12 Sintomas que indicam que o seu corpo está próximo da estafa

estafa corpo e mente

Fique de olho nos sintomas da estafa

Se as atividades que você faz costumeiramente têm lhe causado desânimo e outros desconfortos, talvez seja a hora de repensar a sua rotina. Quando nossas demandas diárias são pautadas pelos excessos de tarefas e responsabilidades, nosso corpo e nossa mente dão sinais de que estão sobrecarregados. Estes mesmos sinais podem mostrar que você está com estafa ou próximo a ela.

Para que você compreenda melhor do que estou falando, vou te explicar neste artigo o que é estafa, os tipos de estafa existentes, bem como seus sintomas, para que você consiga identificá-los no dia a dia e tomar as providências necessárias, no sentido de manter a sua saúde mental e física sempre bem cuidadas.

Você conhece as 5 linguagens do amor? Quer descobrir qual é a sua?
Clique aqui, faça nosso TESTE e aprenda mais sobre seus relacionamentos!

O que é estafa?

Também conhecida como fadiga, que pode ser de origem física ou mental, a estafa pode ser considerada como a falta de energia e motivação para fazer atividades comuns do dia a dia, como trabalhar, estudar, sair com os amigos, entre muitas outras.

Geralmente as pessoas que passam por esta situação sentem um cansaço extremo, que vem acompanhado de uma forte sensação de frustração e de falta de capacidade para a realização de coisas, que antes lhe davam prazer ou eram verdadeiramente comuns em sua rotina.

Trata-se de um problema que atinge pessoas famosas, indivíduos comuns, de todas as classes sociais, cor, gênero, enfim, que não escolhe em quem ou quando vai aparecer, já que todos nós, sem exceção, vivemos em uma rotina tão atribulada, cheia de compromissos, demandas de todas as naturezas a serem atendidas, com situações acontecendo ao nosso redor de forma cada vez mais veloz, que quando nos damos conta, já estamos beirando a exaustão, por simplesmente tentar fazer tudo ao mesmo tempo.

Assim, é verdadeiramente importante que nos informemos cada vez mais sobre este assunto e tomemos como exemplo para a nossa própria vida casos como o da cantora Anitta, que teve que cancelar um dos diversos compromissos que tem em sua carreira, por ter sido diagnosticada com estafa.

Tipos de estafa

Várias pessoas expressando cansaço

Pessoas com estafa apresentam o cansaço extremo

Existem dois tipos de estafa, a física, também conhecida como periférica e a mais comum entre as pessoas, a mental ou central. Convido você a continuar a leitura, para saber mais detalhes sobre cada uma, entendendo de que forma se manifestam.

Estafa periférica

Quando falamos no primeiro tipo, estamos falando das dores musculares e do cansaço sentido a partir da realização de atividades que causem um desgaste excessivo no corpo, que tem como causa também a má alimentação.

Assim, a estafa periférica se caracteriza pelas dores intensas que surgem no corpo do indivíduo, uma apatia sem razão aparente, desânimo, imunidade baixa, que dá lugar à diversas outras doenças, distensões musculares, que passam a acontecer com maior facilidade, palpitação, azia, má digestão e muitos outros sintomas físicos.

Como eu disse acima, em decorrência da baixa imunidade e de fatores como o estresse, a má alimentação e assim por diante, algumas doenças podem surgir com mais facilidade no indivíduo que passa por um episódio de estafa, como é o caso da hipertensão arterial, doenças gastrointestinais, do coração, além das emocionais, como a ansiedade, síndrome do pânico e desenvolvimento de fobias.

Em casos assim, o ideal é que o tratamento seja aplicado, com a realização de atividades que envolvam o corpo, como a prática de exercícios físicos moderados, uma alimentação saudável e equilibrada, bem como o respeito aos limites físicos, ou seja, é preciso que o indivíduo preste bastante atenção a até onde o seu corpo pode ir, para não sobrecarregá-lo demais e acabar piorando o quadro de estafa.

