Gerente de Produto – O que é e o que ele faz?

Gerente de produto e sua equipe

Confira algumas dicas para ser um bom gerente de produto.

O gerente de produto tem uma função decisiva dentro das empresas, analisando o mercado e estabelecendo uma visão dos produtos. Esse profissional analisa as condições mercadológicas e direciona a visão de produto. Trabalha na criação de diferenciais que estabelecem um valor único para os clientes. Esse gerente atua preenchendo lacunas entre diferentes setores, como o de engenharia, vendas e marketing. 

No escopo de atuação desse profissional está a criação do “porquê”, “o que” e “quando” do produto a ser lançado. Esse gerente pode ter o status de CEO da área de desenvolvimento de produto. Liderar equipes multifuncionais faz parte do dia a dia do gerente de produto, da criação até a análise pós-lançamento.

Continue lendo para entender melhor o que é essa função e o que esse profissional faz. 

O que é um gerente de produto?

O gerente de produto é o profissional responsável por identificar as demandas dos clientes e traduzi-las em objetivos de negócios. Dentre suas funções está a articulação do que tem potencial para o sucesso e direcionamento das equipes envolvidas. A função foi incluída em um diagrama de Venn simples pelo líder de produto Martin Eriksson, fundador da ProductTank. 

Nesse esquema, a função aparece em uma intersecção entre tecnologia, negócios e experiência do usuário. Ben Horowitz, CEO da Opsware, nomeou a função como “CEO de produto”. A posição dessa função no diagrama de Eriksson nos diz que é necessário que o gerente de produto equilibre sua atuação entre as três áreas. 

Cabe a ele tomar decisões difíceis e fazer algumas concessões. Os gerentes de produto, assim como um CEO, precisam estabelecer metas, definir o que é o sucesso da equipe e atuar em prol da sua motivação. Essa é uma função chave dentro das companhias, especialmente pelo elo criado entre as equipes participantes do processo. 

O que o gerente de produtos faz? 

Basicamente, o gerente de produto tem como funções definir a visão e a estratégia do produto. Ele tem como foco a articulação clara do valor do negócio para as equipes. Dessa forma, os profissionais conseguem compreender a intenção por trás do item a ser desenvolvido.

Essa estratégia está sempre alinhada com um roteiro que é essencial para a equipe de engenharia. A seguir iremos explicar melhor o que o gerente de produto faz a partir de alguns tópicos pertinentes do seu cotidiano. 

1. Planejamento de lançamentos

Uma das principais funções do gerente de produto é planejar o que a equipe vai entregar e quando entregará. Esse profissional deve ter conhecimentos a respeito de como lançar novos produtos, atingindo o sucesso no mercado.

Isso inclui saber como e de que forma criar um produto mestre, gerenciando, assim, os recursos e eventuais problemas. Também deve saber gerenciar lançamentos com etapas e marcos.

2. Brainstorming

Os gerentes de produtos precisam se apoiar em um bom processo de brainstorming para garantir que as melhores ideias sejam colocadas em prática. Esse processo diz respeito a gerar, desenvolver e colocar em prática as melhores ideias. Para isso, o CEO de produto deve coletar, desenvolver e promover ideias relevantes para a organização.

O gerenciamento de produto deve ser feito com foco em entender quais ideias merecem utilizar recursos do negócio. A partir de um trabalho de brainstorming e cultura de feedback, é possível integrar as solicitações do mercado com respostas adequadas. 

3. Definição de características dos produtos

As atividades do gerente de produto também incluem a definição das características do que irá ser lançado. Essa visão prévia é necessária para definir quais são os recursos que serão empregados. Em linhas gerais, consiste em definir “o que”, “quando” e “como” será feito. 

4. Chegado ao mercado

Como já mencionamos, o gerente de produto possui o status de CEO de produto. Isso significa que esse profissional é o responsável por tomar decisões a respeito dos produtos.

Atua como o líder da equipe direcionando todos para a produção de uma experiência diferenciada para o cliente. Apoia todo o trabalho desenvolvido para a chegada dos produtos ao mercado. As funções do gerente de produto o colocam próximo dos clientes, pois lida com o marketing, vendas e suporte. 

5. Avaliação de resultados

Para construir uma base mais sólida e a prova de erros no futuro é crucial avaliar os projetos já concluídos. Dessa forma também faz parte das atividades desse profissional analisar como as ações do empreendimento estão impactando o mercado. Quais foram os pontos fortes e os fracos dos produtos? 

Há na função de gerente de produto uma grande responsabilidade, devemos lembrar que é alguém muito ligado ao sucesso corporativo. A avaliação deve ser feita de forma crítica e buscando sempre manter a companhia em um ritmo de melhoria contínua.

Dicas para ser um bom gerente de produto

Confira a seguir dicas práticas para ser um bom gerente de produto guiando a sua equipe para o sucesso. 

Priorizar é essencial

O gerente de produto tem à sua disposição uma quantidade de recursos predefinida. Cada etapa do processo corresponde a uma parte da equipe que irá realizá-la da melhor forma possível.

Ter esse entendimento leva o profissional à compreensão de que precisa saber gerenciar os recursos financeiros e humanos da melhor forma possível. O segredo para se dar bem é saber priorizar o mais relevante para o sucesso como um todo. 

Conheça bem o mercado

Conhecer o mercado é crucial para investir tempo e recursos em produtos pertinentes diante das demandas dos clientes. A falta de uma leitura correta das condições do mercado pode levar à tomada de decisões ruins para o empreendimento. Fazer perguntas antes de prosseguir é determinante para o sucesso. Cabe a esse profissional entender a história e as definições a serem trabalhadas. 

Delegue decisões para a equipe

Para alcançar melhores resultados, o gerente de produto deve evitar a concentração das decisões. Essa função é bastante atribulada e, por isso, precisa contar com um suporte real dos colaboradores. Isso permite que o profissional evite estar sempre ocupado e com tarefas importantes sem serem realizadas. 

Trata-se de encontrar o equilíbrio, entendendo quais decisões não precisam ser tomadas por ele. A equipe se fortalece com esse sistema e entende que faz parte do conjunto de atividades.

Agora você já sabe o que é e o que faz um gerente de produto!

José Roberto Marques

Sobre o autor: José Roberto Marques é referência em Desenvolvimento Humano. Dedicou mais de 30 anos a fim de um propósito, o de fazer com que o ser humano seja capaz de atingir o seu Potencial Infinito! Para isso ele fundou o IBC, Instituto que é reconhecido internacionalmente. Professor convidado pela Universidade de Ohio e Palestrante da Brazil Conference, na Universidade de Harvard, JRM é responsável pela formação de mais de 50 mil Coaches através do PSC - Professional And Self Coaching, cujo os métodos são comprovados cientificamente através de estudo publicado pela UERJ . Além disso, é autor de mais de 50 livros publicados.



*Esse conteúdo não é fonte para veículos jornalísticos ou matérias para imprensa, para utilização ou referência por favor entre em contato conosco.

Deixe seu Comentário

IBC - Instituto Brasileiro de Coaching: Av. Prof. Venerando Freitas Borges, 561 - Setor Jaó - Goiânia/ GO - CEP: 74.673-010
CNPJ: 31.328.744/0001-63