Definição e exemplos de missão de uma empresa

Equipe de funcionários focados na missão da empresa A missão de uma empresa define seu propósito, e norteia suas atitudes no mercado.

 

A palavra “missão” significa aquilo que deve ser feito, um compromisso. O mesmo significado pode ser aplicado para definir a missão de uma empresa. Esse pilar trata do seu propósito, razão de existir. Como define o papel desempenhado pelo negócio na sociedade, norteia os seus objetivos e os deixa mais possíveis, claros e realistas.

As organizações precisam ter uma razão de ser para que seus propósitos sejam atingidos e entendidos, perante o seu ramo de atividade. Diante disso conclui-se a missão da empresa como sendo uma forma de traduzir tal sistema de valores e crenças, em termos de negócios e/ou áreas básicas de atuação. 

O que se pode considerar é que a missão trata-se basicamente das tradições e filosofias administrativas da organização. Ela procura determinar qual o negócio da empresa, por que ela existe, e ainda, em que tipos de atividades a ela deverá concentrar-se no futuro.

Quando bem definida, a missão de uma empresa torna-a reconhecida no mercado. Ela atua como identidade da organização em seu local de atuação e motiva as pessoas a se relacionarem àquele ambiente ou procurarem o produto/serviço oferecido. 

Além disso, desenvolve o sentimento de direção nos funcionários. Nesse sentido, guia a equipe para desempenhar um trabalho que contribua para a realização dos resultados da organização.

Comece a ter o

Destaque

que você merece!

Preencha os campos abaixo para receber o e-book.

Como a missão de uma empresa é elaborada?

Definir a missão de uma empresa pode ser uma tarefa árdua. Essas breves palavras devem conter a justificativa do negócio existir. Existem diversas empresas atuando no mesmo mercado e cada uma possui sua própria missão. A sua elaboração deve estar ligada às características do negócio. Por isso, de acordo com o ramo da organização, poderá ter missão independente, complementar ou concorrente em relação a outras.

Se sua empresa não tiver ciência do motivo pelo qual que ela existe, não  conseguirá definir uma estratégia de crescimento, porque os objetivos da empresa não estarão claros. Neste sentido, a declaração da missão serve como base para a construção da estratégia (com objetivos, indicadores e metas). 

Para se ter uma boa definição de missão deve-se esclarecer o benefício que a empresa gera ao seu público-alvo. De outra maneira, podemos dizer que, uma empresa deve existir, não apenas para oferecer um determinado produto ou prestar o serviço que consta em seu contrato (ou estatuto) social, mas sim, para levar transformações positivas ao seu consumidor. 

Assim, entendemos que uma boa definição de missão deve ser, além de inspiradora, desafiadora, para que haja o engajamento e comprometimento de seus colaboradores e parceiros, com o intuito de levar um benefício cada vez melhor para um número maior de pessoas. 

Perguntas poderosas para a definição de missão empresarial

Muitos especialistas defendem que a declaração da missão deve ser curta e objetiva, contendo, no máximo, uma ou duas frases, para expor tudo o que motiva a existência de determinada marca. Com isso, fica mais fácil de conseguir transmiti-la e de fazer com que ela seja lembrada e vivenciada por todos os envolvidos no negócio. No fundo, deve servir com um mantra, uma crença que orienta a existência da organização.

A capacidade de responder às questões abaixo contribui para identificar o compromisso de um negócio:

  • Para que minha organização existe?
  • O que ela se propõe a fazer?
  • Como ela deve fazer?
  • Onde atuar?
  • Qual o papel da minha organização no mercado e na sociedade?
  • Quem ela quer atingir?
  • Qual a responsabilidade social do meu negócio?

Visto que o mercado está em constante transformação, e atualmente com ênfase na era digital, a missão de uma empresa deve ser dotada de flexibilidade, para permitir que seu desempenho e estratégias acompanhem essas mudanças. 

Assim, é importante pensar com frequência a missão de seu negócio para avaliar sua validade no contexto. Se não conseguir mais justificar a sua existência, é sinal de que precisa ajustar o conceito.

Exemplos de missão organizacional

Confira, a seguir, as missões de empresas mundialmente famosas e perceba como cada uma determina propósitos e objetivos específicos:

Google

A missão da Google é “Organizar as informações do mundo todo e torná-las acessíveis e úteis em caráter universal”.

