Eficiência Produtiva: como implantar o conceito dentro de uma empresa?

Seta no alvo

A eficiência produtiva auxilia na estruturação de processos resultando em mais qualidade no produto/serviço.

As empresas se diferem no que diz respeito à maneira de produzir seus produtos e serviços, porém, elas precisam estar atentas a tais processos, pois os mesmos devem resultar em entregas de excelência, de modo que a organização não perca parte dos seus insumos e do seu dinheiro.

Para evitar que isso aconteça, a empresa deve estruturar os seus processos, além de ter infraestrutura, maquinários, equipamentos de qualidade e uma equipe focada e comprometida. Nesse sentido, a eficiência produtiva é um dos fatores cruciais para que uma organização continue atuante no mercado.

Neste artigo, vamos compreender melhor o significado deste conceito, as suas diferenças em relação à eficácia e algumas sugestões para alcançar esse estado nas organizações. Siga em frente e tenha uma ótima leitura!

Comece a ter o

Destaque

que você merece!

Preencha os campos abaixo para receber o e-book.

O que significa eficiência produtiva?

O conceito de eficiência produtiva diz respeito à produção de um produto de forma racional, com o mínimo de recursos, sem que o processo resulte em desperdícios e perda de dinheiro. Vale lembrar que, muitas vezes, para que isso ocorra, outros produtos deixam de ser produzidos, ou o seu volume é reduzido.

Em outras palavras, isso quer dizer que existe um limite produtivo e, caso ele seja ultrapassado, é sinal de que existe uma má gestão, uma vez que estão sendo realizados processos desnecessários, e os recursos não estão sendo utilizados de forma eficiente.

É importante frisar que a eficiência produtiva não diz respeito a racionamento, visto que esse processo se refere a cortes sem fundamentos, que podem atingir algo necessário para a empresa, e que não deveria ser dispensado.

A eficiência produtiva se relaciona com racionalização, ou seja, quando todo o processo é analisado de forma coerente e lógica, e, então, os recursos são utilizados de forma distribuída e bem aproveitada, por meio de processos e ações definidas. Isso ajuda a evitar desperdícios e faz com que a empresa entregue resultados de excelência.

Qual é a diferença entre eficácia, eficiência e produtividade?

Sim, é comum confundir esses 3 conceitos, especialmente dentro das empresas. Vamos a alguns esclarecimentos, portanto.

Eficácia significa fazer a coisa certa, ou seja, adotar uma atitude que de fato resolva o problema identificado ou que permita o alcance do objetivo que havia sido definido. Por exemplo: se você tem o objetivo de aprender a falar inglês, matricular-se em uma escola de idiomas e contratar um professor particular suas duas opções eficazes, uma vez que ambas o levam ao alcance da sua meta.

Já o conceito de eficiência significa fazer algo da melhor maneira possível, ou seja, alcançando a meta, mas usando o mínimo possível de recursos, evitando os desperdícios. Por exemplo: contratar um professor particular pode levá-lo a aprender inglês em 3 anos, enquanto o curso de uma escola de idiomas promete o alcance dessa meta em 6 anos.

Nesse caso, as duas alternativas são eficazes, mas o professor particular é mais eficiente do que a escola de idiomas, pois houve um consumo menor do recurso tempo (e provavelmente de dinheiro também). Assim, é eficaz tudo aquilo que resolve o problema, mas é mais eficiente aquilo que resolve o problema da melhor maneira possível, ou seja, gastando o mínimo possível de energia, de tempo, de pessoas, de dinheiro, enfim, de recursos em geral.

Quer mais um exemplo? Se dois operários fabricam produtos de qualidade e sem falhas, entendemos que ambos são eficazes, ou seja, fazem a coisa certa. Contudo, se um deles produz 5 itens em 1 hora, mas o outro produz apenas 4 itens no mesmo período, concluímos que o primeiro é mais eficiente.

Quando o recurso de que estamos falando é especificamente o tempo, podemos tomar a eficiência como sinônimo de produtividade. Se uma professora corrigiu 30 redações em um dia de trabalho, mas corrigiu apenas 25 no dia seguinte (com as mesmas horas trabalhadas), entende-se que houve uma queda na sua produtividade.

