Como atingir a autorrealização

Homem levantando o punho para o céu

Faça um balanço na sua vida e descubra o que te deixa realizado e satisfeito.

Buscamos sempre aquilo que nos agrada, que nos faz bem, que nos traz realização. Somos seres motivados pelas nossas vontades e desejos. Acordamos todos os dias com o intuito de fazer do nosso dia uma jornada rumo ao alcance de nossos objetivos.

Ter uma casa, um carro, constituir família, estudar, tornar-se um grande profissional, conhecer o mundo — esses e muitos outros desejos estão presentes nas mentes dos seres humanos. Dia após dia, procuramos dar um passo rumo à nossa autorrealização, mas não existem fórmulas secretas e nem prontas para isso. Então, qual a melhor maneira de alcançar a autorrealização? Neste artigo, você vai conferir algumas dicas nesse sentido. Siga em frente e boa leitura!

Mas o que seria a autorrealização?

A autorrealização é o ato de sentir-se realizado em todos os aspectos de sua vida, que incluem: vida pessoal, carreira, relacionamentos, família, amizades, situação financeira, saúde física e mental, educação e espiritualidade. É sentir-se completo, com a sensação de que tudo está no lugar e que você atingiu a maioria das coisas que sempre almejou ou de que está no caminho para concluí-las.

Esse processo, entretanto, não deve ser confundido com a ideia de uma vida perfeita, o que seria impossível. A autorrealização significa que a pessoa é feliz e sente-se satisfeita, mesmo com as imperfeições de nossa existência. Na pirâmide de necessidades humanas, proposta pelo psicólogo Abraham Maslow, ela está no topo, pois significa que todas as outras necessidades (fisiológicas, de segurança, de relacionamento e de estima) já foram superadas.

E como atingir a autorrealização?

Conforme citamos, não há uma fórmula exata para que uma pessoa alcance a autorrealização, sobretudo porque os elementos que fazem uma pessoa verdadeiramente feliz variam entre os indivíduos. No entanto, há algumas instruções que podem ser úteis a todos, desde que saibamos adequá-las ao nosso contexto. Confira-as na sequência.

1. Entenda o seu momento atual

Antes de tudo, você precisa fazer um balanço da sua vida para entender o ponto em que você está e aonde quer chegar. Faça uma grande reflexão sobre a sua existência, seus sonhos, o que faz você feliz e o que o mantém satisfeito. Pense naquilo que você já tem e o que quer atingir, seja a curto, médio ou longo prazo.

Esse momento é importante também para você avaliar o que não deixa você feliz, o que o prende e o desmotiva. Ter conhecimento daquilo que não queremos é igualmente importante para que possamos fazer escolhas que nos deixem mais próximos, a cada dia, daquilo que entendemos como felicidade.

2. Defina os seus objetivos

Entendendo o seu cenário atual, você será capaz de responder à pergunta: “O que falta para que eu seja verdadeiramente feliz?”. Nesse ponto, a recomendação geral é transformar a resposta a essa pergunta em objetivos, isto é, naquilo que você deseja alcançar.

Um bom objetivo precisa ser específico, mensurável, alcançável, relevante e ter um prazo definido. Quando mais você definir objetivos com precisão e com realismo (sem impor a si níveis inalcançáveis), mais conseguirá agir no sentido de alcançá-los e monitorar o seu progresso, identificando o que já ficou para trás e o que ainda falta conquistar.

3. Planeje a sua trajetória

Após fazer essa avaliação, está na hora de planejar. Com os seus objetivos de vida em mente, comece a traçar planos para atingir as suas metas. Nessa fase, é muito importante você ter consciência do que consegue atingir e em quanto tempo isso é possível, pois estipular mais do que você consegue fazer pode gerar frustrações.

O ideal é que você divida esse grande objetivo em pequenas metas menores, de modo que o projeto não pareça assim tão ousado e que você consiga acompanhar a sua evolução. Defina prazos aproximados para cada etapa, mas mantenha a flexibilidade no processo. Obstáculos vão surgir, e pode ser necessário recalcular a rota algumas vezes. É assim mesmo — o caminho do sucesso é feito de altos e baixos.

4. Não tenha medo de agir

Com um planejamento pessoal em mãos, está na hora de cumprir tudo o que foi estipulado dentro de seu prazo, anotar diariamente o que foi feito e registrar como você se sente com essas pequenas mudanças e melhorias. Um ponto importante durante o andamento desse processo é manter o foco, lembrando-se sempre do que é mais importante e mantendo-se motivado para alcançar os seus objetivos.

Ao final de cada etapa, avalie o seu desempenho, faça as correções necessárias e, sempre que necessário, peça ajuda. Ninguém é autossuficiente, de modo que todos nós precisamos de um auxílio externo de vez em quando. Não espere que os seus problemas cresçam ou que o seu planejamento se atrase para pedir ajuda. Essa é a importância do networking, isto é, de construir e cultivar uma sólida rede de contatos para promover ajuda mútua e parcerias.

5. Celebre as suas conquistas e comece tudo de novo

Ao chegar ao seu objetivo, comemore, celebre a sua conquista e faça uma reflexão de tudo aquilo que você fez. Em outras palavras, realize um autofeedback, pois ele o ajudará a enxergar melhor os pontos em que você foi excelente e os que não foram tão bons assim.

Extraia o que foi positivo de toda essa experiência, pensando não só no que conquistou como também no que aprendeu durante essa jornada. No mais, após um objetivo alcançado, nada melhor do que iniciar novos planos. Recomece o ciclo, defina o seu novo objetivo, divida-o em metas, planeje as tarefas e mantenha o foco.

O segredo das pessoas de sucesso é justamente este: tão logo conquistam algo, já pensam nos próximos passos que vão dar. Por isso, é importante não colocar limites para as suas conquistas. Dê o seu melhor sempre e procure progredir de forma contínua e crescente. Essa é a melhor maneira de fugir de vez da zona de conforto e encontrar, enfim, a autorrealização!

E você, querida pessoa, tem feito a sua parte rumo à autorrealização? De que maneira? Deixe o seu comentário no espaço abaixo. Por fim, que tal levar estas dicas a todos os seus amigos, colegas, familiares e a quem mais possa se beneficiar delas? Compartilhe este artigo nas suas redes sociais!

O artigo é bom, né?

No IBC é assim, não custa nada evoluir e alcançar resultados extraordinários. Se você quer seguir por esse caminho de evolução é só baixar o nosso e-book gratuito,
Tudo sobre Coaching. Preencha o formulário abaixo com seus dados para ler.
José Roberto Marques

Sobre o autor: José Roberto Marques é referência em Desenvolvimento Humano. Dedicou mais de 30 anos a fim de um propósito, o de fazer com que o ser humano seja capaz de atingir o seu Potencial Infinito! Para isso ele fundou o IBC, Instituto que é reconhecido internacionalmente. Professor convidado pela Universidade de Ohio e Palestrante da Brazil Conference, na Universidade de Harvard, JRM é responsável pela formação de mais de 50 mil Coaches através do PSC - Professional And Self Coaching, cujo os métodos são comprovados cientificamente através de estudo publicado pela UERJ . Além disso, é autor de mais de 50 livros publicados.



*Esse conteúdo não é fonte para veículos jornalísticos ou matérias para imprensa, para utilização ou referência por favor entre em contato conosco.

Deixe seu Comentário

IBC - Instituto Brasileiro de Coaching: Av. Prof. Venerando Freitas Borges, 561 - Setor Jaó - Goiânia/ GO - CEP: 74.673-010