Vantagens e desvantagens da especialização do trabalho

A especialização do trabalho é um processo que auxilia o profissional a se aprofundar, conhecer e aprender com propriedade sobre um determinado ramo ou assunto de uma profissão.

Normalmente, as pessoas se preparam muito para conseguir passar em uma faculdade e realizar o sonho de ser um profissional reconhecido pela sociedade. Mas e depois da faculdade? O que fazer? Como seguir em frente? Fazer uma especialização é uma boa?

Ao longo dos anos, dúvidas sempre aparecem, por isso, é importante que todos saibam reconhecer as várias oportunidades que podem surgir com o tempo. Afinal, elas não podem passar despercebidas em uma era em que boas ideias, somadas à competência e ao talento, valem mais que ouro.

Algumas pessoas simplesmente conquistam seu espaço no mercado de trabalho e levam isso adiante sem mudar muita coisa sobre os conhecimentos obtidos no curso de graduação. Ou seja, elas se acomodam e apenas trabalham, não possuem sede de conhecimento e aprendizado. São pessoas que apenas executam. E optar por uma especialização é se aprofundar, conhecer e aprender com propriedade sobre um determinado ramo ou assunto de uma profissão.

Um exemplo maravilhoso para descrever o que é a especialização é uma pessoa que conclui o curso de medicina e se torna um médico, porém, ela pode pensar em uma área específica para atuar, como, por exemplo, pediatria, oftalmologia, obstetrícia, oncologia, entre outras.

O mesmo pode acontecer com as demais profissões. A especialização é uma forma de dividir o trabalho, organizar tarefas, equipes e funções. Pode-se dizer que essa ideia ficou muito forte quando os processos de produção das indústrias passaram a ser divididos em etapas. Assim, cada colaborador se torna expert em uma delas, aumentando suas chances de construir uma carreira de sucesso.

Vantagens e desvantagens da especialização: tire suas dúvidas!

Como tudo na vida, fazer uma especialização tem as suas vantagens e desvantagens. Cabe a cada um saber analisá-las e pesar sua decisão de acordo com seus objetivos. Veja pontos positivos e negativos de se especializar e reflita qual lado pesa mais dentro do seu contexto.

Vantagens da especialização

Se você está pensando em se especializar em alguma área relacionada à sua profissão, fique atento às vantagens que a especialização pode oferecer a você e a sua carreira. Confira algumas delas:

1 – Seu currículo será visto com outros olhos. O mercado de trabalho busca por profissionais capacitados para compor uma equipe que é formada por pessoas especialistas em diferentes áreas, mas que juntas conseguem resultados extraordinários.

2 – Ascensão em sua área profissional. Você vai descobrir e aprender muito sobre a sua área. E um bom profissional está em constante evolução.

3 – Aumento no salário. É possível que você consiga um aumento salarial ao se especializar em alguma área dentro da sua profissão. Poucas pessoas terão esse diferencial, e o que se torna um diferencial deve ser reconhecido.

4 – Ampliação do bom e velho networking. Conhecer pessoas e criar vínculos pode ser uma forma maravilhosa de potencializar a sua rede de contatos.

5 – Novos ares. A especialização também pode ser uma excelente opção para aqueles que anseiam por um novo caminho ou que desejam se livrar da monotonia, afinal, por que não ter uma nova opção de carreira?

Desvantagens da especialização

Se você tem dúvidas se vale a pena ou não fazer uma especialização, é importante que conheça algumas desvantagens que ela pode oferecer a você e a sua carreira. Assim, poderá verificar se são fatores que considera verdadeiramente relevantes, acompanhe.

1 – Ser especialista em algo pode ser monótono. Para as pessoas que não gostam de rotina, fazer, falar e estudar sobre um mesmo assunto pode ser um pouco entediante.

2 – Menos flexibilidade profissional. Quando se é especializado em uma área, fica mais difícil ser alocado em setores diferentes da empresa em casos de oportunidades de promoção, por exemplo.

3 – Menos visão do todo. Trabalhar focado em apenas um recorte da organização pode levar o profissional a se esquecer de considerar todo o cenário, comprometendo suas decisões e atitudes.

4 – Risco de a função deixar de existir. É um pouco difícil de isso acontecer, mas não impossível. A possibilidade de obsolescência é um fator desafiador para quem arrisca ser um especialista, principalmente em um mundo em que as coisas se transformam a uma velocidade impressionante.

Independentemente de qualquer vantagem ou desvantagem, é importante analisar a sua vida e a sua carreira. Coloque em uma balança aquilo que pensa sobre sua vida profissional e pessoal e decida se, no seu caso, vale a pena ou não fazer uma especialização. As informações você já tem, basta analisar e tomar uma decisão.

7 Dicas para quem deseja fazer uma especialização

Se você considerou os prós e os contras e decidiu que fazer uma especialização será positivo para a sua carreira, confira algumas dicas para escolher o curso ideal e aproveitar ao máximo essa experiência.

