O que é Psicologia do desenvolvimento humano | IBC Coaching
Fechar
Para trilhar seu caminho você precisa dar o primeiro passo
Valor do curso: Gratuito
Preencha o formulário e aproveite esta oportunidade incrível
Qual sua profissão atual/área de atuação?*
Administrador / Gestor / Líder
Psicólogo / Psicanalista / Terapeuta
Empresário / Empreendedor / Dono de Empresa
Consultor / Vendedor
Professor / Pedagogo / Treinador / Palestrante
Outros
O que você procura com o coaching?*
Quero multiplicar o Coaching dentro da empresa onde trabalho.
Sou psicólogo ou psicanalista e quero ampliar as possibilidades de trabalho.
Quero usar as técnicas para aplicar na minha carreira e me destacar no mercado.
Busco o autoconhecimento e minha evolução pessoal.
Quero melhorar minha liderança e a performance da minha equipe.
Quero me tornar um Coach e viver disso.

O que é Psicologia do desenvolvimento humano

03/08/17
psicologia-do-desenvolvimento
A psicologia do desenvolvimento humano basicamente estuda o comportamento do ser durante a vida.

A Psicologia do desenvolvimento humano é o estudo científico do biólogo e psicólogo suíço Jean Piaget, nascido em 1896, responsável por inúmeras contribuições para a biologia, psicologia e pedagogia. Desde cedo ele se interessou por história natural, filosofia, a mente humana, religião e outros diversos assuntos, por conta disso, recebeu inúmeros prêmios de Universidades renomadas, além de ser autor de vários livros e artigos científicos sobre aprendizagem e desenvolvimento humano até 1980, o ano em que faleceu.

Observando suas filhas e outras crianças, Jean Piaget constatou que elas não se comportavam e raciocinavam como os adultos. Nesse sentido, ele começou a estudar as mudanças de comportamento de uma pessoa ao longo de sua vida e as diferentes fases que ela passa, além de caracterizar comportamentos a partir de uma faixa etária.

Segundo Piaget, as mudanças estão relacionadas à formação da identidade de um indivíduo, o seu entendimento, habilidades físicas e intelectuais, percepção de conceitos, desenvolvimento dos aspectos emocionais e sociais, entre outros.

De acordo com Piaget essas mudanças são adquiridas em determinadas fases da vida. E estas alterações são divididas em quatro estágios do desenvolvimento humano. São eles:

Período Sensório-Motor (0 a 2 anos)

Nessa fase, a criança adquire controle motor, percepção das coisas, cria laços afetivos e demonstra dos primeiros movimentos e reflexos. Esse período refere-se a um estágio anterior à linguagem, ou seja, a criança controla suas ações por meio de informações sensoriais.

Período Pré-Operatório (2 a 7 anos)

Além de aprimorar os comportamentos anteriores, criança começa a usar a linguagem, os símbolos e desenvolve a fala e habilidades físicas, porém ainda não é capaz de realizar operações concretas. Nessa fase, ela ainda não consegue se colocar no lugar do outro e ter empatia e por conta disso, o egocentrismo ainda é predominante.

Período das Operações Concretas (7 a 12)

Nesse período ocorre o aprimoramento das habilidades anteriores e também o desenvolvimento da capacidade de raciocinar e de decidir algumas questões mais simples. Essa fase é marcada pelo aprimoramento do pensamento, ou seja, a criança começa a raciocinar de forma lógica, a solucionar problemas e dominar tempo e números.

Período das Operações Formais (12 anos em diante)

Na última fase, as capacidades e competências estão totalmente desenvolvidas. Nesse período, a pessoa consegue dominar o pensamento lógico, agregar valores morais à sua conduta, além de iniciar a transição do pensamento para o modo adulto e tomar decisões mais complexas.

O desenvolvimento e/ou as mudanças, vão acontecendo devido à influência de basicamente quatro aspectos:

Hereditariedade

A carga genética, ou seja, o que a pessoa herda dos pais, é o que define o seu potencial. Entretanto, ele pode ou não ser desenvolvido, tudo depende dos estímulos que o indivíduo recebe do ambiente.

Crescimento orgânico

Diz respeito ao aspecto físico da pessoa. A partir do momento que o indivíduo adquiri estabilização corporal ela consegue desenvolver novos comportamentos e ações que antes não eram possíveis.

Maturação neurofisiológica

Aqui, a pessoa desenvolve padrões de comportamentos de acordo com as funções cognitivas adquiridas e seu desenvolvimento neurológico. É nessa fase também, que o indivíduo abandona de forma gradativa o egocentrismo.

Meio

O comportamento do ser humano se modifica e é incentivado, seja de forma negativa ou positiva, de acordo com os estímulos que ele recebe do meio em que ele vive e frequenta.

Esse processo está ligado a nossa linha cronológica, ou seja, quando somos crianças, passamos pelo processo de aprendizagem, como a percepção do mundo ao nosso redor, cores, fala, nossas características físicas e preceitos básicos. Já quando adolescentes, conseguimos refletir e decidir algumas coisas por conta própria, e no momento em que somos jovens e adultos e estamos totalmente desenvolvidos, utilizamos todas aquelas crenças, valores e comportamentos, acumulados ao longo de nossa vida para nortear nossas atitudes.

Para entendermos melhor este processo é preciso compreender ainda como nossas competências e habilidades são desenvolvidas a partir da forma como cada um enfrenta os acontecimentos. Se você encara as coisas de forma positiva, terá maior poder de resiliência, ressignificação e desenvolverá bons conceitos sobre o momento em que você está passando.

Desta forma podemos entender um pouco mais sobre o que é psicologia do desenvolvimento humano e como esta funciona. Cada pessoa deve buscar uma forma de estabelecer melhores comportamentos e aperfeiçoar essas competências, para que consiga atender efetivamente suas necessidades.

Psicologia do desenvolvimento humano e o Coaching

Baseado em diversas abordagens da Psicologia (Cognitivo – Comportamental, Positiva, Organizacional), o Coaching trabalha os diversos modelos de formação do comportamento humano. Por isso, está ciência é fundamental no processo de mudanças comportamentais e para a aceleração de resultados que a metodologia propõe.

E na formação Professional & Self Coaching – PSC são utilizadas diversas ferramentas da Psicologia para formar e desenvolver, tanto o aspecto pessoal como profissional do futuro Coach, e para que este, munido de conhecimentos sobre a ciência do comportamento, possa ter sucesso com seus clientes.

 

Compartilhe esse post

Conquiste mais, seja um coach!

  • Novas Possibilidades na Carreira

    Novas Possibilidades na Carreira

  • Mais Qualidade na Vida

    Mais Qualidade na Vida

  • Resultados Extraordinários

    Resultados Extraordinários

permita-se ir além! Chegou o momento de uma nova etapa da sua história

Concordo com a Politica de Privacidade Ao concordar com a politica e privacidade você aceita receber e-mails do IBC com conteúdos gratuitos de Coaching, informativos de palestras e cursos do IBC