4 exemplos de metas SMART e como aplicar o conceito na sua empresa

Smart

Metas SMART é uma ferramenta que tem o objetivo de definir metas construídas de forma a se considerar 5 atributos: S (Específico), M (Mensurável), A (Atingível), R (Relevante) e T (Temporal).

 

Ao longo do tempo é possível notar o quanto é constante e importante, tanto para as pessoas quanto para as empresas, a busca por metas. Estabelecer metas parece ser uma tarefa simples e comum, pois a impressão que se tem é de que as pessoas já estão familiarizadas com o processo de pensar, elaborar e colocar em prática as estratégias necessárias para atingir as metas pré-estabelecidas. Comprar um carro, adquirir um imóvel, aumentar a rentabilidade do negócio, conhecer outros países, expandir os negócios para outras regiões são algumas das metas traçadas por pessoas e empresas no mundo todo.

Mas o que muitas pessoas não sabem – ou descobrem tardiamente –  é que na prática, a realidade é outra. Estabelecer metas não é um processo tão básico e simples quanto parece. Requer estudo, informações, ferramentas e metodologia.  Uma das ferramentas utilizadas neste processo tem um nome curioso: METAS SMART. Mas, afinal: o que são as metas smart? Preparei este conteúdo para te ajudar a compreender esta ferramenta e mostrar como ela pode ser útil em sua empresa,querida pessoa!

O que são as Metas Smart?

As metas SMART são uma ferramenta que auxilia na definição de metas – independentemente se estas metas servirão para uma determinada pessoa ou para uma empresa. O importante é entender que essa é uma importante ferramenta de Coaching que auxilia de maneira poderosa e objetiva a estabelecer suas metas.

É importante ressaltar que ao definir metas as pessoas precisam entender que elas devem ser extremamente diretas e objetivas. Isso é importante para que não haja espaço para suposições ou dúvidas.

Quer alguns exemplos?

1 – Uma pessoa que estabelece como meta: “ano que vem vou me atentar mais à minha saúde”

2 –  Uma pessoa que estabelece como meta: “semestre que vem vou implantar novas ideias na equipe de vendas”.

Percebe o quanto tudo isso é vago? Não há objetividade tampouco prazos para o cumprimento das metas. Para que as metas mencionadas acima consigam ser aplicadas como metas SMART, é fundamental que sejam reformuladas a fim de se tornarem mais precisas e diretas, pois da forma que estão elas podem ser consideradas como metas utópicas e dificilmente serão cumpridas.

Como deve ser uma meta SMART?

Como foi mencionado anteriormente, as metas SMART servem tanto para metas pessoais quanto para metas corporativas. Para este artigo, o contexto será voltado para empresas.

Quando uma meta é traçada, fica claro para uma empresa que aquele é o estado ou o lugar que ela pretende alcançar. Mas é importante que os responsáveis por estabelecer as metas, entendam o que verdadeiramente é uma meta e o que não é uma meta.

Por exemplo: desejos não são metas. Outra confusão bastante comum é colocar tarefas como metas ou dizer que buscará e adquirirá mais conhecimentos para a empresa. Por isso, antes de estipular metas é importante que gestores, líderes, executivos entendam  que o conceito de metas vai muito além de tarefas e desejos.

De maneira sucinta e prática, metas são objetivos quantificados e devidamente especificados. Importante lembrar que metas são temporais e totalmente ligadas a prazos.

No caso de metas SMART, cada letra desta palavra possui um significado que consegue traduzir corretamente o que é e, principalmente, como deve ser uma meta para uma organização empresarial. Confira a seguir:

 

  • S

 

Corresponde ao termo specific, ou seja, uma meta deve ser específica naquilo que quer. Se o objetivo é aumentar vendas, o gestor deve ser prático e objetivo para definir que quer aumentar as vendas em 20, 30 ou 40% em um período de 10 meses, por exemplo. O importante é ser extremamente direto.