Estafa mental

Já a estafa mental se caracteriza por uma alteração que ocorre no sistema nervoso central do indivíduo e que se desencadeia devido às pressões do dia a dia, ao estresse, excesso de atividades e responsabilidades, que fazem com ele tenha um desequilíbrio em seu organismo, que gera um desgaste metabólico e mental bastante intenso.

Entre os sintomas mais comuns que se observa em pessoas com estafa mental, estão as falhas de memória, diminuição do apetite sexual, falta de ânimo, irritabilidade, choro fácil, insônia constante, tristeza, angústia, que insistem em se manifestar, entre diversos outros.

Neste caso, o principal tratamento é dar lugar aos momentos de relaxamento, que foram gradativamente sendo esquecidos, dando espaço às dezenas de atividades diárias, que o indivíduo passou a atender com mais frequência. Coisas simples como passear no parque, ir ao cinema, ler um livro, meditar, e muitos outros, que o ajudem a se desligar um pouco de toda a correria cotidiana, são atividades recomendadas para lidar com a estafa mental.

Nos dois casos é essencial ficar de olho, pois eles podem trazer consequências preocupantes para o corpo, mente, para seus relacionamentos, bem como para a vida como um todo de uma pessoa.

Sintomas da estafa

Figura mostrando um homem perdendo suas energias.

Energias esgotadas

Para que você consiga observar se está ou não próximo da estafa, saiba quais são os sintomas desta doença, que se não for bem cuidada, pode trazer consequências mais graves para a vida de uma pessoa, como até mesmo a depressão.

1 – Esgotamento físico e emocional

Em decorrência do excesso de responsabilidades e das inúmeras atividades, demandas e expectativas que a pessoa precisa realizar e atender, conforme o tempo vai passando, caso ela não diminua o ritmo, pode acabar sentindo um dos primeiros sinais da estafa, que é o esgotamento físico e mental.

2 – Alterações no sono

Com a estafa surgem diversas preocupações, que podem fazer com a pessoa que está desenvolvendo-a acabe perdendo várias noites seguidas de sono. O contrário também pode acontecer, ou seja, por sentir um cansaço extremo, que muitas vezes dá a sensação de nunca passar, o indivíduo estafado passa a sentir muito sono e dormir demais, para tentar fazer com que o cansaço diminua.

3 – Má alimentação

Logo no início do desenvolvimento da doença é possível perceber que ocorrem alterações no paladar do indivíduo, ficando, este, menos apurado. A consequência disso é um aumento no consumo de alimentos que fazem mal à saúde, como sal, açúcar, muito condimentados e aqueles mais gordurosos.

4 – Memória comprometida

Outro sintoma decorrente do esgotamento mental, pelo qual a pessoa com estafa passa, são as falhas constantes na memória, bem como um comprometimento no aprendizado. Coisas que antes eram simples de serem lembradas ou aprendidas, depois de desenvolver a doença ficam um pouco mais difíceis.

5 – Agressividade

A pessoa que está à beira de uma estafa geralmente desenvolve uma sobrecarga mental tão intensa, que não consegue mais lidar com a quantidade de responsabilidades que assume, bem como com a pressão que vem com cada uma delas. A consequência disso é um comportamento mais agressivo, que passa a ser uma forma que o indivíduo utiliza para tentar descarregar tudo isso que está atormentando a sua mente e corpo ao mesmo tempo.

6 – Queda na produtividade

O trabalho de uma pessoa com estafa é bastante afetado. Isso porque o cansaço mental faz com que ela perca facilmente o foco de suas atividades, o que faz com que ela trabalhe a mesma quantidade de horas, porém, produzindo cada vez menos e esforçando-se cada vez mais, inclusive, para realizar atividades simples do dia a dia.

7 – Falta de paciência

O que antes dava prazer e bem-estar ao ser realizado, aos poucos vai fazendo com que o indivíduo fique cada vez mais impaciente. Este passa a ser um tanto quanto intolerante, tanto com pessoas, quanto com as atividades de sua rotina, tentando finalizá-las sempre com mais rapidez do que antes, com o intuito de se livrar delas o mais rápido possível.