A felicidade é imprescindível para o bom desempenho profissional!
Clique aqui, faça nosso “TESTE” e descubra como anda sua felicidade!

Como adotar a eficiência produtiva nas empresas?

Com a definição de eficiência produtiva em mente, é natural que qualquer empresa queira desenvolvê-la nos seus processos e nas atividades de todos os seus colaboradores. A pergunta é: como adotá-la nas organizações? Existem vários fatores que influenciam todo esse processo. Conheça alguns deles:

  • A empresa precisa ter profissionais motivados, capacitados, que entendam as necessidades da organização e que realizem as atividades de forma eficaz;
  • Para ter uma equipe competente, a organização deve investir na capacitação e no desenvolvimento contínuo dos seus colaboradores;
  • Outro investimento importante refere-se à qualidade do maquinário e dos equipamentos da empresa;
  • Para que os desperdícios sejam minimizados, a organização precisa adotar métodos com metas e objetivos definidos e ações coerentes. Dessa forma, a equipe consegue manter a qualidade e aumentar a quantidade de produtos;
  • A matéria-prima utilizada também afeta diretamente a racionalização dos recursos e a entrega de resultados;
  • A infraestrutura da empresa também deve ser levada em consideração para que a equipe trabalhe de forma eficaz, consiga minimizar os desperdícios no processo de produção e alcance as metas estipuladas;
  • A gestão de tais atividades precisa ser embasada em criatividade, lógica, definição de custos, monitoramento e controle.
  • A economia de recursos, como energia, tempo de processamento, etapas de produção e tempo de parada de maquinário precisa ser promovida, desde que não afete a qualidade daquilo que é produzido;
  • Os recursos da empresa devem ser utilizados em sintonia com o conhecimento dos colaboradores;
  • É importante investir na motivação dos funcionários, pois ela é um fator muito importante para as suas capacidades produtivas.

Para que toda essa evolução ocorra e que a eficiência produtiva seja de fato adotada, a organização deve acompanhar os seus processos produtivos e mensurar os resultados alcançados.

Nesse sentido, o coaching é uma metodologia capaz de auxiliar a empresa no que se refere ao desenvolvimento de planejamentos estratégicos, metas e objetivos, potencialização de habilidades e competências dos colaboradores, melhoria da produtividade e alta performance e entrega de resultados de excelência, fazendo com que a organização alcance o sucesso que tanto deseja.

E você, ser de luz, já adotou a eficiência produtiva na sua empresa? Quais ações foram colocadas em prática? Deixe o seu comentário no espaço a seguir. Além do mais, que tal levar estas informações a todos os seus amigos, colegas de trabalho, familiares e a quem mais possa se beneficiar delas? Compartilhe este artigo nas suas redes sociais!

E aí, curtiu esse conteúdo?

Saiba que ele é apenas a pontinha do iceberg e você pode desenvolver suas habilidades de liderança muito mais. Baixe agora o ebook Leader Coach e aprenda como extrair o máximo resultado da sua equipe.
Preencha o formulário, é de graça.

Copyright: 516208519 – https://www.shutterstock.com/pt/g/Masson

José Roberto Marques

Sobre o autor: José Roberto Marques é referência em Desenvolvimento Humano. Dedicou mais de 30 anos a fim de um propósito, o de fazer com que o ser humano seja capaz de atingir o seu Potencial Infinito! Para isso ele fundou o IBC, Instituto que é reconhecido internacionalmente. Professor convidado pela Universidade de Ohio e Palestrante da Brazil Conference, na Universidade de Harvard, JRM é responsável pela formação de mais de 50 mil Coaches através do PSC - Professional And Self Coaching, cujo os métodos são comprovados cientificamente através de estudo publicado pela UERJ . Além disso, é autor de mais de 50 livros publicados.



*Esse conteúdo não é fonte para veículos jornalísticos ou matérias para imprensa, para utilização ou referência por favor entre em contato conosco.

Deixe seu Comentário

IBC - Instituto Brasileiro de Coaching: Av. Prof. Venerando Freitas Borges, 561 - Setor Jaó - Goiânia/ GO - CEP: 74.673-010
CNPJ: 31.328.744/0001-63

This will close in 0 seconds