7 exemplos que fazem do marketing emocional uma estratégia de sucesso

O marketing emocional é uma estratégia que usa o apelo emocional para conquistar os clientes e induzir a compra.

Você já se percebeu emocionado assistindo a um comercial? Saiba que isso é muito comum, pois há uma vertente no marketing que fala diretamente aos sentimentos dos consumidores, o marketing emocional. As emoções são capazes de fazer as pessoas tomar decisões que não tomariam somente pelo viés da razão.

Despertar uma lembrança, ajudar o consumidor a se visualizar com o produto/serviço, fazê-lo chorar ou sorrir sem um motivo aparente contribui para a decisão positiva de compra. Ao longo do artigo vamos te explicar com mais detalhes como funciona a estratégia de sucesso do marketing emocional.

O que é marketing emocional?

Resumidamente, o marketing emocional foca em estratégias de apelo emocional para atrair os consumidores. Assim, argumentos racionais deixam de ser a principal razão pela qual o consumidor decidirá adquirir um produto ou serviço. Em alguns períodos do ano, essa estratégia tende a ser mais utilizada, como na época do Natal, Dia das Mães, Dia dos Pais e Dia dos Namorados.

Investir em conquistar o coração dos consumidores é realmente uma aposta de sucesso em diversos segmentos. Para se ter uma ideia, dados de uma pesquisa realizada pela Nielsen demonstram um aumento de 23% nas vendas comparativamente com outros tipos de anúncios.

O marketing emocional trabalha em cima de valores: mais do que atender a uma necessidade específica, o produto conquista o coração de quem compra e desperta nele uma sensação positiva que o leva ao ato da compra. Isso é muito mais do que apenas vender e gerar lucro para uma empresa: é atrair, conquistar e fidelizar o cliente.

Preencha AGORA o formulário para descobrir!

Como o marketing emocional pode se tornar uma estratégia de sucesso?

A conexão emocional estabelecida entre os consumidores e a marca cria relações mais positivas e com chances mais acentuadas de recompra. Para quem ainda tem dúvidas a respeito da efetividade da estratégia de marketing emocional, vamos apresentar algumas vantagens reconhecidas por meio de pesquisas e estudos.

1 – Maior confiança na empresa

Empresas que investem na estratégia de marketing emocional conseguem criar uma relação de mais confiança com o seu público. Há o entendimento de que o relacionamento vai além de uma negociação em que uma parte compra e outra vende. Para essas companhias, se torna mais simples a construção de uma imagem positiva diante dos consumidores porque se entende que existe uma proximidade.

2 – Ciclo de novas compras

Os consumidores impactados pela estratégia de marketing emocional das empresas tendem a comprar mais vezes. Estabelecer um ciclo de recompra é essencial para a sustentabilidade dos empreendimentos.

Investir em estratégias de marketing que visem criar uma relação com o público é crucial para se manter bem posicionado em seu mercado. Lembre-se de que o investimento para manter uma base de clientes é relativamente menor do que o investimento necessário para conquistar novas fatias de mercado.

3 – Mais chances de perdão

Muitas empresas passam por crises de imagem ao longo do seu período de estabelecimento no mercado, seja pela fala equivocada de algum colaborador, por um episódio de mal atendimento com os clientes, por oferecer ao mercado algo não tão bom, entre outros motivos. Se a companhia em questão investe na estratégia de marketing emocional, tende a receber perdão com muito mais facilidade.

Nos casos em que o consumidor não possui uma ligação sentimental com a marca, enxerga seus erros com uma lente de aumento e isso pode significar deixar de comprar definitivamente. Claro que nenhuma empresa quer errar e se prejudicar no mercado, mas isso pode acontecer e, nesse caso, é essencial estar salvaguardado por uma conexão mais profunda com o público.

4 – Potencial educativo e envolvente

Estratégias de marketing emocional tendem a gerar conteúdo com grande potencial educativo e envolvente. Essas duas características corroboram para aumentar o alcance do marketing da companhia e ressignificar a presença da companhia no mercado. Ter algo relevante a comunicar para seu público faz com que a organização adquira um papel diferenciado em seu setor.

