Recrutamento Interno: as vantagens e desvantagens do processo

Recrutamento Interno Conheça o processo de Recrutamento Interno

 

O recrutamento interno é um tipo de processo seletivo no qual os candidatos são os próprios funcionários da empresa que está com vagas disponíveis. Assim, ele acontece quando a vaga é preenchida por um atual funcionário da empresa, que estava exercendo função em outra área ou setor da organização.

É muito comum que, ao surgirem vagas, as empresas olhem para as opções do mercado de trabalho antes mesmo de considerarem seus próprios colaboradores. Mas isso é errado? Não necessariamente. De fato, existem diversas vantagens e desvantagens, tanto em contratar alguém de fora quanto um profissional que já faz parte do seu time de colaboradores.

A questão é que as oscilações do mercado de trabalho, a alta concorrência e os constantes desafios do meio, fazem com que as empresas busquem por ações capazes de motivar seus colaboradores. Uma das formas encontradas foi através do recrutamento interno. Mostrando que, privilegiar a própria equipe, além de ser um comportamento adequado, pode trazer diversas vantagens para a continuidade do crescimento dos seus negócios.

Habilite seus gestores a exercerem seu papel com excelência!
Baixe gratuitamente meu livro “Ferramentas de Gestão”!

Recrutamento Interno: como funciona

Antes de mais nada, é preciso compreender o que é recrutamento. O procedimento tem grande importância nos processos de uma organização, pois ele tem como objetivo, indicar o melhor profissional para ocupar uma vaga em aberto na empresa.

De forma geral, existem três tipos de recrutamento: externo, interno e misto. Sendo que, o processo externo é quando a empresa busca por profissionais no mercado de trabalho. O interno é quando a busca se restringe aos profissionais da própria empresa. Enquanto o processo misto abrange ambos os grupos.

Para especificar melhor,  o recrutamento interno é um processo que aproveita o capital humano da organização. Ou seja, se uma vaga é aberta na empresa e a mesma possui colaboradores com potencial para o cargo, um processo interno se inicia para que determinado profissional seja escolhido.

Algumas etapas são comuns no recrutamento interno, como: divulgação da vaga através dos meios de comunicação utilizados pela organização, inscrição dos colaboradores interessados, estudo de casos, entrevista com o RH e com o gestor da vaga e feedback do processo.

Procedimentos de recrutamento interno

Como já disse, se trata de um procedimento com diversas etapas, tendo em sua finalidade encontrar ou descobrir profissionais muito bem qualificados e capacitados para ocuparem cargos de maior nível – que aqueles que são ocupados pelos candidatos no momento do processo – na empresa.

As principais fontes de recrutamento interno são os próprios departamentos da empresa. Mas a maneira como cada um dos candidatos deve ser abordado pode variar bastante. E foi por causa disso que surgiram diferentes procedimentos ou tipos de recrutamentos internos.

Podemos começar com o exemplo do recrutamento informal. Isso quer dizer, uma busca dentro de um departamento ou setor que, quase sempre, é realizada a partir de uma indicação de outro funcionário ou gestor da empresa, que se encontra em cargo mais elevado, e que, na maioria das vezes, trabalha ou trabalhou diretamente com a pessoa indicada.

Outro tipo de recrutamento interno é a abertura de vagas. A empresa necessita de determinada demanda de funcionários e acredita que dentro do seu atual quadro de colaboradores possam existir aqueles que se interessem em crescer na empresa, principalmente quando a empresa é grande e possui um interessante e próspero plano de carreira.

Dessa forma, é comunicado a todos os setores que existem vagas disponíveis para qualquer funcionário – ou com determinadas especificações – que queiram participar. De modo que qualquer profissional possa se candidatar ao cargo.

Também existe um método chamado reenquadramento. Que nada mais é do que a promoção de profissionais que fazem parte da carreira, seguindo o princípio dos critérios do plano de cargos e salários.

Sabendo destes detalhes cabe à empresa buscar se informar, aprofundar e encontrar a opção que melhor atenda às necessidades dos negócios. Afinal de contas, existem diversos prós e contras, que podem variar de acordo com as características não só da empresa, mas dos candidatos e das vagas.