8 – Dores no corpo

A estafa faz com que o indivíduo sinta-se tão sobrecarregado, que esta sobrecarga passa a se transformar em dores pelo seu corpo. Aos poucos, tensões musculares, que antes não existiam, vão surgindo, bem como dores nas articulações, dores de cabeça, entre muitas outras.

9 – Desânimo

Estamos falando de uma doença que surge, em muitos casos, de forma silenciosa, sendo que um de seus primeiros sintomas é também o desânimo. Aos poucos, sem a pessoa perceber, ela vai perdendo a vontade de sair com seus amigos, de se divertir, de estar em seu ambiente de trabalho, de realizar as atividades relacionadas a ele, em decorrência de um desânimo, que, geralmente, ela não sabe o motivo de seu surgimento.

Com isso, muitas vezes ela prefere ficar em casa, reclusa em seu canto, em seu ambiente seguro, do que estar em meio a outras pessoas.

10 – Palpitações

Com a estafa pode surgir também a ansiedade, ou seja, a pessoa pode ter preocupações excessivas com relação à entrega de suas atividades, por exemplo, entre muitos outros fatores. Esta preocupação excessiva desencadeia reações no corpo, que antes ela não tinha, como é o caso das palpitações, que geram bastante desconforto durante o seu dia a dia.

11 – Diminuição do desejo sexual

O desânimo, bem como as alterações cerebrais que surgem com o desenvolvimento da estafa, fazem com a pessoa com a doença passe a ter cada vez menos vontade de ter relações sexuais. Isso ocorre, pois há uma diminuição considerável da libído e do desejo sexual, consequentemente.

12 – Baixa imunidade

Aos poucos, conforme a doença vai evoluindo, a imunidade da pessoa passa a ser comprometida. Este fator é preocupante, pois a imunidade baixa abre portas para outras doenças como infecções recorrentes, gripes, resfriados, viroses, entre muitas outras.

Causas e tratamentos para a estafa

Pessoa esgotada

A estafa causa uma grande perda na produtividade.

Observa-se que são diversos os desconfortos e problemas causados pela estafa na vida de uma pessoa. Como eu disse ao longo do texto, o excesso de responsabilidades, a sobrecarga de atividades a serem realizadas durante o dia, as preocupações excessivas, entre muitos outros fatores de cunho psicológico e físico podem desencadear o surgimento da doença.

Entretanto, é preciso também, assim que você perceber os primeiros sinais e sintomas, visitar um clínico geral, para que ele ajude a investigar se as causas não estão relacionadas a distúrbios na tireóide, anemia, menopausa, entre outros, que devem ser descobertos, para que seja possível administrar o tratamento adequado.

Mas, ao passo que os tratamentos clínicos são realizados, é possível também recorrer a terapias alternativas, capazes de ajudar, e muito, no processo de melhora do indivíduo. Meditação, yoga, acupuntura, massagens relaxantes, para ajudar na superação das dores físicas, além de consultas com psicólogos e psiquiatras, são formas que contribuem, efetivamente e na prática, para que a pessoa com estafa saia de seu estado de desânimo e volte a sentir prazer nas atividades corriqueiras de seu cotidiano.

Quarentena, Covid-19 e Estafa

Além das causas que já citamos nesse artigo, existe também a possibilidade de que fatores ambientais possam ser os responsáveis para o desencadeamento de diversos problemas. Problemas esses que podem agravar e até mesmo ser o principal causador do esgotamento físico e mental.

Um exemplo de um fato como esse é o COVID-19, ou coronavírus. Trata-se de uma infecção que surgiu no final de 2019, na China, e que rapidamente se espalhou por todo o mundo. Essa doença gerou e tem gerado diversas consequências não somente na nossa saúde e economia, mas também causou problemas no âmbito social.

Além da grande angústia e dor em função do número de mortes, os países sofrem com superlotação em hospitais, falta de produtos essenciais para higiene e cuidado dos enfermos, falta de dinheiro, desemprego e como se isso já não fosse o suficiente o vírus ainda proporcionou para nós um distanciamento.

Isso porque a principal medida que tivemos que adotar para evitar que o vírus se espalhe ainda mais é a restrição e diminuição do contato humano, limitando nossas relações profissionais e pessoais.

