Conheça 6 dinâmicas para aplicar em um grupo de idosos

Dinâmicas para idosos A chegada da terceira idade não deve ser vista como o fim da vida, mas como uma oportunidade para novas experiências.


Para alguns, chegar à terceira idade quer dizer que a pessoa já cumpriu a sua missão e que é hora de sossegar. Para algumas pessoas, essa é apenas mais uma fase da vida. E, para outras, este é um momento singular e que deve ser vivido com muita plenitude, abraçando a liberdade e usando o tempo livre para obter mais conhecimento, divertir-se e se cuidar.

É importante dizer que cada pessoa vive a terceira idade de uma maneira diferente. Alguns indivíduos irão precisar de mais cuidados relacionados à saúde, por exemplo. O fundamental é que todos tratem os senhores e senhoras da família com muito respeito, carinho e atenção que eles merecem.

Uma excelente forma de desenvolver sentimentos de conforto e proteção para eles é por meio da aplicação de dinâmicas para idosos. De uma maneira descontraída e animada, elas podem promover diversas ações, tais como a de criar e fortalecer a convivência com pessoas no mesmo estágio de vida; sustentar relacionamentos interpessoais; estimular o desenvolvimento da comunicação; ajudar a aperfeiçoar a comunicação e interação social; aumentar a capacidade mental e a descontração; afastar do ócio e do sedentarismo; e muito mais. Continue acompanhando o texto para saber mais!

Acesse este link e conheça meu livro com mais de 30 dinâmicas surpreendentes!

Exemplos de dinâmicas para idosos

Confira a seleção de 3 dinâmicas especialmente feitas para o público da terceira idade. Veja:

1 – Para quem você tira o chapéu?

Objetivo: estimular a autoestima dos idosos

Materiais necessários: apenas um chapéu e um espelho, que será colado na parte de dentro do acessório.

Como fazer: para realizar a atividade, o líder da dinâmica deve entregar o chapéu para um dos participantes e perguntar se ele tira o chapéu para a pessoa que está no fundo do objeto. A ação deve se repetir com todo o grupo. O condutor deve sempre fingir que está trocando a foto que está dentro do chapéu, além de incentivar todos a explicarem a razão de sua resposta.

Esta é uma dinâmica de verdadeira importância, pois ela estimula o idoso a se valorizando, analisando tudo pelo o que passou, todas as conquistas que obteve e continua obtendo ao longo da vida, além de reconhecer suas principais habilidades e características físicas e pessoais, que fazem com que ele seja e tenha se transformado no indivíduo que é hoje.

2 – O papel colorido

Objetivo: os idosos têm a chance de relatar sentimentos e trocar experiências.

Materiais necessários: para cumprir a atividade, são necessárias tiras de papel em diferentes cores.

Como fazer: o condutor deve pedir para os participantes fecharem os olhos e pensarem em sentimentos presentes em suas mentes naquele instante. Depois, cada um deve escolher uma tira de papel com a cor que ilustra o sentimento do momento. Em seguida, eles devem ser separados por cores, ou seja, aqueles que escolheram tiras de papel da mesma cor devem se juntar e conversar por cerca de 10 a 15 minutos. Passado o tempo do bate-papo, os participantes devem formar um grande círculo e trocar suas experiências, relatar sobre o sentimento vivido e comentar como foi a conversa.

Por meio desta dinâmica, é possível estimular a troca de experiências, incentivar que todos os participantes falem cada vez mais de seus sentimentos e das emoções que lhes cercam, bem como a interação entre os participantes, que podem, com isso, desenvolver uma amizade e uma relação após a brincadeira.

3 – Dançar para se conhecer

Objetivo: fazer com que os idosos se conheçam de uma maneira diferente.

Como fazer: o líder da dinâmica deve pedir que os participantes façam duplas e explicar que, ao começar a música, eles devem dançar e conversar durante cerca de um minuto — falando seus nomes, idades, onde nasceram, o que gostam de fazer, entre outras coisas. Após um sinal, os idosos precisam trocar de duplas e repetir a ação, até que todos os participantes sejam apresentados uns aos outros.

Além de estimular a movimentação do corpo, esta dinâmica estimula também a interação entre os participantes, a perda da timidez, o estabelecimento de contato, principalmente entre pessoas que não se conhecem, e assim por diante. Esta troca é de verdadeira importância, pois, assim, o idoso entende que não está sozinho, que existem muitas coisas ainda serem feitas e com muitas pessoas ao seu redor.

