Você sabe o que é efeito Dunning Kruger?

Dunning-Kruger Ninguém está livre do efeito Dunning-Kruger – Saiba mais

 

Você costuma dar opinião a respeito dos mais variados temas e acredita que tem conhecimento para fazer isso com propriedade? Se a resposta foi sim, tenha cuidado, pois você pode estar sob o efeito Dunning-Kruger e não saber disso. Basicamente, se trata de um fenômeno em que pessoas que têm pouco ou nenhum conhecimento a respeito de um tema acreditam que sabem tanto quanto os mais gabaritados da área.

Preencha AGORA o formulário para descobrir!

O que é o efeito Dunning-Kruger?

Fenômeno descrito e estudado em 1999 pelos psicólogos Justin Kruger e David Dunning da Cornell University, se refere a indivíduos que não têm competência em uma determinada área, mas acreditam verdadeiramente que sabem mais do que os mais preparados e versados no tema. Os especialistas investigaram o que levava essas pessoas a tomarem decisões ruins e alcançar resultados indevidos pela insistência em um conhecimento que não possuem.

Dunning e Kruger concluíram que esses indivíduos sofrem com uma superioridade ilusória e que sua incompetência os impede de entender seus próprios erros. São pessoas que superestimam as suas habilidades no campo intelectual e/ou social. As duas principais dificuldades nesse caso são ter que administrar os resultados negativos obtidos de seus erros e a incapacidade cognitiva de perceber que não sabem o que acreditam saber.

O experimento

Para analisar esse fenômeno cientificamente, os psicólogos aplicaram testes de lógica, gramática e humor (percepção de graça ou não em algo) para alunos do curso de psicologia da Cornell University. Os participantes quase em sua maioria superestimaram os resultados que obtiveram nos testes. A segunda etapa do experimento consistiu em oferecer a eles qualificação nas áreas abordadas.

Então, um novo teste foi realizado e agora que os estudantes tinham maior conhecimento, subestimaram o quão bem tinham ido nos exames. Em resumo, o que esse experimento identificou é que quanto mais incompetente uma pessoa é, menos ela tem consciência de sua própria incompetência.

Tópicos importantes do efeito Dunning-Kruger

Os estudos de Dunning e Kruger permitiram tirar algumas conclusões bem interessantes a respeito de pessoas incompetentes, listei abaixo um pequeno resumo que permitirá entender melhor a questão.

– Os incompetentes não conseguem reconhecer a sua incompetência, podendo passar a acreditar que são injustiçados por não conseguirem os resultados esperados. Mesmo que estejam passando por problemas decorrentes de erros cometidos por não terem conhecimento, esses indivíduos pensam que sabem mais do que a maioria e que estão acima dos demais.

– Outro ponto curioso é que os incompetentes não são capazes de reconhecer a competência em outros indivíduos, pois tendem a acreditar que são os mais sabidos no grupo em que se encontram. Se alguém disser o contrário, é bem provável que eles identifiquem como inveja ou como o desejo de lhes roubar o seu status diferenciado.

– A incompetência rouba dos indivíduos a capacidade cognitiva de entender que não têm conhecimento numa área específica. Dunning comparou essa incapacidade a anosogosia, que é uma condição em que uma pessoa que possui alguma deficiência simplesmente a ignora, independente do grau de severidade. O incompetente não tem exatamente o que precisa para saber que nada sabe.

– Os indivíduos que sofrem com o efeito Dunning-Kruger podem reconhecer e aceitar que eram incompetentes se passarem por um processo de qualificação e adquirirem conhecimentos. A melhor solução é sempre o aprendizado e, quando se percebe que boa parte da população está caminhando para um efeito Dunning-Kruger coletivo, é um sinal de alerta para pensar em políticas de educação para essas pessoas.

Monte da estupidez

Durante esse processo de investigação do fenômeno, os pesquisadores perceberam que a evolução do conhecimento pode ser representada na forma de um gráfico. Curiosamente, antes de descobrir e aceitar que não se sabia nada ou muito pouco sobre um tema, o indivíduo passa por uma fase chamada de “monte da estupidez”, que é exatamente o momento em que ele acredita saber muito e quer dar sua opinião sobre o assunto em questão, sem perceber que provavelmente está passando vergonha.

Ninguém está livre do efeito Dunning-Kruger

Se você chegou até essa parte do texto rindo e pensando em como as pessoas podem ser iludidas de seu próprio conhecimento, deve saber que também pode ser vítima do efeito Dunning-Kruger. Aliás, algumas pesquisas demonstram que esse fenômeno chega a desafiar a matemática. Em um estudo realizado com engenheiros de software de uma companhia, cerca de 30% disse que fazia parte dos 5% melhores colaboradores, algo que é matematicamente impossível.

Outra pesquisa que demonstra como as pessoas podem ser vitimadas por essa superestima de suas habilidades, é que revelou que 88% dos motoristas norte-americanos acredita que dirige dentro da média. Assim, quando alguém te perguntar a respeito de alguma habilidade sua, fique atento se não está superestimando o seu desempenho. Uma forma de evitar ser vítima desse fenômeno é se manter sempre lendo e se qualificando. O conhecimento é a principal ferramenta para combater a ignorância em relação à própria ignorância.

