1050584255 – https://www.shutterstock.com/pt/g/fizkes

 

O artigo é bom, né?

No IBC é assim, não custa nada evoluir e alcançar resultados extraordinários. Se você quer seguir por esse caminho de evolução é só baixar o nosso e-book gratuito,
Tudo sobre Coaching. Preencha o formulário abaixo com seus dados para ler.

 

Deixe seu Comentário

IBC - Instituto Brasileiro de Coaching: Av. Prof. Venerando Freitas Borges, 561 - Setor Jaó - Goiânia/ GO - CEP: 74.673-010