Como desenvolver a inteligência emocional

lousa com as palavras inteligência emocional

© Depositphotos.com / nupix Quem é emocionalmente inteligente sabe reconhecer, aceitar e gerenciar suas emoções.

Fundamental para exercer a habilidade de liderança, ter inteligência emocional significa saber organizar os sentimentos de forma estratégica para alcançar suas metas. Quem é emocionalmente inteligente sabe reconhecer, aceitar e gerenciar suas emoções, mantendo a harmonia entre sentimentos e razão.

Preencha AGORA o formulário para descobrir!

Desenvolva sua inteligência emocional

É possível desenvolver a inteligência emocional por meio de técnicas que trabalham as competências individuais. Conheça abaixo as áreas que devem ser exercitadas:

Eu me conheço

Esta é a área do autoconhecimento e da sinceridade que cada um tem consigo mesmo. É a capacidade de avaliar suas próprias habilidades de forma verdadeira, abrindo-se para feedbacks e para o reconhecimento de como as emoções afetam seu desempenho e sua maneira de agir. Antes de enfrentar um desafio, tente entender qual tipo de emoção você sente no momento e como você pode pensar e agir diferente nesta situação.

Eu me gerencio

Aqui, o foco é o autocontrole, que te permite pensar antes de agir. Esta é a capacidade de administrar seus impulsos para não perder o controle, de adaptar-se às situações, além de ter flexibilidade e foco nos momentos de pressão. É importante sempre ter um objetivo em mente, determinando quais os passos para conquistá-lo. Pense, ainda, em que tipo de comportamento você deve ter para alcançar seu objetivo.

Motivação

Para alcançar os objetivos pessoais, é preciso estar pronto para agarrar as oportunidades, superar os obstáculos e aprender com os erros. Trabalhe constantemente na busca por resultados positivos, e esteja sempre motivado. Tente analisar se suas decisões são motivadas pelo medo de perder ou pela esperança de ganhar.

Você acredita que é verdadeiramente feliz em sua essência?
Clique aqui e descubra! Acesse o “Termômetro da Felicidade”!

Eu conheço os outros

Nesta fase, é preciso demonstrar sensibilidade ao ponto de vista do próximo, conquistar a confiança alheia e, se possível, aumentar o nível de satisfação dos outros. Tente sempre enxergar as diferenças como uma oportunidade de desenvolvimento. Faça uma avaliação sobre sua capacidade de se colocar no lugar do outro, e liste as qualidades, talentos e dificuldades das pessoas a sua volta. Reavalie as ideias pré-concebidas que você tem do seu chefe, clientes e liderados, e veja que elas podem não passar de preconceitos.

Eu gerencio os outros

Esta é uma forma de exercitar a liderança situacional, gerenciar conflitos, colaborar, trabalhar em equipe, construir liderança e desenvolver os outros. Nesta fase, é possível observar a capacidade de lidar com pessoas difíceis.

Gostou do meu artigo? Deixe seu comentário e compartilhe nas redes sociais.

O artigo é bom, né?

No IBC é assim, não custa nada evoluir e alcançar resultados extraordinários. Se você quer seguir por esse caminho de evolução é só baixar o nosso e-book gratuito,
Tudo sobre Coaching. Preencha o formulário abaixo com seus dados para ler.


*Esse conteúdo não é fonte para veículos jornalísticos ou matérias para imprensa, para utilização ou referência por favor entre em contato conosco.

Deixe seu Comentário

IBC - Instituto Brasileiro de Coaching: Av. Prof. Venerando Freitas Borges, 561 - Setor Jaó - Goiânia/ GO - CEP: 74.673-010