Baixe aqui o nosso manual completo sobre

Dinâmicas

Iamgem ebook

4 – Dinâmica Jogo da Memória Viva

Objetivo: estimular a mente e a memória de forma geral.

Materiais necessários: objetos diversos, uma sacola bem escura ou uma caixa, papel e caneta ou lápis.

Como fazer: coloque os objetos selecionados dentro da sacola escura ou da caixa e reúna os idosos em um grande grupo. Em seguida, entregue a sacola a um deles e peça que retire um objeto de dentro, dizendo o nome deste, colocando-o em cima da mesa.

Após a sacola passar por todos os participantes e todos os objetos estarem sobre a mesa, é chegado o momento de falar novamente o nome de cada um deles, com o intuito de facilitar a memorização, e colocá-los de volta na sacola/caixa.

Feito isso, solicite que cada um escreva no papel o maior número de objetos que se lembrar. Em seguida, retira-se novamente os objetos da sacola/caixa, para que assim seja verificado quais foram lembrados e quais não.

Esta é uma dinâmica importante, pois, conforme o tempo vai passando, vamos cada vez menos estimulando a nossa mente, o que pode acarretar em falhas de memória, que acabam nos prejudicando e nos deixando constrangidos em determinados momentos.

5 – Dinâmica Brincando de Massinha

Objetivo: trabalhar habilidades manuais, estimular a imaginação, memória e linguagem.

Materiais necessários: massinha de modelar de cores diversas.

Como fazer: Comece a brincadeira distribuindo as massinhas entre todos os participantes do grupo. Em seguida, o que você deve fazer é pedir que cada modele as massinhas, com o objetivo de utilizá-las para contar uma história, seja de suas próprias vidas ou algo ficcional. O importante aqui é deixar que eles soltem a imaginação e construam narrativas que lhes deixem verdadeiramente animados e estimulados no ambiente.

Em princípio, pode parecer que trata-se de uma dinâmica para crianças, principalmente pelo seu nome. Entretanto, o objetivo da brincadeira é muito maior, uma vez que ela permite que seus participantes sejam estimulados constantemente, no sentido de desenvolver suas habilidades manuais, bem como sua imaginação, soltando-se de possíveis amarras, bloqueios internos ou crenças limitantes.

6 – Dinâmica dos Talentos

Objetivo: fazer com que cada participante do grupo reconheça e valorize seus talentos, dons e habilidades.

Material necessário: para a realização desta dinâmica não será necessária a utilização de nenhum material.

Como fazer: esta dinâmica é mais direcionada para grupos que se encontrem com mais frequência. Neste sentido, a ideia aqui é pedir que cada membro, no próximo encontro, traga ou faça algo, diante dos colegas, que represente e retrate ou retrate alguma de suas melhores habilidades e talentos. Pode ser uma apresentação musical, uma dança, um objeto feito pelo próprio participante, uma pintura, bordado, enfim, algo que ele acredite que demonstre, efetivamente e na prática, os dons que os demais ainda não conhecem.

O importante, conforme descrevi no objetivo da dinâmica, é estimular o idoso a enxergar que possui talentos e que estes podem ser utilizados para que ele continue sentindo pleno e realizado, praticando uma atividade que lhe dê prazer sempre.

O Coaching e a terceira idade

Outra maneira de auxiliar as pessoas da terceira idade, neste processo de transição de suas vidas, é por meio do Coaching. Usando técnicas e ferramentas especiais, a metodologia é capaz de oferecer uma qualidade de vida mais elevada ao idoso, além de dar suporte para que ele continue vivendo de forma plena, feliz e realizada.

Conheça agora alguns dos benefícios proporcionados pelo Coaching para esse público:

  • Planejamento da aposentadoria;
  • Definição de novas metas e objetivos;
  • Entendimento sobre assuntos pessoais do passado;
  • Melhor aproveitamento das suas experiências e conhecimentos;
  • Apoio para investir em uma nova carreira;
  • Superação de problemas, medos e anseios;
  • Revisão de crenças e valores;
  • Resgate de sonhos e projetos antigos.

Como funciona?