5 – Aumento do nível de satisfação

O marketing emocional tende a contribuir para a formulação de uma ideia de maior satisfação do público com o produto ou serviço. Isso acontece porque temos a tendência de potencializar os benefícios advindos de produtos/serviços de empresas que nos geram um sentimento positivo. Ter conteúdos de marketing direcionados para o viés emocional e manter uma postura de atenção ao cliente faz com que se crie uma relação mais forte e dificilmente abalável.

6 – A marca se torna parte de um ritual

A partir do momento em que a marca passa a ser associada com situações e resultados positivos na vida do consumidor, torna-se parte de rituais do dia a dia. Uma fabricante de cosméticos que investe nesse tipo de marketing, por exemplo, pode se tornar parte do momento de cuidados com a pele no final do dia, em que há mais do que o desejo de manter a pele bonita, é um momento de desligamento da rotina estressante.

Esse novo lugar em que a marca é posicionada dentro da vida do consumidor a torna especial, de maneira a reduzir as chances de que o comprador busque pela concorrente. Torna-se mais do que aquilo que o produto pode oferecer, passa a ser sobre ter a marca inserida no contexto cotidiano.

7 – A marca vista como um agente de melhoria

Mais uma das vantagens de investir em marketing emocional é a possibilidade de posicionar a empresa como um agente de melhoria. Basicamente, a marca torna-se uma aliada para resolver alguma demanda na vida do consumidor, passa a ser o ponto de virada saindo de uma situação não tão boa para outra excepcionalmente positiva.

Assim como mencionado no tópico anterior, esse posicionamento também contribui para a fidelização, pois o consumidor entende que é aquela marca e somente aquela marca que oferece os resultados desejados com o bônus de entender e atender suas demandas emocionais. Falar diretamente com as emoções do consumidor é uma forma de garantir uma posição mais consolidada no mercado.

Investir em marketing emocional é uma excelente estratégia

Além de proporcionar a oportunidade de fazer um marketing mais envolvente e com conteúdo diferenciado, o marketing emocional oferece resultados práticos muito interessantes, como aumento das vendas, elevação da taxa de recompra e imagem positiva.

As empresas devem se manter focadas em adotar estratégias que conversem de verdade com seus consumidores, fazendo com que eles se sintam abraçados e abrangidos pela marca.

7 Exemplos de marketing emocional

Para coroar toda a explicação feita sobre a estratégia de marketing emocional, fique com sete exemplos de propagandas e ações que foram criadas com o intuito de tocar o coração do consumidor. Veja como é possível emocionar, cativar e surpreender utilizando a emoção.

 

E você, também considera que o marketing emocional é importante para o sucesso de uma empresa, marca ou produto? Conhece alguma outra campanha que deu certo utilizando o apelo emocional? Deixe o seu comentário e compartilhe o conhecimento!

O artigo é bom, né?

No IBC é assim, não custa nada evoluir e alcançar resultados extraordinários. Se você quer seguir por esse caminho de evolução é só baixar o nosso e-book gratuito,
Tudo sobre Coaching. Preencha o formulário abaixo com seus dados para ler.

Imagem: Crystal-K / Shutterstock

José Roberto Marques

Sobre o autor: José Roberto Marques é referência em Desenvolvimento Humano. Dedicou mais de 30 anos a fim de um propósito, o de fazer com que o ser humano seja capaz de atingir o seu Potencial Infinito! Para isso ele fundou o IBC, Instituto que é reconhecido internacionalmente. Professor convidado pela Universidade de Ohio e Palestrante da Brazil Conference, na Universidade de Harvard, JRM é responsável pela formação de mais de 50 mil Coaches através do PSC - Professional And Self Coaching, cujo os métodos são comprovados cientificamente através de estudo publicado pela UERJ . Além disso, é autor de mais de 50 livros publicados.



*Esse conteúdo não é fonte para veículos jornalísticos ou matérias para imprensa, para utilização ou referência por favor entre em contato conosco.

Deixe seu Comentário

IBC - Instituto Brasileiro de Coaching: Av. Prof. Venerando Freitas Borges, 561 - Setor Jaó - Goiânia/ GO - CEP: 74.673-010