O que é o Coaching Ontológico

Coaching Ontológico Saiba mais sobre Coaching Ontológico

 

Em suma, esse termo designa a área do Coaching que utiliza uma metodologia derivada da Ontologia, um campo teórico criado em meados do século XVII. O Coaching Ontológico busca acompanhar e entender os indivíduos em seu processo de aprendizagem, para aumentar o poder de ação e expandir as interpretações que o coachee (aluno) tem de si próprio. Para concluir esse objetivo, a metodologia expande os estudos a respeito dos três campos responsáveis pelas atitudes e comportamentos do ser humano: emoções, linguagem e corpo. Sendo assim, o processo de Coaching Ontológico é uma ferramenta indispensável para que o coachee consiga realizar mudanças significativas em seus  comportamentos e suas atitudes, que podem estar sabotando o seu sucesso profissional e pessoal.

O que é Ontologia?

Para entendermos o que é o Coaching Ontológico, teremos que voltar um pouco no tempo, mais precisamente, ao século XVII. A palavra Ontologia é formada pelos termos gregos ontos (ser) e logos (estudo, discurso), ou seja, o termo significa o estudo do ser. Embora filósofos da própria Grécia Antiga, como Platão, Aristóteles e Parmênides, já tivessem conduzido estudos relativos a esse campo teórico, somente no século XVII, a metodologia se separou completamente da metafísica, tendo os seus estudos com enfoque estritamente no entendimento do ser e o que motiva suas decisões e comportamentos. 

A definição de mundo pela Ontologia se espelha bastante naquela proposta pela metafísica, quando assume que o “mundo que enxergamos” não é o mundo real, mas apenas a nossa interpretação dele. De acordo com essa teoria, todo ser humano possui diversos filtros biológicos que interferem nessa “visão de mundo”, o que faz com as pessoas tenham pontos de vista diferentes.

Coaching Ontológico

Essa metodologia tem como principal objetivo proporcionar ao coachee a capacidade de perceber esses filtros naturais que o fazem enxergar o mundo de determinada forma, trabalhá-los e conseguir “observar tudo com outros olhos”. Dessa forma, o Coaching Ontológico funciona como uma ferramenta que facilita o processo de aprendizagem. 

Nesse sentido, o Coaching Ontológico vai trabalhar a mudança desses olhares e perspectivas, que são negativos para o coachee. Ensinando, pois, melhores estratégias para viver sob uma perspectiva de sucesso e de bem-estar. 

Embora possa parecer simples, será necessário realizar uma verdadeira transformação interna no coachee, forçando-o a quebrar seus próprios paradigmas, conseguindo perceber como observa e analisa os fatos. Esse processo, promove um grande desenvolvimento pessoal e autoconhecimento. 

Corpo, Emoção e Linguagem

O Coaching Ontológico entende que o processo de aprendizagem se baseia em três domínios: emoção, linguagem e corpo. Os três campos são entendidos como componentes individuais de um mesmo sistema. Devido a essa natureza, tudo que acontecer com qualquer um deles irá afetar os outros.

Linguagem

O Coaching Ontológico enxerga a linguagem como um processo que transcende a forma como o indivíduo se comunica, englobando seus desejos a intenção, mascaradas em sua comunicação, e a forma como ele vê o mundo. Ao trabalhar esse campo, a metodologia consegue mudar comportamentos por meio da transformação da linguagem.

Corpo

A linguagem corporal não consegue guardar segredos. Mesmo involuntariamente, o corpo expressa de forma clara e sincera sentimentos como alegria, tristeza, medo, raiva e também nossas reações a respeito do que acontece ao nosso redor. Por isso, o Coaching Ontológico visa trabalhar o corpo para aumentar o potencial de aprendizado.

Emoção

O terceiro domínio trabalhado pelo Coaching Ontológico é o da Emoção. Contrariando o que diz o senso comum, esse campo teórico não enxerga o homem como um ser prioritariamente racional, pelo contrário, somos seres emocionais que usam a racionalidade como um artifício para justificar uma decisão tomada. Eles acreditam que uma mudança real de atitudes e comportamentos só pode ser conseguida com a “aprendizagem emocional”.

Aliando pensamentos do passado ao presente 

Você pode estar se perguntando como uma ferramenta desenvolvida a partir de um conceito do século XVII pode te auxiliar hoje em dia em pleno século XXI, sendo que se tratam de realidades e contextos totalmente diferentes? Mas se valer de pensamentos do passado não implica necessariamente que seja uma metodologia ultrapassada. 