O método do Coaching oferece diversas formas de aplicação. No Instituto Brasileiro de Coaching – IBC é possível conhecer formações maravilhosas e empoderadoras, tais como a Practitioner em Programação Neurolinguística – PNL, que estimula o poder que você pode construir dentro de você mesmo para alcançar seus objetivos. Com base no estudo de Programação Neurolinguística feito por Richard Bandler e John Grinder, nos anos 70, nos Estados Unidos, o curso ensina a como é possível conectar os processos neurológicos, a linguagem e o comportamento para conseguir atingir metas e sonhos ainda não realizados.

Durante a programação de atividades práticas e teóricas, você aprenderá profundamente sobre o que é a Programação Neurolinguística, linguagem não verbal, autoconhecimento, autodesenvolvimento, quais são os canais representacionais, alinhamento de níveis neurológicos, estrutura do pensamento (aprendizagem, ação e reação), processos de ancoragem, negociação e solução de problemas, entre outros temas.

Mais do que isso: você é ensinado sobre a essencialidade de se observar determinada situação por mais de um ângulo. Assim, é possível ter uma visão sistêmica sobre todo o processo. Além disso, o curso mostra como o relacionamento das atividades que os 2 hemisférios do cérebro são capazes de realizar novas perspectivas em relação às crenças limitantes e bloqueios para curá-los de uma vez por todas.

Trata-se de uma maneira verdadeiramente eficiente de despertar, potencializar e desenvolver, efetivamente e na prática, o potencial infinito do indivíduo, para que este continue alcançando resultados extraordinários em sua trajetória de vida.

Agora, se você escolheu dar outro rumo para a carreira, existem formações como o Consultor em Análise Comportamental, Business and Executive Coaching – BEC ou o Coaching em Vendas – CV! Esses conhecimentos podem ser aplicados para áreas específicas ou serem utilizados na vida. Tudo depende do seu objetivo.

Para complementar, o curso Professional & Self Coaching – PSC é o mais moderno e completo do Brasil quando se fala em Coaching. Ele é extraordinários para quem deseja se tornar um indivíduo melhor em todos os âmbitos da vida. Além disso, ele também pode formar você como coach. Já pensou nisso? Pois, pense!

Além de se tornar um indivíduo melhor e mais dedicado em evoluir, você terá acesso aos conhecimentos, técnicas e ferramentas do Coaching, para aplicar em sua própria vida ou na vida das pessoas ao seu redor, podendo contribuir com o crescimento e desenvolvimento delas, iniciando, com isso, uma nova carreira e obtendo, ainda, uma renda extra. Ou seja: vantagens em todos os setores da vida. Investir em coaching é investir em si mesmo!

Independentemente da formação que você escolherá, o importante é que cada uma delas te oferece uma nova oportunidade, um recomeço e uma chance de continuar realizando grandes feitos em sua vida, te motivando a não desistir de seus sonhos e objetivos e mostrando a si mesmo e às pessoas ao seu redor, que você continua um indivíduo capaz de fazer aquilo o que deseja, tornando o melhor ser humano que você pode ser.

Permita-se ir além através do Coaching e invista cada vez mais em você ao chegar na terceira idade!

Fale agora mesmo com um de nossos consultores, descubra qual formação mais se adequa ao seu perfil e ao que você está procurando e inscreva-se, de imediato, para próxima turma daquela que você escolher!

Baixe as melhores dinâmicas separadas em um livro MA-RA-VI-LHO-SO!
Não perca essa chance!

Ser de Luz, espero que você tenha gostado deste conteúdo, que elaborei com todo carinho, para que você entenda que, mesmo na terceira idade, ainda existe muito a se fazer, basta você querer e ousar ir além sempre!

Convido você a deixar um comentário, me dizendo o que achou, falando sobre as dinâmicas e sobre o processo de Coaching para idosos. E se este conteúdo fez sentido para você, compartilhe-o em suas redes sociais, para que seus amigos também tenham acesso a informações essenciais para o seu próprio crescimento e desenvolvimento pessoal, profissional e empresarial.

 

Gostou do artigo?

Desenvolva mais técnicas de gestão e torne-se um líder preparado com o e-book Dinâmicas de grupo. Preencha o formulário, é de graça.

Copyright: 1062165887 – https://www.shutterstock.com/pt/g/4pmproduction



*Esse conteúdo não é fonte para veículos jornalísticos ou matérias para imprensa, para utilização ou referência por favor entre em contato conosco.

Deixe seu Comentário

IBC - Instituto Brasileiro de Coaching: Av. Prof. Venerando Freitas Borges, 561 - Setor Jaó - Goiânia/ GO - CEP: 74.673-010