5 forças de Porter – O que são e como aplicá-las

Confira o que são as 5 forças de porter e qual a sua influência para o planejamento estratégico de uma empresa.

Se você é empresário ou empreendedor, ou deseja se tornar um algum dia, para se destacar no mercado em que escolheu atuar, é necessário desenvolver uma visão estratégica, contando, para isso, com algumas ferramentas, que vão contribuir para o processo de tomada de decisão, entre muitos outros dentro da empresa. 

Entre estas ferramentas está uma bastante conhecida no meio empresarial, que são as 5 forças de Porter. Ela serve basicamente para que empresários e empreendedores tenham a oportunidade de fazer uma análise minuciosa do ambiente competitivo no qual a empresa está inserida, podendo, com isso, definir qual posicionamento adotar frente a seus concorrentes no mercado. 

A partir do momento que as 5 forças de Porter são utilizadas toda a equipe estratégica da empresa consegue desenvolver uma visão, de fato, mais abrangente, no que diz respeito à concorrência, o que lhe dá a oportunidade de tirar proveito disso. 

Para saber mais sobre a ferramenta e de que forma você pode aplicá-la no seu contexto empresarial, continue conosco nessa leitura e confira!

Comece a ter o

Destaque

que você merece!

Preencha os campos abaixo para receber o e-book.

O que são as 5 forças de Porter?

As 5 forças de Porter foram criadas pelo professor norte-americano, Michael Porter, que apresentou ao mundo a proposta da ferramenta ao publicar, em 1979, o artigo “Como as forças competitivas moldam a estratégia”. 

Basicamente ela têm como objetivo estudar, de forma profunda, as principais forças que influenciam a capacidade de uma organização em atender seus clientes e obter o tão almejado lucro. 

Ao serem aplicadas, elas passam a funcionar como uma espécie de pilar para a empresa, sendo que, a partir do momento que um dos pilares sofrer modificação, a equipe se vê diante da necessidade de fazer toda uma reavaliação do posicionamento estratégico dos negócios no mercado. 

Antes da proposta criada pelo professor Porter, a relação que se fazia da competição entre as empresas era apenas de rivalidade. Após a publicação do artigo do professor Porter, começou-se a enxergar e entender que esta competição vai muito além, o que transformou as 5 forças de Porter em um verdadeiro clássico da Administração. 

Quais são e como aplicar as 5 forças de Porter?

A aplicação desta ferramenta dentro de uma empresa requer que seja feita, por parte de líderes e colaboradores, uma reflexão sobre os cinco principais contextos em que a organização está inserida, que são denominadas por Porter de forças. 

De acordo com ele, existe, nos negócios, uma espécie de força central unida a outras quatro, que causam impactos diferentes nesta mesma força central. Vejamos, a seguir, quais são elas:

1 – Rivalidade entre a concorrência 

A primeira força abordada por Porter é a Rivalidade entre a concorrência. De acordo com o professor, independentemente do segmento em que uma empresa atua, invariavelmente ela terá outras empresas do mesmo nicho com quem vai competir, sendo este um elemento fundamental a ser analisado. 

Para ele é essencial ter conhecimento exato sobre estes concorrentes diretos, acompanhando de perto suas táticas. Neste sentido, o que você deve fazer é pesquisar, acompanhar e se questionar constantemente sobre este ponto, pois será a partir disso que você e sua equipe terão subsídios para desenvolver suas próprias estratégias, conseguindo, com isso, fazer com que os seus negócios se destaquem neste ambiente disputado.

2 – Poder de barganha dos fornecedores

A segunda força de Porter tem a ver com a relação existente entre empresa e fornecedores. Toda organização precisa ter clareza do poder de impacto que os fornecedores causam nos produtos e serviços por ela comercializados. 

Para isso, é necessário analisar qualidade, preço, tempo de entrega, entre outros elementos, uma vez que tudo isso tem ligação direta com o desenvolvimento do negócio de uma forma geral.

3 – Ameaça de novos produtos ou serviços 

Em muitos de nossos artigos, nós falamos sobre o fato de o mercado estar em constante mudança e evolução, o que gera nas empresas uma necessidade de se atualizarem a todo momento. 

Esta é uma questão de fundamental importância, que precisa estar no radar de praticamente todos os empresários e empreendedores, já que, por mais que tenham produtos e serviços verdadeiramente inovadores, sempre surgirá um concorrente capaz de oferecer algo parecido ou até melhor para os clientes, o que acaba por se tornar uma ameaça para os negócios. 

Por isso, fique sempre atento, analisando e acompanhando de perto seus concorrentes diretos e indiretos, pois, dessa maneira, você se antecipará e evitará surpresas desagradáveis em sua jornada empresarial.

4 – Ameaça de novos concorrentes

Seguindo adiante, na quarta força Porter fala sobre a necessidade de empresários e empreendedores analisarem constantemente o que é possível fazer, no dia a dia, para dificultar ao máximo o acesso de novos concorrentes no mercado. 

Por mais que este seja um pontos complexo, o que você e sua equipe podem fazer é trabalhar com contratos de exclusividade, por exemplo, com patentes, desenvolver cada vez mais atividades, que contribuam para que a empresa se consolide, definitivamente no mercado, e por aí vai. 

5 – Poder de barganha dos clientes

Por fim, a última força que Porter apresenta tem a ver com o poder de decisão de compra do consumidor, que, atualmente, têm sido cada vez mais forte, principalmente naquilo que está relacionado à qualidade e preço.

Este é um ponto de extrema importância também e que deve servir como norteador das ações empresariais, uma vez que o cliente está cada vez mais informado e, consequentemente, mais exigente, o que faz com que o seu poder de barganha aumente de forma considerável. 

Sendo assim, é preciso elaborar e desenvolver estratégias que levem em consideração este fator, para que, dessa forma, a sua empresa tenha a oportunidade de se destacar perante a concorrência, principalmente se o seu segmento for altamente competitivo. 

Como pudemos observar as 5 forças de Porter são bem atuais e contribuem significativamente para que os mais diversos tipos de empresas alcancem bons resultados em seus mercados de atuação. Neste sentido, levá-las em consideração, na hora de desenvolver e implementar o seu planejamento estratégico, por exemplo, fará com que você e sua equipe tenham cada vez mais chances de sucesso nos negócios. 

Invista nisso e depois conte-nos nos comentários, como está sendo a sua experiência!

E aí, curtiu esse conteúdo?

Saiba que ele é apenas a pontinha do iceberg e você pode desenvolver suas habilidades de liderança muito mais. Baixe agora o ebook Leader Coach e aprenda como extrair o máximo resultado da sua equipe.
Preencha o formulário, é de graça.


*Esse conteúdo não é fonte para veículos jornalísticos ou matérias para imprensa, para utilização ou referência por favor entre em contato conosco.

Deixe seu Comentário

IBC - Instituto Brasileiro de Coaching: Av. Prof. Venerando Freitas Borges, 561 - Setor Jaó - Goiânia/ GO - CEP: 74.673-010