1 – Considere o seu tempo

Antes de tomar a sua decisão sobre a especialização, pense na sua rotina atual, se terá tempo para as aulas e para as atividades extraclasse. É claro que, se for uma prioridade, dará um jeito de encaixar na sua rotina, contudo, é preciso pensar de forma realista para evitar começar algo e acabar desistindo no meio do caminho. Quanto mais consciência tiver ao se decidir, mais motivação e confiança terá ao longo do processo.

2 – Planeje-se financeiramente

Também é necessário considerar que uma especialização tem custos, mesmo que faça em uma instituição pública ou ganhe uma bolsa de estudos, possivelmente precisará comprar livros e outros tipos de materiais. Portanto, lembre-se dessa parte ao se planejar, também para evitar que precise parar com o curso na metade por não ter como arcar com os custos. Quem planeja aumenta as chances de alcançar seus objetivos!

3 – Utilize sua experiência para decidir a área escolhida

Muitas pessoas acham que a melhor hora para fazer uma especialização é logo após a conclusão da graduação, porque já se está no pique dos estudos. Contudo, é necessário pensar que uma especialização é uma escolha tão importante quanto a profissão a seguir e, talvez, seja mais interessante vivenciar a parte prática em primeiro lugar.

Um profissional graduado em Publicidade e Propaganda, por exemplo, pode experimentar segmentos diferentes dentro da sua área e, assim, descobrir qual mais o agrada. Com isso, um tempo depois, pode fazer uma escolha mais segura em relação à sua especialização.

4 – Saiba onde deseja chegar

Outro ponto relevante dentro da escolha por uma especialização envolve saber onde você deseja chegar profissionalmente. Parece óbvio pensar nisso, mas a verdade é que algumas pessoas acabam seguindo a maioria ou o que está em alta no mercado, deixando de pensar que são elas que irão viver o dia a dia da profissão e que, portanto, precisam ter afinidade com o ofício.

Então, procure pensar como deseja estar daqui um, cinco ou dez anos. Fazer esse exercício te dará direção para fazer sua escolha em relação à área escolhida para se especializar.

5 – Considere as demandas do mercado

Embora o foco da sua decisão deva estar nos seus objetivos e preferências, é importante considerar as demandas do mercado. Afinal de contas, irá investir tempo e dinheiro na especialização e, certamente, deseja obter retorno sobre isso. Sendo assim, faça uma pesquisa, converse com pessoas que atuem na mesma área, desse modo, poderá sentir se está fazendo uma escolha viável.

6 – Procure por uma instituição renomada

Hoje, a oferta de cursos de especialização é muito grande, principalmente por conta do ensino a distância, que permite que o aluno assista às aulas no seu tempo livre e de onde estiver. Isso é muito bom porque facilita o acesso, mas, de qualquer maneira, é preciso pesquisar para encontrar uma opção de uma instituição séria e renomada.

Mesmo que o mais importante seja a dedicação do aluno, é fato que os recursos oferecidos pela instituição e o seu corpo docente influenciam na qualidade da formação como um todo. Nesse sentido, pesquise com calma para encontrar uma opção que esteja dentro das suas possibilidades e, ao mesmo tempo, atenda suas exigências.

7 – Busque o aperfeiçoamento constante

Por fim, tenha sempre em mente que fazer uma especialização não significa concluir definitivamente a sua trajetória como estudante. Hoje, as coisas mudam e evoluem muito rapidamente, os profissionais que se mantêm competitivos no mercado são aqueles que estão em aperfeiçoamento constante, fazendo cursos, lendo, pesquisando, participando de palestras e eventos.

Nunca se acomode e pense que já sabe tudo o que precisa, tenha sede de aprender, seja curioso, ouse ir além. Além disso impactar positivamente no seu desempenho profissional, te dará motivação em relação à vida de forma geral, proporcionando um novo significado para os seus dias.

Conseguiu compreender como ter uma especialização pode afetar positiva e negativamente a sua carreira? O que você achou das vantagens e desvantagens de fazer uma especialização? Qual é a melhor opção dentro da sua realidade e do que deseja para sua vida? Deixe seu comentário no espaço abaixo e aproveite para compartilhar o conteúdo nas redes sociais para levar a informação adiante!

O artigo é bom, né?

No IBC é assim, não custa nada evoluir e alcançar resultados extraordinários. Se você quer seguir por esse caminho de evolução é só baixar o nosso e-book gratuito,
Tudo sobre Coaching. Preencha o formulário abaixo com seus dados para ler.

Imagem: Goran Bogicevic / Shutterstock



*Esse conteúdo não é fonte para veículos jornalísticos ou matérias para imprensa, para utilização ou referência por favor entre em contato conosco.

Deixe seu Comentário

IBC - Instituto Brasileiro de Coaching: Av. Prof. Venerando Freitas Borges, 561 - Setor Jaó - Goiânia/ GO - CEP: 74.673-010