Pelo contrário, quando se adentra no campo das ciências é possível perceber que muitos métodos e referenciais teóricos são de séculos anteriores. Por exemplo, os estudos de álgebra tem embasamentos iniciais nos registros da antiga Babilônia, ou mesmo quando vamos estudar sobre o sistema democrático que rege a maioria das sociedades se busca estudos originários da Grécia Antiga. Assim como podemos citar como exemplos as ciências médicas, os jogos olímpicos, os estudos cartográficos. Tudo isso e muito mais faz parte da nossa realidade atual e teve origem em séculos passados, por isso não se pode considerar que sejam pensamentos ultrapassados. 

Nesse sentido, é importante ter em mente que os exemplos que citamos aqui não pararam no tempo, eles surgiram há muitos milhares de anos atrás, mas não deixaram de ser atualizados conforme as demandas e necessidades da humanidade. É perceptível que há uma evolução de ideias e do conhecimento. 

Seguindo esse mesmo raciocínio, o Coaching Ontológico se baseia na Ontologia idealizada no século XVII, mas isso não significa que a aplicação de sua teoria seja de forma pura e literal. Há uma adaptação aos anseios do homem contemporâneo de acordo com a base teórica da Ontologia. 

Dessa forma, o método do Coaching Ontológico se vale da filosofia grega, mas expandindo para a realidade atual o tripé da linguagem, da emoção e do corpo. Assim, o coachee desenvolve esses seus três aspectos, conforme os dilemas da existência humana atual, sendo capaz de evoluir em sua vida pessoal e profissional. 

Além de se desenvolver e evoluir, o coachee também estará mergulhando em um profundo processo de autoconhecimento. Isso acontece pelo fato de que o ele terá mais compreensão e conhecimento sobre como alguns de seus comportamentos e experiências influenciam seu modo de viver. 

Isso posto, o objetivo do Coaching Ontológico é explorar o potencial máximo das capacidades emocionais e mentais do coachee, fazendo com que ele atinja mudanças positivas de seu comportamento, que vão trazer resultados melhores dos seus esforços. 

Os benefícios que o Coaching Ontológico pode te trazer

Depois dessas palavras iniciais você já consegue entender melhor como funciona esse método e qual o seu embasamento. Mas além disso, vamos te mostrar quais são os benefícios que o Coaching Ontológico pode trazer para a sua vida. 

  • Maior satisfação pessoal 

Quando você não está satisfeito sobre como anda as coisas na sua vida pessoal e profissional, talvez seja hora para uma mudança comportamental, para que você fique mais satisfeito consigo mesmo. Isso, como já falamos antes, é um reflexo que a abordagem do Coaching Ontológico traz para o coachee. Dessa forma, é possível que você aumente a sua satisfação pessoal com relação às questões da sua vida, fazendo com que você se sinta ainda melhor consigo mesmo.

  • Despertar o líder que existe em você 

Para ser um bom líder é preciso, antes de tudo, se conhecer muito bem. Isso porque se espera de um líder que ele seja capaz de identificar e desenvolver pontos fortes de seus liderados, saber trabalhar as dificuldades da equipe e ao mesmo tempo, ser capaz de entregar resultados à empresa. Por isso, ao entrar em uma jornada de Coaching Ontológico, você consegue se conhecer mais e melhor, podendo despertar atitudes e comportamentos que se esperam de uma liderança. 

  • Desenvolver uma visão holística sobre negócios 

Desenvolver uma visão apurada e crítica sobre o mundo dos negócios é um requisito não declarado formalmente pelo mundo corporativo. Nesse sentido, as empresas esperam que seus profissionais sejam capazes de perceber possibilidades que a organização pode vir a alcançar. Dessa maneira, o Coaching Ontológico vai te ajudar a desenvolver esse pensamento crítico, apurado e holístico do mercado e com relação ao seu local de trabalho. 

  • Superar barreiras emocionais

 Em se tratando de organizações e gestores, esses precisam saber lidar com os problemas emocionais que os colaboradores podem vir a trazer para o trabalho. Muitas vezes os problemas emocionais dos profissionais podem ser projetados em piores desempenhos. Por isso, esses indivíduos devem estar atentos a essa situação, para saberem lidar com possíveis conflitos de seus membros. Dessa maneira, o Coaching Ontológico vai auxiliar os gestores a terem esse olhar atento aos conflitos que estão acontecendo em seu ambiente de trabalho, assim como saber como se comportar e como lidar com esses acontecimentos da maneira mais benéfica para todos os envolvidos. 