  • M

Atribui-se a measurable (mensurável). O que nos mostra que é necessário determinar um indicador tangível e com possibilidade de mensuração. Este indicador irá contribuir para a organização atingir a meta traçada. No caso do aumento nas vendas, o principal indicador seria o valor do faturamento durante os 10 meses em cima dos produtos e serviços.

 

  • A

 

Vem de achievable, que quer dizer atingível ou aquilo que é alcançável. Desejar obter resultados incríveis é o que todos querem, mas o gestor deve ter em mente que as metas devem estar em uma realidade possível. Vale lembrar que uma meta em vendas, por exemplo, leva tempo e dedicação. Alcançar uma evolução de 100% em cinco meses pode ser complicado para as equipes e também para a empresa. Portanto, verifique se as metas traçadas são realmente alcançáveis. Caso não sejam, veja quais metas podem ser estabelecidas seguindo o critério das metas SMART.

 

  • R

 

Corresponde a relevant, o que permite entender que as metas precisam ser relevantes para a organização. Não é interessante criar metas que não façam sentido para as equipes e que não vão gerar resultados positivos dentro da empresa.

 

  • T

 

Dentro do método SMART, o T vem de time. Pensando nisso, fica a ideia de que para toda meta é preciso determinar um tempo para que ela se cumpra. Estabelecer uma meta sem um prazo não faz sentido, além de que a mesma não será levada a sério da forma que deveria ser levada. Por esse motivo, sempre que definir uma meta, estabeleça um prazo. Um prazo que pode ser cumprido e que faça sentido para os envolvidos

A aplicabilidade das metas SMART nas organizações empresariais

Ao analisar sobre o que de fato é uma meta SMART, é possível compreender como ela deve ser tratada dentro de uma empresa. As metas SMART exigem que a organização trace metas com especificidade, relevância, prazos e ferramentas para mensurar tudo que será produzido até que essa meta seja alcançada. Com isso, percebemos que metas SMART seguem basicamente os modelos a seguir:

1 – Abrir 2 filiais da loja de multimarcas. A primeira será em São Paulo até outubro de 2018 e a segunda será no Rio de Janeiro até março de 2019.

2 – Contratar 20 novos colaboradores para a equipe de vendas até o mês de fevereiro de 2019.

3 – Aumentar 30% das vendas no setor de roupas femininas da loja de departamentos até janeiro de 2019

4 – Implantar uma ação social dentro da empresa até dezembro de 2018, com o objetivo de ajudar crianças com câncer que fazem tratamento no hospital da cidade.

Esses são alguns modelos de metas SMART. Nota-se que são metas específicas, que são claramente alcançáveis, com um prazo previamente estabelecido e que possuem congruência para a empresa. Ao utilizar as metas SMART, será possível traçar metas que além de serem alcançáveis, trarão grandes benefícios e resultados satisfatórios para a organização empresarial.

Espero que este conteúdo contribua de maneira positiva e poderosa com o sucesso da sua empresa, querida pessoa. Agora, aproveite para contar a sua experiência com o processo de estabelecer metas. Analisando todas essas informações, sua empresa possui metas SMART? Como anda o processo para estabelecer as metas da empresa que você trabalha?

Use o espaço abaixo para compartilhar a sua experiência e também a sua opinião a respeito desta metodologia. Aproveite ainda para contar quais são as metas que você já atingiu em sua empresa e quais são as metas que ainda serão alcançadas. Se este conteúdo te ajudou de forma positiva e você acredita que poderá ajudar outras pessoas do seu ciclo social, curta e compartilhe em suas redes sociais. Propague conhecimento!

 

E aí, curtiu esse conteúdo?

Saiba que ele é apenas a pontinha do iceberg e você pode desenvolver suas habilidades de liderança muito mais. Baixe agora o ebook Leader Coach e aprenda como extrair o máximo resultado da sua equipe.
Preencha o formulário, é de graça.

Copyright: 1044120247 – https://www.shutterstock.com/pt/g/inspiring

Deixe seu Comentário

IBC - Instituto Brasileiro de Coaching: Av. Prof. Venerando Freitas Borges, 561 - Setor Jaó - Goiânia/ GO - CEP: 74.673-010