Critérios de recrutamento interno

Sempre que uma empresa realizar algum tipo de processo de recrutamento interno, é preciso que alguns critérios objetivos de seleção sejam aplicados, além de tratar os colaboradores com o máximo de igualdade. Sem privilegiar um ou outro por quaisquer que sejam os motivos.

Sendo assim, fatores como produtividade, qualificações, estratégias empresariais e perfil comportamental devem ter grande peso na hora da seleção dos candidatos.

Vantagens do recrutamento interno

O processo de recrutamento interno traz certos benefícios para a empresa, conheça alguns deles:

  • Motiva os colaboradores;
  • Retêm talentos;
  • Fideliza os profissionais;
  • Promove crescimento profissional;
  • Gera economia com recrutamento;
  • Incentiva a competição saudável;
  • Resulta em maior integração do colaborador com os processos da empresa;
  • Permite que aplicação do recrutamento seja realizada em menos tempo;
  • Não necessita de socialização organizacional;
  • Os candidatos já conhecem a cultura da empresa;
  • Utiliza os investimentos realizados com capacitação profissional;
  • Evidencia que a organização valoriza o colaborador;
  • Diminui a rotatividade.

Desvantagens do recrutamento interno

Assim como todo processo, o recrutamento interno possui também, desvantagens, algumas são:

  • Gera expectativa no candidato e isso pode afetar a sua performance no cargo atual;
  • Pode resultar em conflitos entre os colaboradores;
  • Não garante que o bom rendimento de um profissional em um cargo, se repita em outro;
  • O processo não permite que “caras novas” cheguem na equipe;
  • Pode ocasionar em atitudes negativas e frustração por parte do colaborador que não foi promovido;
  • Inovação e criatividade podem ser limitadas;
  • Restringe o número de candidatos à vaga;
  • Gera bloqueio por parte dos gestores em liberar seus colaboradores compatíveis com a vaga;
  • Deixa um cargo em aberto quando um profissional aceita a nova função.

O recrutamento é muito importante para o funcionamento eficaz da empresa, pois ele é o primeiro passo para que a mesma obtenha colaboradores capazes de realizar um trabalho de excelência, atingir metas e assim, alcançar resultados de qualidade.

A melhor solução é que o departamento de recursos humanos analise criteriosamente se o recrutamento interno é o ideal para a empresa e então, defina as ações corretas para que o processo seja realizado da melhor forma possível e o candidato ideal seja escolhido para a vaga, trazendo assim, lucro e sucesso para a organização.

Habilite seus gestores a exercerem seu papel com excelência!
Baixe gratuitamente meu livro “Ferramentas de Gestão”!

Para deixar este processo ainda mais assertivo, o Coaching pode ser um aliado extraordinário, uma vez que ele prepara os profissionais da área de recursos humanos para selecionarem os melhores colaboradores para a organização, seja interna ou externamente.

Através de conhecimentos, técnicas e ferramentas, compartilhadas em formações como o Professional & Self Coaching – PSC, é possível identificar as habilidades e competências dos profissionais e quais se adequam melhor às vagas disponíveis dentro da empresa.

Se ficou interessado em saber mais sobre o PSC, convido você a entrar em contato com um de nossos consultores, para tirar suas dúvidas, e inscrever-se agora mesmo para a próxima turma do curso em sua cidade!

Agora me conte, Ser de Luz: você já aplicou o recrutamento interno em sua empresa? Quais foram os resultados obtidos? Deixe o seu comentário, falando sobre suas experiências e compartilhe o artigo nas redes sociais, para que seus amigos também ampliem seus conhecimentos sobre este assunto.

Copyright: tsyhun

O artigo é bom, né?

No IBC é assim, não custa nada evoluir e alcançar resultados extraordinários. Se você quer seguir por esse caminho de evolução é só baixar o nosso e-book gratuito,
Tudo sobre Coaching. Preencha o formulário abaixo com seus dados para ler.
Deixe seu Comentário

IBC - Instituto Brasileiro de Coaching: Av. Prof. Venerando Freitas Borges, 561 - Setor Jaó - Goiânia/ GO - CEP: 74.673-010