Ergonomia organizacional: uma forma de ajudar a gestão de sua empresa

ergonomia organizacional Ergonomia organizacional – Conheça as principais características

 

A empresa é um grande sistema e cada investimento, cada contribuição faz muita diferença no fortalecimento e crescimento deste sistema. Olhar para uma empresa sob essa perspectiva é importante para ver como questões que muitos consideram obsoletas ou desnecessárias contribuem de maneira positiva com a organização empresarial, como a ergonomia organizacional. Mas, afinal: o que é a ergonomia organizacional? Para saber mais sobre este tema, continue a leitura! 

Comece a ter o

Destaque

que você merece!

Preencha os campos abaixo para receber o e-book.

O que é a ergonomia organizacional?

A ergonomia organizacional nada mais é que a macroergonomia, pois ela engloba o entendimento dos seguintes fatores: 

Este é um conceito principal e é este mesmo conceito que está atrelado a alguns fatores que precisam ser considerados como de primeira importância. E que fatores são estes, afinal de contas? Podem ser

  • Modernização da empresa 
  • Mudança na tecnologia
  • Mudança na missão da companhia
  • Modificação de composição acionária
  • Negociações sindicais
  • Parecer de um especialista
  • Filosofia administrativa e outros.

O que pode acarretar a ergonomia organizacional é insatisfação dos funcionários ao clima organizacional. Todos as pessoas devem ser treinadas continuamente com um sistema que respeite as limitações pessoais e capacidades humanas. Por ser um sistema, a empresa precisa estar totalmente integrada para que todas as partes envolvidas possam desfrutar dos benefícios e ganhos que a ergonomia organizacional poderá agregar para o cotidiano das empresas. 

Tipos de ergonomia organizacional

A ergonomia organizacional possui algumas vertentes e por isso, antes de implementá-la em sua empresa é importante conhecer qual destes tipos se encaixa melhor no cotidiano da sua organizacional empresarial. Confira nos próximos tópicos os tipos de ergonomia organizacional. 

1 – Ergonomia participativa

Pode ser definida como o envolvimento no planejamento e no controle de suas próprias atividades de trabalho, com conhecimento e capacidade de influência nos processos como nos resultados. Para implantar a ergonomia organizacional participativa, a empresa deve ter uma estrutura suficiente para apoiar a ação de ergonomia.

Este tipo de ergonomia se originou dos programas de qualidade de vida e é feita com envolvimento representativo. Portanto, o envolvimento de líderes e gestores – sobretudo na implementação – é um fator importante para garantir o sucesso da ergonomia participativa

2 – Ergonomia física

Está relacionada às características da anatomia humana. Ou seja, a ergonomia organizacional física refere-se aos processos ligados ao corpo dos colaboradores e demais pessoas que fazem parte do cotidiano da empresa. A ergonomia física estuda os tópicos relevantes de postura no trabalho, além de manuseio de materiais e realização de movimentos repetitivos. 

3 – Ergonomia cognitiva

A ergonomia cognitiva, por sua vez, refere-se a fatores ligados a mente, emoção e cognição dos envolvidos. É de responsabilidade da ergonomia cognitiva avaliar a  percepção, memória, o raciocínio de acordo com a forma como afetam outros elementos do sistema. 

Estão inclusos também o estudo da carga mental no trabalho, tomada de decisão, stress entre outros fatores ligados à cognição dos colaboradores.

A felicidade é imprescindível para o bom desempenho profissional!
Clique aqui, faça nosso “TESTE” e descubra como anda sua felicidade!

Qual a importância da ergonomia organizacional?

Agora que você já sabe o que é e quais os tipos, fica a pergunta: a ergonomia organizacional é realmente importante para as empresas? E a resposta para esta pergunta é SIM! 

Relações interpessoais conflituosas podem gerar estresse, aumentando o índice de doenças, acidentes e absenteísmo no trabalho. O clima e a cultura da organização integram o campo da ergonomia organizacional, pois mexem com questões de organização do trabalho. Os investimentos em ergonomia física devem ir ao encontro de um planejamento ergonômico organizacional completo.

A ergonomia organizacional é muito importante dentro de um ambiente empresarial, uma vez que ela visa redução de problemas internos causados pela existência de um ambiente de trabalho não tão favorável. Se o trabalho é fator de motivação dos funcionários, e o clima e a cultura da empresa impactam diretamente neste sentimento, então deve-se dar maiores cuidados nestes aspectos.

Os outros tipos de ergonomia tendem a auxiliar, mas não substituir a ergonomia organizacional. É claro que uma boa estrutura física de aparelhagem ajuda muito, mas devemos nos voltar para os aspectos emocionais que são os grandes vilões do bom andamento da empresa.

Agora, conte pra gente: você tem alguma experiência com a ergonomia organizacional? Utilize o espaço abaixo para contar a sua experiência e também a sua opinião sobre este tema. Espalhe o conhecimento! Curta e compartilhe este artigo em suas redes sociais. 

E aí, curtiu esse conteúdo?

Saiba que ele é apenas a pontinha do iceberg e você pode desenvolver suas habilidades de liderança muito mais. Baixe agora o ebook Leader Coach e aprenda como extrair o máximo resultado da sua equipe.
Preencha o formulário, é de graça.

Copyright: Michael D Brown / Shutterstock

José Roberto Marques

Sobre o autor: José Roberto Marques é referência em Desenvolvimento Humano. Dedicou mais de 30 anos a fim de um propósito, o de fazer com que o ser humano seja capaz de atingir o seu Potencial Infinito! Para isso ele fundou o IBC, Instituto que é reconhecido internacionalmente. Professor convidado pela Universidade de Ohio e Palestrante da Brazil Conference, na Universidade de Harvard, JRM é responsável pela formação de mais de 50 mil Coaches através do PSC - Professional And Self Coaching, cujo os métodos são comprovados cientificamente através de estudo publicado pela UERJ . Além disso, é autor de mais de 50 livros publicados.



*Esse conteúdo não é fonte para veículos jornalísticos ou matérias para imprensa, para utilização ou referência por favor entre em contato conosco.

Deixe seu Comentário

IBC - Instituto Brasileiro de Coaching: Av. Prof. Venerando Freitas Borges, 561 - Setor Jaó - Goiânia/ GO - CEP: 74.673-010
CNPJ: 31.328.744/0001-63