Essa situação tem causado uma enorme preocupação na vida de todos, que, aliado a quarentena, podem potencializar nossos medos, ansiedade e outros sentimentos que acumulados poderão ser muito nocivos para nossa saúde mental, desencadeando em doenças como depressão e estafa.  

Devemos manter a esperança, afinal de contas é importante que possamos conseguir manter a esperança e união, mesmo que longes um do outro, pois muitas pessoas estão na linha de frente, lutando e busca de um tratamento eficaz, tratamento dos enfermos e contribuindo como podem para que possamos seguir adiante.

Clique AQUI e Confira mais informações sobre o CORONAVÍRUS

Estafa x cansaço

Quando o assunto é estafa, esgotamento mental e físico ou fadiga, é comum que as pessoas se perguntem: “Será se não se trata apenas de cansaço, ou realmente estou à beira de uma estafa?”.

Além dos sintomas e sinais que apresentei acima, existem alguns outros que devem ser observados, para que se saiba diferenciar estafa de cansaço. O primeiro deles está relacionado ao sono. O indivíduo estafado tem muita dificuldade para dormir, sendo que, quando consegue, tem dificuldade para acordar.

Ainda sobre o sono da pessoa com estafa, este não costuma ser reparador, ou seja, ao acordar, a sensação que o indivíduo tem é de que, mesmo tendo dormido por longas horas, estas não foram suficientes, o que faz com que ele se sinta permanentemente cansado.

Assim, quando essa dinâmica se desenrola por dias a fio, pode-se dizer que a pessoa realmente está com estafa. Caso contrário, ou seja, se em poucos dias, após algumas noites de sono reparador, esta mesma pessoa sente-se renovada e disposta, trata-se apenas de uma exaustão temporária.

É preciso respeitar os limites do corpo e da mente

Como uma pessoa que tem uma agenda cheia de compromissos, que vive viajando, na maior parte das vezes a trabalho, que tem pouco tempo, até mesmo para se alimentar, entendo muito bem o que é ficar perto do esgotamento mental e físico.

Porém, de uns anos para cá, vi a necessidade de mudar a minha rotina e a minha vida como um todo, se quisesse aproveitar melhor o que o Universo tem me oferecido constantemente. Por este motivo, hoje eu procuro estar cada vez mais e sempre que posso na companhia da minha família, fazendo ao menos duas viagens por ano ao lado de todos eles, algo que eu pouco fazia há poucos tempo atrás.

Vi que era preciso dar mais valor à coisas simples, como meditar, trabalhar a minha respiração, arejar a cabeça, fazer atividades que gosto com mais frequência, e assim por diante, pois tudo isso faz parte do respeito que eu comecei a dar aos limites do meu corpo e da minha mente.

É preciso que todos nós saiamos do automático que essa rotina acelerada tem nos colocado e passemos a investir mais tempo em nossa saúde mental e física, caso contrário, nos tornaremos uma sociedade cada vez mais à beira de uma estafa.

Desenvolva métodos de autocuidado, Ser de Luz, para que assim você saiba o momento certo de parar e dar atenção a você mesmo e às suas necessidades.

Gostou deste conteúdo, querida pessoa? Já tinha ouvido falar em estafa? Deixe o seu comentário e lembre-se sempre de se lembrar de nunca esquecer de curtir e compartilhar este conhecimento com seus amigos, em suas redes sociais.

Copyright: 367741853  – https://www.shutterstock.com/pt/g/cyano

 

O artigo é bom, né?

No IBC é assim, não custa nada evoluir e alcançar resultados extraordinários. Se você quer seguir por esse caminho de evolução é só baixar o nosso e-book gratuito,
Tudo sobre Coaching. Preencha o formulário abaixo com seus dados para ler.

 

*Esse conteúdo não é fonte para veículos jornalísticos ou matérias para imprensa, para utilização ou referência por favor entre em contato conosco.

Deixe seu Comentário

IBC - Instituto Brasileiro de Coaching: Av. Prof. Venerando Freitas Borges, 561 - Setor Jaó - Goiânia/ GO - CEP: 74.673-010