Indivíduos mais capacitados estão menos suscetíveis ao efeito Dunning-Kruger

Como esse fenômeno tem como base a incompetência do sujeito que faz com que ele não consiga identificar seu desconhecimento, é natural que os mais capacitados sejam os menos afetados pelo problema. Quanto menor a capacitação de alguém, melhor é a ideia que tem de si mesmo. Isso não quer dizer que os mais capacitados subestimam as suas habilidades, mas que acreditam que os demais sabem mais ou tanto quanto eles.

Em muitos casos, os que mais falam sobre algo são os que menos sabem, esse é um erro recorrente que pode ter consequências bastante sérias. Julgar que sabe muito a respeito de um tema, a ponto de opinar e influenciar outras pessoas a tomar decisões ruins é algo que pode ser desastroso. Claro que nem sempre os que mais falam são aqueles que menos sabem, mas é essencial prestar atenção para não seguir alguém que não tem ideia a respeito de sua própria incompetência.

Ideias preconcebidas e crenças arraigadas

Indivíduos que estão sob o efeito Dunning-Kruger não têm o conhecimento necessário para reconhecer a sua ignorância, mas, ao contrário do que se possa imaginar, não são espaços vazios. Esses indivíduos estão repletos de certezas e crenças preconcebidas que impedem que enxerguem seus erros.

Intuições, histórias, sentimentos e outros fatores podem contribuir para que a pessoa acredite que tudo aquilo que ela pensa constitui realmente um conhecimento legítimo. Dificilmente, alguém conseguirá convencê-la do contrário sem que lhe ofereça uma boa dose de conhecimento.

Essa situação fica mais clara quando ilustrada com um estudo realizado pela Universidade de Yale, em que se perguntou para pessoas que não sabiam nada sobre nanotecnologia se os benefícios compensavam os riscos que essa tecnologia implica. Mesmo que não soubessem nada a respeito, boa parte dos indivíduos não se absteve de dar sua opinião e achar que estava realmente calcada em conhecimento verdadeiro e não apenas em achismos.

Preparamos um teste para VOCÊ descobrir o quanto é FELIZ!
Clique aqui e conheça nosso “Termômetro da Felicidade” !

O efeito Dunning-Kruger pode ser perigoso?

Se as questões a respeito do efeito Dunning-Kruger girassem em torno apenas de pessoas que acham que jogam pôquer melhor do que realmente jogam ou que sabem mais do que realmente sabem sobre literatura russa, não haveria grande problema. Porém, esse fenômeno pode ter consequências reais e muito graves em setores como a economia, por exemplo.

Em 2008, o mundo foi atingido por uma crise financeira que teve seu início nos Estados Unidos devido a esquemas arriscados desenvolvidos por indivíduos do setor financeiro e o desconhecimento dos consumidores. No ano de 2012, foi realizada uma pesquisa em que 23% das pessoas que haviam declarado falência nesse período acreditavam que eram especialistas em finanças.

Se essas pessoas reconhecessem a sua incompetência como investidoras poderiam ter evitado tomar decisões ruins e diminuído o impacto da crise financeira que teve alcance mundial. Outras áreas podem ser bastante prejudicadas com a inserção de pessoas sem preparo, como a política, por exemplo. Não há nada mais arriscado do que um indivíduo que desconhece a sua falta de conhecimento em uma área crítica para inúmeras outras pessoas.

Curiosidade Sobre o Efeito Dunning-Kruger

Dunning e Kruger foram agraciados com o Prêmio IgNobel do ano 2000, que tem o nome inspirado no tradicional Prêmio Nobel. Para quem não conhece, esse prêmio é oferecido para as descobertas científicas que são consideradas as mais inusitadas do ano. Mas, que fique claro que não se trata de um demérito, pois geralmente essas descobertas provocam riso e depois abrem a perspectiva de reflexão.

Segue o padrão do efeito Dunning-Kruger, em que primeiro se é ignorante a respeito de algo, sem que se possa entender a própria incompetência, e somente depois, com conhecimento, se torna possível adquirir consciência da relevância da questão. Com certeza, não há dúvidas de que entender esse fenômeno está cada vez mais importante em uma sociedade tão focada em ler e escrever comentários em redes sociais a respeito de variados temas, é como se todo mundo fosse especialista em tudo.

Você já passou por alguma situação em que se deu conta de que não sabia tanto quanto imaginava? Deixe seu comentário abaixo e aproveite para compartilhar o artigo em suas redes sociais, levando a informação adiante!

O artigo é bom, né?

No IBC é assim, não custa nada evoluir e alcançar resultados extraordinários. Se você quer seguir por esse caminho de evolução é só baixar o nosso e-book gratuito,
Tudo sobre Coaching. Preencha o formulário abaixo com seus dados para ler.

Copyright: 756924010 – https://www.shutterstock.com/pt/g/ajr_photo



*Esse conteúdo não é fonte para veículos jornalísticos ou matérias para imprensa, para utilização ou referência por favor entre em contato conosco.

Deixe seu Comentário

IBC - Instituto Brasileiro de Coaching: Av. Prof. Venerando Freitas Borges, 561 - Setor Jaó - Goiânia/ GO - CEP: 74.673-010