  • Mudança de comportamento

Um dos maiores benefícios que o Coaching pode trazer aos seus coachees são as alterações do cotidiano. Para isso, o Coaching te ajuda a entender melhor como um determinado comportamento ou determinada ação influenciou determinado resultado. Ter consciência desse processo é essencial para conseguir progredir na vida. É preciso aprender a fazer avaliações de seus comportamentos, conseguir identificar o que sua ação deixou a desejar e se perguntar o que você poderia ter feito de diferente. Além de aprender a fazer uma autorreflexão, é preciso saber também a hora de pedir um feedback. Aprender essas posturas, que o Coaching te possibilita, é o que constrói um profissional que está sempre em busca de atingir a excelência de sua performance. 

  • Mais engajamento em sua vida pessoal e profissional

Com uma mudança de atitude e comportamento, você pode finalmente conquistar o sucesso que você deseja em sua vida pessoal e profissional. É evidente que quando você se torna um melhor profissional, que está sempre em busca de melhorar seus resultados, você se torna uma pessoa mais completa e feliz, e isso impulsiona ainda mais que você busque completude na sua carreira, e assim vai indo esse ciclo de satisfação com você mesmo.

  • Empoderamento e aprendizado constante

Através do Coaching Ontológico você será capaz de desenvolver novas habilidades positivas. Somado a isso, você também irá conseguir minimizar os seus pontos fracos e seguir melhorando os seus pontos fortes. Todo esse processo te traz empoderamento e evolução. Não basta saber trabalhar seus pontos fracos e fortes, é preciso buscar trabalhar novas habilidades. A capacidade para isso existe em todos, mas ela precisa ser explorada e exposta com um empurrão profissional que o Coaching consegue te oferecer. 

  • Aprimorar ou descobrir o seu propósito de vida

Muitas pessoas não sabem qual é o seu propósito de vida, ou seja, aquilo que motiva a sua própria existência. Sem se conhecer a esse nível, é muito mais difícil atingir satisfação pessoal, pois você nem tem metas, objetivos e sonhos a perseguir. Mesmo que você já se entenda a nível de qual é o seu propósito de vida, é preciso entender bem como desenvolver isso para que você se sinta autorrealizado.

  • Alinhamento de metas e objetivos com o seu propósito de vida

Com o Coaching, você é capaz de aprender a como conseguir conciliar e alinhar os seus objetivos e metas profissionais com seu o propósito de vida. Para isso, basta saber planejar as suas metas para que nada fique de fora do seu planejamento de vida e você não tenha que abrir mão de algum sonho. 

Coaching Ontológico na aplicação prática

É bastante comum ver exemplos de pessoas que consideramos bem sucedidas que não compreendem conscientemente qual foi o caminho que trilharam para chegar nesse lugar. O mesmo vale para pessoas que acabam se colocando como fracassadas. Dessa forma, a fórmula do sucesso não se resume em apenas continuar repetindo processos que deram certos, ou com relação ao fracasso não basta deixar de realizar um processo que não teve um bom resultado. 

Seguindo esse raciocínio, é muito importante aludir a essência da Ontologia de repetir a análise do “ser enquanto ser” para se ter uma compreensão mais completa de que nossos comportamento possuem consequências. Assim, a fórmula do sucesso ou a fórmula do fracasso é uma ilusão, pois na verdade é preciso compreender os seus próprios processos desde a sua origem. 

Dessa forma, o Coaching Ontológico na prática consiste em garantir que o coachee adquira consciência de si mesmo para melhor se desenvolver, através do entendimento sobre os pontos que necessitam atenção para serem melhorados, assim como entender quais foram as suas atitudes certeiras a fim de que consiga potencializá-las.

Gostou do nosso artigo sobre Coaching Ontológico? Aproveite e deixe aqui seu comentário sobre o que achou do nosso artigo de hoje. Aproveite também para curtir a nossa página e compartilhar nossos conteúdos com todos os seus amigos em suas redes sociais. 

Copyright: 1144449209 – https://www.shutterstock.com/pt/g/Alexander+Supertramp

Fontes:https://www.jrmcoaching.com.br/blog/tipos-de-linguagem-coaching-ontologico/

Gostou do artigo?

Esses e outros aspectos da liderança são abordados com mais intensidade na nossa formação PSC - Professional & Self Coaching. Preencha o formulário abaixo e fale agora com um consultor especializado. Desenvolva sua
vida pessoal e sua carreira com a metodologia mais transformadora do mercado.

*Esse conteúdo não é fonte para veículos jornalísticos ou matérias para imprensa, para utilização ou referência por favor entre em contato conosco.

Deixe seu Comentário

IBC - Instituto Brasileiro de Coaching: Av. Prof. Venerando Freitas Borges, 561 - Setor Jaó - Goiânia/ GO - CEP: 74.673-010