Caterpillar

Por sua vez, a incumbência da empresa de máquinas pesadas Caterpillar refere-se a “possibilitar o crescimento econômico por meio do desenvolvimento de energia e infraestrutura, e fornecer soluções que apoiem as comunidades e protejam o planeta”

Microsoft

“Na Microsoft, a nossa função é ajudar as pessoas e empresas em todo o mundo a concretizarem todo o seu potencial. Esta é a nossa missão. Tudo o que fazemos reflete-se nesta missão e nos valores que a tornam possível.”

Natura

“Para ser percebida como uma empresa social e ambientalmente responsável e atuante, a Natura parte da premissa de que os impactos ambientais de sua atividade decorrem de uma cadeia de transformações, da qual representa somente uma parte. Por isso, acredita que, para ter eficácia, as ações ambientais precisam: considerar cada cadeia produtiva de maneira integral.”

Nestlé

“Oferecer ao consumidor brasileiro produtos reconhecidamente líderes em qualidade e valor nutricional, que contribuam para uma alimentação equilibrada, gerando sempre oportunidades de negócios para a empresa e valor compartilhado com a sociedade brasileira.”

McDonald’s

“Servir alimentos de qualidade, com rapidez e simpatia, num ambiente limpo e agradável”.

Avon

“Ser a companhia que melhor entende e satisfaz as necessidades de produtos, serviços e auto-realização das mulheres no mundo todo”.

Fiat

“Desenvolver, produzir e comercializar carros e serviços que as pessoas prefiram comprar e tenham orgulho de possuir, garantindo a criação de valor e a sustentabilidade do negócio”

Duratex

“Ser empresa de referência, reconhecida como a melhor opção por clientes, colaboradores, comunidade, fornecedores e investidores, pela qualidade de nossos produtos, serviços e relacionamento.”

Arcor

“Ser a empresa nº 1 de guloseimas e biscoitos da América Latina e consolidar a participação no mercado internacional”.

Seara

“Ser reconhecida como uma empresa de excelência no mercado brasileiro e internacional, por processar e comercializar produtos de alta qualidade, em todos os seus segmentos e marcas comerciais, e continuando a se expandir no mercado em que atua no Brasil e no Exterior, com o compromisso de aperfeiçoamento contínuo de seus produtos e com o desenvolvimento sustentável e rentabilidade nos seus negócios”.

Mercedes Benz 

“Nosso objetivo é ser referência como empresa produtora e fornecedora brasileira dos melhores veículos comerciais, agregados, automóveis, componentes e serviços. Buscamos atender às necessidades e expectativas dos nossos clientes e criar valor para nossos acionistas e demais públicos com os quais nos relacionamos”.

HSBC 

“Ser o melhor grupo financeiro do Brasil em geração de valor para clientes, acionistas e colaboradores”. 

Eternit

“Ser uma empresa diversificada e rentável no fornecimento de matérias-primas, produtos e soluções para construção civil. Manter sua liderança no setor de coberturas e ter participação relevante em outros segmentos, posicionada entre as cinco marcas mais reconhecidas do setor de materiais de construção”.

Petrobras 

“Ser uma das cinco maiores empresas integradas de energia do mundo e a preferida dos seus públicos de interesse”.

Diante dos exemplos de missão que acabei de compartilhar com você, acredito que você já esteja plenamente preparado para responder às perguntas poderosas que mencionei acima. Verifica-se, dessa maneira, que é possível responder a todos os questionamentos.

A importância da definição da missão organizacional

São raros os casos de empreendedores que elaboram uma missão para o seu negócio e conseguem a mantém intacta e imutável durante anos.

Estes empresários são os visionários. Perceberam que seus negócios estão além da questão de fabricar um produto, vender algo ou prestar um serviço. Levitt explica que as empresas ferroviárias perderam terreno porque só se viam no negócio de ferrovia e não no de transporte. Nesse contexto, você não está no negócio da característica de seu produto ou serviço (ferrovia), mas em seu benefício (transporte). Os fundadores do Google, por exemplo, nunca se viram no negócio de mecanismo de busca, mas no de organizar a informação do mundo e torná-la acessível e útil para todos. 

Assim como Luiz Seabra não via a Natura como uma empresa de cosméticos, mas como uma organização que ajuda a aumentar a autoestima das pessoas. Em 1989, a razão de ser da Natura foi levemente alterada de autoestima para bem-estar e estar bem das pessoas. Mas o propósito inicial vislumbrado em 1969 se manteve o mesmo.

Analise as empresas que você admira e observe o quanto elas possuem grandes propósitos. Depois disso, proponha-se a elaborar uma lista de empresas que são dignas de admiração, mesmo que não sejam do seu ramo (é até melhor que não sejam) e realize buscas, a fim de descobrir quais são suas declarações de missão, visão e valores. Reflita sobre o que você pode aprender com isso. Elas refletem o benefício do negócio? São inspiradoras? São de fácil lembrança?

Depois de fazer esta reflexão, com certeza você está pronto para elaborar a missão da sua própria empresa, seguindo exemplo daquelas que você mais admira. 

Falando um pouco sobre visão 

 A visão é uma abordagem que a organização tem que se preocupar. Olhar o destino desejado é uma visão de oportunidades futuras do negócio da organização, para permitir concentração no foco desejado, e assim, realizar esta busca com empenho. 

Quando se determina essa análise, ou seja, de onde a organização pretende chegar, as teorias e explicações da vida das e nas organizações são baseadas em metáforas que nos levam a entender as organizações de forma individual.

Neste sentido, traçar os objetivos sem estabelecer metas, nada mais é do que boas intenções. A visão de futuro do negócio é um objetivo ou um conjunto deles. E para ser planejado, gerenciado e atingido, este precisa ter indicador e meta. 

A visão de futuro da empresa Cacau Show, por exemplo, era ser a maior rede de chocolates finos do mundo. O indicador era o número de lojas e a meta era ter mil unidades até 2010. E conseguiram tal objetivo! 

Mas não se desespere se você não encontrar logo de início o objetivo, indicador e meta tão claros quanto os da Cacau Show, quando o assunto for a sua própria empresa. Realize os processos no seu tempo e logo você conseguirá determinar o que almeja para o futuro dos seus negócios. 

Empreendedores sem experiência e até grandes empresas cometem falhas graves na definição de missão, visão e valores de seus negócios. Um dos mais graves é definir algo que é genérico e óbvio como “nossa missão é produzir produtos com qualidade, que satisfaçam nossos clientes”. 

Existem muitas variações desse tipo de missão. Os erros mais graves estão associados à questão da qualidade e satisfazer a necessidade dos clientes. Há formas mais inspiradoras e desafiadoras de definir como a empresa levará o benefício de seus produtos e serviços a um número que ela considere adequado para o período de planejamento.

Além disso, outro erro comum é transformar estas declarações em algo de difícil compreensão, utilizando termos sofisticados, que reunidos não significam nada para quem lê. Outros colocam tantos tópicos que não cabem em uma página. Mas o erro mais grave é elaborar a declaração de missão, visão e da lista de valores e não praticá-las no dia a dia da empresa. 

E assim como diz o ditado, sempre haverá um jeito mais simples e mais inspirador de mostrar uma mensagem. Guy Kawasaki, um dos especialistas de empreendedorismo mais influentes no mundo, diz que mais do que uma missão, as organizações precisam de um mantra, uma mensagem simples que guie a existência da empresa. Muitas empresas têm concordado com este posicionamento e definido suas missões e visões quase como slogans.

Agora peço que você deixe nos comentários qual a missão, visão e valores da sua empresa, para que possamos trocar experiências neste sentido. E se este conteúdo fez sentido para você, curta e compartilhe-o com seus amigos, para que eles também tenham um conhecimento maior sobre este poderoso assunto. 

Copyright: https://www.shutterstock.com/

E aí, curtiu esse conteúdo?

Saiba que ele é apenas a pontinha do iceberg e você pode desenvolver suas habilidades de liderança muito mais. Baixe agora o ebook Leader Coach e aprenda como extrair o máximo resultado da sua equipe.
Preencha o formulário, é de graça.
Deixe seu Comentário

IBC - Instituto Brasileiro de Coaching: Av. Prof. Venerando Freitas Borges, 561 - Setor Jaó - Goiânia/ GO - CEP: 74.673-010